Menu
quarta, 20 de janeiro de 2021
Andorinha Janeiro/Fevereiro
Andorinha Janeiro/Fevereiro Mobile
Geral

Corumbá: Chuva causa estragos em residências

13 janeiro 2021 - 11h02Mariana Conte

As chuvas intensas e fortes enxurradas que ocorreram na madrugada desta quarta-feira, 13 de janeiro causou verdadeiros estragos em várias residências de Corumbá com perdas e danos de materiais.

Os bairros mais afetados foram Cristo Redentor, Popular Velha, Aeroporto, Maria Leite e Cravo Vermelho 1, 2 e 3.

Dona Josefa dos Santos de 54 anos, moradora do Cravo Vermelho 3 contou que teve a perda de vários materiais. “A forte chuva inundou minha casa. Perdi sofá, colchões, a minha geladeira e até alguns documentos importantes molharam. Ainda estamos tentando tirar a água de casa”, relatou.

De acordo com a moradora do bairro Cristo Redentor, Aparecida de Souza, de 48 anos disse que o asfalto que foi feito recentemente na alameda Santa Rosa foi destruído pela força da água. “Aqui a chuva causou um verdadeiro desastre, tivemos perda de praticamente todos os móveis. As casas ainda estão muito alagadas.

O CEMADEN (Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais) registrou mais de 187 milímetros que caíram na cidade só nas últimas 8 horas, provocando transtornos para centenas de moradores. O previsto para todo mês de janeiro é de 145,4 milímetros. Segundo o meteorologista Nathálio Abrãao, a região com maior volume de chuvas no Estado, no monitorado até as 4h30, foi Corumbá que registrou enchentes em toda a cidade. “Na região da prainha do Porto Geral choveu 158,6 mm e no aeroporto foram mais 123,2 mm”.

Desde a madrugada o Corpo de Bombeiros trabalha nas ocorrências causadas pela chuva. A equipe recebeu mais de 50 solicitações relacionadas a pontos de alagamento, assim como retirou vários moradores das suas residências impossibilitados de sair devido a invasão da água nas casas. Adultos, idosos, crianças, bebê e até animais foram resgatados.

Outro atendimento relacionado a intensas chuvas desta madrugada foi o corte de uma árvore da espécie Arumita em uma residência. Devido ao solo encharcado a árvore veio cair impedindo a entrada e saída dos moradores da casa.

Chuva alagou casas causando perda de móveis e materiais Fotos: Capital do Pantanal

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

MEIO AMBIENTE
Onça resgatada em novembro no Pantanal com queimaduras, será solta em seu habitat
FRAUDE ELEITORAL
Ministério Público quer impugnação de candidatos do PRB em Ladário
COVID-19
Pandemia ainda não acabou: MS registra mais de mil casos em apenas um dia
GERAL
Batida de carro e moto deixa criança ferida no Popular Nova
POLICIAL
PRF recupera dois veículos em MS que seriam levados para a Bolívia
JUSTIÇA
Alexandre de Moraes nega HC para anular seis prisões e mandar Jamil Name para casa
p
ECONOMIA
Preço da gasolina começa o ano acima do valor registrado em todos os meses de 2020
Combustível está 19,5% acima da média do mês com preços mais baixos de 2020
DEFESA CIVIL
Com previsão de mais chuva, Defesa Civil orienta população que mora em áreas de risco
EDUCAÇÃO
Professores dão dicas para o segundo dia de provas do Enem
GERAL
MPT divulga nota técnica sobre medidas de proteção a trabalhadoras gestantes

Mais Lidas

POLICIAL
Empresário de MS é preso durante Operação da Polícia Civil contra crime organizado
SAÚDE
Servidora há 30 anos, Vitória aplicou primeiras doses da vacina contra COVID-19 em Corumbá
PRIMEIROS IMUNIZADOS
Corumbá e Ladário já tem os primeiros imunizados contra a Covid-19
GERAL
Justiça do Trabalho leva sinal de internet para guatós que vivem isolados no Pantanal