Menu
terça, 19 de outubro de 2021
Andorinha - Setembro e Outubro
Andorinha - Outubro e Novembro - MOBILE
Geral

Trabalho sério e parecer técnico = credibilidade = Capital do Pantanal

12 fevereiro 2016 - 18h19Sandro Assef
No período que antecedeu ao Carnaval Cultural 2016, esse canal de comunicação que dialoga com a população, atentou-se para um grande desafio: Como noticiar os eventos carnavalescos, demonstrando a grandiosidade dos mesmos, mas ao mesmo tempo descrevendo acertos e falhas, com precisão, técnica e imparcialidade?Lançado o desafio, foi montada uma pequena equipe, porém coesa e gabaritada para descrever o que foi apresentado na Passarela do Samba. Nada passou despercebido. A emoção foi deixada de lado, no sentido de que fossem feitas  análises respeitando aquilo que foi escrito nos releases oficiais, o que foi apresentado na passarela e acima de tudo respeitando o que diz o regulamento da LIESCO. Hoje, temos o prazer de compartilhar com todos os leitores os resultados desse planejamento e esforço, para oferecer uma cobertura que fosse de fácil leitura, compreensão e acima de tudo pautada na verdade. Não basta dizer quem foi melhor, apenas pelo visual ou pela emoção, é importante e justo dizer o que fizeram para serem os melhores, ou os que erraram menos. Como também, justamente mostrar onde os demais falharam. As falhas apontadas não devem servir como depreciação, pois, o espetáculo é construído e executado por seres humanos, que estão em constante processo de aprendizagem, e evolução, sendo essa a mais importante dialética da vida - APRENDER. O resultado do trabalho do Capital do Pantanal é concreto, não pela subjetividade, mas sim, pela verdade e pareceres evidenciados na publicação dos melhores do Carnaval 2016 - Destaques nota dez Capital do Pantanal (10/02/2016); como também, logo após o desfile (09/02/2016), publicamos matéria intitulada - Mocidade faz desfile histórico e acende a luz verde para a vitória; na qual, não profeticamente, mas tecnicamente, acertamos quase que na totalidade os que se destacaram na avenida e desse destaque os vitoriosos: Melhor Escola do Grupo de Acesso: A pesada; Indicações feitas à Campeã do Grupo Especial - Nova Corumbá Melhor Bateria Alegorias e Adereços Comissão de Frente Mestre-Sala e Porta- Bandeira Interprete de Samba Enredo - Braguinha  Enfim, aprendemos que, se quisermos reportar competições, são necessários, 50% de planejamento, 40 % de conhecimento técnico sobre o que se quer transmitir, e 10% de emoção. Mas, muitos podem questionar só 10% de emoção? Sim, pois naquela fase foi necessário! Fruto daqueles poucos percentuais de emoção, porem muito planejamento e técnica, hoje, estamos saboreando 100% de emoção, graças a você leitor do Capital do Pantanal.    

Deixe seu Comentário

Leia Também

Flexibilidade
Com redução dos casos de Covid-19, Prefeitura altera Toque de Recolher em Corumbá
Monumento Histórico
Vereadores defendem resgate de antigo Farol do Balduíno no Rio Paraguai
Sem Emendas
Câmara aprova Moção em Apoio à regulamentação da profissão de podologia
Pobreza Menstrual
Vereadora pede apoio de deputados para derrubar veto presidencial na distribuição de absorventes
Em tramitação
Proposta cria programa de apoio a catadores de recicláveis em Corumbá
Briga Antiga
Anatel convoca a Oi para reunião sobre internet em Corumbá
Na Câmara
Vereador questiona índices do ICMS Ecológico estabelecidos para 2022
Desdobramento
Denúncia contra os nove indiciados pelo Dracco na Operação "Dark Money" vira processo judicial
Desdobramentos
PF apreende arma, munição e faz termo de conduta durante operação Mercês
Crime na Capital
Após disparos, polícia prende ladrões que fizeram idosa e cuidadora de reféns na Capital

Mais Lidas

Capital e Chapadão do Sul
SAD divulga abertura de Processo Seletivo da Agepan
Crime
Motorista de aplicativo é sequestrada e tem carro roubado; dois dos assaltantes foram presos
Prisão
Homem é preso após invadir e roubar escola no centro
Impressionante
Moto Titan com débitos de R$ 107 mil é aprendida em blitz do Detran-MS no fim de semana