Menu
domingo, 13 de junho de 2021
Andorinha - Maio
Andorinha - Maio
Geral

Considerado eleito, Luis Arce promete prioridade no pagamento do Bônus da Fome

19 outubro 2020 - 11h37El Deber com traduação e adaptação da Redação Capital do Pantanal

Os resultados não oficiais das empresas de pesquisa dão como virtual vencedor, Luis Arce, que já é considerado eleito presidente da Bolívia por autoridades políticas no país. Em declaração Arce, garante que a primeira coisa que fará em sua administração será pagar o Bônus de Fome, aprovado pela Assembleia Legislativa Plurinacional.

"A primeira coisa que vamos fazer é pagar o Bônus de Fome. Isso é aprovado pela Assembleia. O financiamento está garantido. O Órgão Executivo não o fez. É um capricho não cancelá-lo", disse Arce em um programa de televisão da Rede A na madrugada de segunda-feira.

O bônus

A Lei 1330 cria o Bônus de Fome. A iniciativa foi apresentada pelo MAS à Assembleia Legislativa. Prevê o pagamento de R$ 1.000 por uma única vez a todos os bolivianos maiores de 18 anos que não recebem um salário do setor privado ou do público. O benefício atinge mães que recebem o Bônus Juana Azurduy, pessoas com deficiência e beneficiários do Bônus Universal.

O Governo havia afirmado que a lei era inviável, pois previa o pagamento do título com recursos dos empréstimos concedidos pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e pelo Banco Mundial (WB), quando esses fundos já eram destinados para outros fins relacionados à emergência de saúde coronavírus. Mas esses recursos também não foram aprovados pela Assembleia.

Demanda e produção domésticas

O presidente eleito, que aguardará os resultados oficiais do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) até sexta-feira (23), disse que entre as principais medidas que começará a tomar após assumir o comando do Governo, estará o fortalecimento da demanda interna, como prometeu durante sua campanha.

"Esta é uma questão central. Para o nosso modelo é importante fortalecer essa demanda doméstica via vínculos e transferências. Ao mesmo tempo, vamos iniciar a reconstrução da produção que também foi afetada pelas medidas que (o atual governo) tomaram. Estaremos alinhados com o que temos criado para o país", disse.

Ele disse que não ia fazer nada que não levantasse e o que está embutido no programa do governo. Enquanto aguarda os resultados oficiais da eleição, Arce começou a preparar uma equipe para organizar a transição e recepção do aparato estatal.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FESTA CLANDESTINA
Postura encerra festa clandestina com militares da Marinha
POLICIAL
Ação Policial entre as Polícias Civis de SP e do MS resultam na apreensão de 107 quilos de droga
TEMPO
Tempo contribui para clima agradável com sol e friozinho no dia dos namorados
TEMPO
Tempo contribui para clima agradável com sol e friozinho no dia dos namorados
CORONAVÍRUS
Detran-MS suspende atendimento presencial em 43 cidades com bandeira cinza
POLICIAL
Homem é preso por violência doméstica no Ceac
POLICIAL
PM prende homem por invasão de domicílio no Popular Nova
GERAL
Presidente da Cassems faz alerta sobre o crescente número de casos de Covid-19 em MS
POLICIAL
Menina de 11 anos com DST diz ter sido estuprada pelo avô
GERAL
Com nova deliberação do Prosseguir, Governo restringe atendimento presencial em alguns setores

Mais Lidas

POLICIAL
Ação Policial entre as Polícias Civis de SP e do MS resultam na apreensão de 107 quilos de droga
CORONAVÍRUS
Detran-MS suspende atendimento presencial em 43 cidades com bandeira cinza
TEMPO
Tempo contribui para clima agradável com sol e friozinho no dia dos namorados
TEMPO
Tempo contribui para clima agradável com sol e friozinho no dia dos namorados