Menu
domingo, 24 de outubro de 2021
Andorinha - Setembro e Outubro
Andorinha - Outubro e Novembro - MOBILE
Geral

Candidatos a prefeitura declaram patrimônio a justiça eleitoral de Corumbá

09 outubro 2020 - 09h45Gesiane Bernardo

Dos seis candidatos concorrentes a prefeitura de Corumbá, dois chamaram atenção com patrimônio milionário declarado ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). As informações estão disponíveis aos eleitores no site de Divulgação de Candidaturas e Contas Eleitorais. Outros dois candidatos informaram não ter nenhum bem em seus nomes.

O candidato mais “rico”, segundo informações declaradas pelo próprio no site de Contas Eleitorais, é também ex-prefeito do município. Paulo Duarte (MDB) declarou R$ 2.353.239,89, entre os bens estão: um apartamento em Campo Grande avaliado em R$ 1.201.550,00; uma casa de R$ 49.939,72, também na Capital; Aplicações na Caixa Econômica Federal no valor de R$ 401.737,71; um carro ano 2019 de R$ 133.240,00; Ações das companhias CCR S.A, CEMIG, TECNISA, PETROBRAS no valor de R$ 480.000,00 e créditos futuros decorrentes de contrato de mútuo no valor de R$ 480.000,00. Duarte não apresentou montante de valor em conta bancária.

O segundo candidato de maior poder aquisitivo é Gabriel Alves de Oliveira, o Dr. Gabriel (PSD), com patrimônio declaro de R$ 2.021.003,89. Entre os bens informados estão: financiamento de uma casa no bairro Dom Bosco no valor de R$ 1.250.000,00; quatro carros, sendo duas caminhonetes e dois de passeio, que somados dão R$ 396.000,00; Cotas na cooperativa Unimed de Corumbá no valor de R$ 67.000,00; 18% de um terreno em Corumbá R$ 16.000,00; aplicações de renda fixa, que somadas dão R$ 52.003,89; outros dois terrenos em Corumbá, que somados dão 140.000,00; uma casa no município no valor de R$ 85.000,00 e uma embarcação no valor de R$ 15.000,00.

O terceiro no ranking dos mais poderosos financeiramente é o atual prefeito da cidade. Marcelo Iunes (PSDB) declarou ao TSE o patrimônio de R$ 854.339,11. Entre os bens do candidato a reeleição estão: uma casa em Corumbá avaliada em R$ 420.000,00; quatro terrenos no município, que somados dão R$ 165.000,00; dois carros utilitários que somados dão R$ 261.159,17 e mais R$ 8.179,94 depositados em sua conta corrente.

Do terceiro para o quatro colocado há uma queda brusca no patrimônio, Anísio Guató (PSOL), declarou apenas sua casa em Corumbá, avaliada em R$ 110.000,00.

Elano Almeida (PSL) e Joseane Braga (PRTB) não declararam patrimônio ao TSE.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Flagrante
Dois turistas são multados em R$ 1,8 mil por pesca predatória no rio Miranda
Alerta
Últimos dias para inscrições em editais da Funarte
Imunização
Quem pode se vacinar contra Covid neste fim de semana
1 hora a menos
Agepan defende o retorno do horário de verão para economia de energia em MS
74 vagas
Concurso público da Sanesul recebe inscrições até 11 de novembro
Boletim Epidemiológico
MS volta a registrar mortes por Covid-19
Orientação
O que fazer para prevenir problemas durante e após temporais
CNH MS Social
Programa de habilitação gratuita já tramita na Assembleia Legislativa
Tempo
Chuva ganha força a partir deste sábado e pode trazer nova tempestade para MS
Precaução
Tradicional Procissão Fluvial é cancelada devido previsão de mal tempo

Mais Lidas

Causa não definida
Motorista de ônibus fretado com 42 passageiros perde o controle e colide na mureta da ponte
Dom Bosco
Homem baleado pede socorro em escola, mas não resiste e morre
Desdobramento
Embarcação que naufragou e fez sete vítimas no rio Paraguai não era de transporte turístico
Boletim Epidemiológico
MS volta a registrar mortes por Covid-19