Menu
domingo, 25 de julho de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Expresso Mato Grosso - Promoção de Junho
Geral

Denúncia do site Capital do Pantanal sobre trilhas clandestinas vira notícia no Jornal Nacional

04 julho 2020 - 09h17Gesiane Sousa com informações do Jornal Nacional e TV Morena

A entrada de bolivianos em Corumbá por meio de trilhas clandestinas, que desembocam nos assentamentos rurais do município, denunciada pelo site Capital do Pantanal em 20 de junho foi noticiado pelo Jornal Nacional, da Rede Globo de televisão, nesta quinta-feira (3).  O fechamento das fronteiras desde o mês de março e a estrutura hospitalar precária do lado boliviano, faz com que cidadãos do país vizinho, utilizem as trilhas para buscar tratamento médico contra o Covid-19 em Corumbá.

Na matéria televisiva, exibida pelo principal jornal do país com apoio informativo da TV Morena em Mato Grosso do Sul, a dupla de jornalistas Willian Bonner e Renata Vasconcelos expôs para o país e para o mundo, uma das maiores fragilidades da segurança brasileira: o controle de suas fronteiras.

O atendimento médico na Santa Casa de Corumbá não é negado à bolivianos nem a qualquer outro cidadão de outras nacionalidades, como o caso de Seu Everaldo, morador de Santa Cruz de la Sierra, exposto na matéria. Ele foi diagnosticado com Covid-19 e ficou internado por quatro dias na Santa Casa de Corumbá. O paciente confirmou para médico que teve acesso à cidade pela fronteira e que atravessou porque na Bolívia a situação está muito difícil, não há tratamento adequado.

Desde o fechamento da fronteira no mês março, a Polícia Federal já deportou mais de 200 bolivianos, que tentaram acesso à Corumbá ilegalmente.

deportados JNForças de egurança intensificam fiscalização na linha de fronteira. Foto: Reprodução Jornal Nacional

“A nossa fronteira é muito extensa. Tem muitos pontos de entrada. Não é uma ponte. Não é uma coisa fácil de ser fiscalizada. Existem várias trilhas pela fronteira, vários pontos de difícil acesso e, em alguns deles, eles tentam entrar por ali”, conta Alan Givid, delegado da Polícia Federal de Corumbá.

A entrada de bolivianos na cidade preocupa por conta do risco de transmissão da doença, cidades da linha de fronteira do país vizinho decretaram descontrole sanitário e alto risco de contaminação. Outra preocupação é com a estrutura hospitalar de Corumbá. A Santa Casa atende pacientes da cidade e da vizinha Ladário e é o único hospital da região, que recebe pacientes do SUS. São apenas 20 leitos de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) e a taxa de ocupação já atinge 65%.

Ainda de acordo com a matéria exibida ontem no telejornal, a direção da Santa Casa aponta que o medo de não conseguir atendimento pelo SUS faz os bolivianos mentirem o nome e o endereço ao darem entrada na unidade.

Trilhas JNTrilhas clandestinas desembocam em assentamento rurais da cidade. Foto: Reprodução Jornal Nacional

Até o momento, Corumbá registrou 14 mortes por Covid-19; três eram pacientes bolivianos. Para o diretor-clínico do hospital, Manoel João, o atendimento aos estrangeiros é uma questão de humanidade.

"Qualquer nacionalidade que chegar aqui, principalmente boliviano, no hospital será atendido. Com o mesmo carinho, da mesma forma que os brasileiros são. Isso é lei, inclusive.

A Secretaria de Saúde de Corumbá afirmou que tem a obrigação constitucional de prestar atendimento a qualquer pessoa, inclusive estrangeiros, mas que busca apoio de órgãos responsáveis pela fiscalização para impedir a entrada clandestina deles. A Secretaria de Saúde de Mato Grosso do Sul declarou que está dando apoio para a prefeitura de Corumbá.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Seguiriam para Bolívia
Dois veículos que seriam atravessados para Bolívia são recuperados
Mais tempo
Exame toxicológico na emissão de CNH tem prazo ampliado para utilização do laudo
Empreendedorismo
Cinco erros que o empresário deve evitar no Marketing e Vendas
Imunização
Sábado tem vacinação contra Covid até 12h no drive do Poliesportivo
Investigaçã
Famosos em MS, grupos de venda estão 'recheados' de produtos roubados
Saúde
Anvisa suspende estudos clínicos da Covaxin no Brasil
Sorte
Mega-Sena pode pagar R$ 7 milhões no sorteio deste sábado
Cidade Tranquila
Operação conjunta combate crimes fronteiriços em Corumbá e Ladário
Tempo
Ar seco e quente pode marcar o sábado em Mato Grosso do Sul
Acidente
Motociclista fratura clavícula após perder controle em lombada

Mais Lidas

Seguiriam para Bolívia
Dois veículos que seriam atravessados para Bolívia são recuperados
Imunização
Sábado tem vacinação contra Covid até 12h no drive do Poliesportivo
Cidade Tranquila
Operação conjunta combate crimes fronteiriços em Corumbá e Ladário
Mais tempo
Exame toxicológico na emissão de CNH tem prazo ampliado para utilização do laudo