Menu
sábado, 10 de abril de 2021
Ambiental MS Pantanal - Aegea
Andorinha Fevereiro
Geral

Moinho e Vale apresentam Programa Proteger é Preciso na Câmara

29 junho 2017 - 10h36Assessoria Moinho Cultural

De novembro de 2015, quando foi lançado, até maio de 2017, o Programa Proteger é Preciso visitou 22 escolas da rede pública de Corumbá e Ladário, três comunidades rurais e formou 25 multiplicadores. Ao todo, envolveu 2.545 estudantes de escolas da rede pública, 280 participantes do Instituto Moinho Cultural Sul-Americano e 96 de comunidades rurais. Atingiu público direto de 4.383 pessoas e indiretamente mais de 13 mil pessoas.

Esses resultados obtidos pelo Programa Proteger é Preciso foram apresentados nesta terça-feira, 27 de junho, aos vereadores de Corumbá durante sessão na Câmara Municipal. "Não estamos aqui para falar dos 300 mil reais investidos no programa, mas para prestar contas e lembrar que a violência contra a criança está acontecendo agora, neste exato momento", destacou o gerente de operações e relações institucionais da Vale na região, Olemar Tibães Junior. 

Márcia Rolon ressalta atividade de 13 anos do Moinho e envolvimento da comunidade. Foto: Assessoria Moinho

A diretora executiva do Moinho, Márcia Rolon, destacou a longa parceria com a Vale e os resultados obtidos pelo Moinho em treze anos de atividades na região da fronteira. "Nossos espetáculos já envolveram mais de 57 mil pessoas", ressaltou. O presidente da Câmara, Evander Vendramini, também destacou a parceria. "Em todo lugar que você vai, em Corumbá, existe a mão da Vale", afirmou.

O Programa Proteger é Preciso é desenvolvido pela Fundação Vale e a Vale desde 2015 em Corumbá e Ladário, tendo o Moinho como parceiro executor, como forma de fortalecimento do protagonismo infanto-juvenil na prevenção e no enfrentamento às violações de direitos de crianças e adolescentes. Envolve escolas estaduais e municipais de Corumbá e Ladário e também das comunidades rurais de Porto Esperança, Antônio Maria Coelho e Urucum.

Desde sua implantação em Mato Grosso do Sul (Corumbá e Ladário), o Programa Proteger é Preciso levou palestras, vídeo-documentários, rodas de conversa, dinâmicas de grupo e apresentações de dança e música aos estudantes, com ênfase na prevenção contra o abuso e a violência sexual contra crianças e adolescentes. Também lançou para os estudantes um concurso de redação com o tema "Direito sexuais são direitos humanos", que teve como vencedora Radija da Conceição e Silva, de 14 anos, aluna da Escola Municipal Francisco Mendes Sampaio, de Ladário.

O Moinho mantém 280 participantes em aulas de música, dança, apoio escolar, educação ambiental, cidadania e tecnologia no contraturno escolar, conta com patrocínio master da Vale, patrocínio da Cielo e BrazilFundation, parceria da J. Macedo, e tem como parceiros institucionais as Prefeituras de Corumbá, de Ladário e de Puerto Suarez.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Campanha Nacional de Vacinação contra Influenza terá início na próxima segunda
MUDANÇA NO CTB
Nova Lei entra em vigor com alterações sobre uso de farol em rodovias
ECONOMIA
Cadastro de imóveis rurais será completamente digitalizado
GERAL
Corumbá recebe primeira remessa de queijos produzidos em assentamento rural
ESPORTE
Botafogo e Volta Redonda enfrentam-se neste sábado à noite
GERAL
CMDCA realiza neste sábado prova de conhecimento específico para Conselheiros Tutelares Suplentes
POLICIAL
PM captura foragido e aborda motociclista sem CNH no Guaicurus
POLICIAL
Casal vai para a delegacia após briga no Popular Nova
POLICIAL
Marido ameaça mulher, quebra objetos da casa e põe culpa em macumba
GERAL
Sorteio da mega-sena pode pagar R$ 27 milhões neste sábado

Mais Lidas

POLICIAL
Homem é acusado de agredir a própria mãe no bairro Vila Guarani
OPERAÇÃO
Operação Ágata Oeste tem resultados expressivos de apreensão de drogas e armas
SAÚDE
Campanha de vacinação contra a gripe começa na segunda
SAÚDE
Corumbá institui Núcleo de Reabilitação Pós Covid com atendimento multidisciplinar