Menu
quinta, 20 de junho de 2024
Câmara - Queimadas 2024
Andorinha - 76 anos - Junho 2024
Geral

Candidatos a prefeitura declaram patrimônio a justiça eleitoral de Corumbá

09 outubro 2020 - 09h45Gesiane Bernardo

Dos seis candidatos concorrentes a prefeitura de Corumbá, dois chamaram atenção com patrimônio milionário declarado ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). As informações estão disponíveis aos eleitores no site de Divulgação de Candidaturas e Contas Eleitorais. Outros dois candidatos informaram não ter nenhum bem em seus nomes.

O candidato mais “rico”, segundo informações declaradas pelo próprio no site de Contas Eleitorais, é também ex-prefeito do município. Paulo Duarte (MDB) declarou R$ 2.353.239,89, entre os bens estão: um apartamento em Campo Grande avaliado em R$ 1.201.550,00; uma casa de R$ 49.939,72, também na Capital; Aplicações na Caixa Econômica Federal no valor de R$ 401.737,71; um carro ano 2019 de R$ 133.240,00; Ações das companhias CCR S.A, CEMIG, TECNISA, PETROBRAS no valor de R$ 480.000,00 e créditos futuros decorrentes de contrato de mútuo no valor de R$ 480.000,00. Duarte não apresentou montante de valor em conta bancária.

O segundo candidato de maior poder aquisitivo é Gabriel Alves de Oliveira, o Dr. Gabriel (PSD), com patrimônio declaro de R$ 2.021.003,89. Entre os bens informados estão: financiamento de uma casa no bairro Dom Bosco no valor de R$ 1.250.000,00; quatro carros, sendo duas caminhonetes e dois de passeio, que somados dão R$ 396.000,00; Cotas na cooperativa Unimed de Corumbá no valor de R$ 67.000,00; 18% de um terreno em Corumbá R$ 16.000,00; aplicações de renda fixa, que somadas dão R$ 52.003,89; outros dois terrenos em Corumbá, que somados dão 140.000,00; uma casa no município no valor de R$ 85.000,00 e uma embarcação no valor de R$ 15.000,00.

O terceiro no ranking dos mais poderosos financeiramente é o atual prefeito da cidade. Marcelo Iunes (PSDB) declarou ao TSE o patrimônio de R$ 854.339,11. Entre os bens do candidato a reeleição estão: uma casa em Corumbá avaliada em R$ 420.000,00; quatro terrenos no município, que somados dão R$ 165.000,00; dois carros utilitários que somados dão R$ 261.159,17 e mais R$ 8.179,94 depositados em sua conta corrente.

Do terceiro para o quatro colocado há uma queda brusca no patrimônio, Anísio Guató (PSOL), declarou apenas sua casa em Corumbá, avaliada em R$ 110.000,00.

Elano Almeida (PSL) e Joseane Braga (PRTB) não declararam patrimônio ao TSE.

Deixe seu Comentário

Leia Também

No Pantanal
Vereador pede instalação de hidrante para combate a incêndios em Forte Coimbra
Assistência
Abertas as inscrições para Casamento Civil Comunitário 2024 em Corumbá
50% + que 2023
Governo de MS libera R$ 72 milhões das emendas parlamentares de 2024
Paredão de fogo
Equipes atuam em cinco frentes de combate ao fogo no Pantanal
Economia
Conselho aprova 86 cartas consulta que pleiteiam R$ 175 milhões em financiamentos pelo FCO
Meio Ambiente
ONGs destacam importância do trabalho conjunto no combate à incêndios no Pantanal
Tempo
Quinta-feira tem chance de chuva em parte do estado, mas em Corumbá o calor continua
Meio Ambiente
Falta de navegabilidade já impacta atuação de combate ao fogo no Pantanal
Programação
Arraial do Banho de São João em Ladário acontece de 20 a 23 de junho
Estado
Aprovados no concurso público da Saúde de MS são convocados para posse

Mais Lidas

Queimadas
Fogo destrói ponte de madeira na Estrada Parque
Ladário
Incêndio atinge região da Apa Baía Negra
Queimada
Fogo cresce na região do Bracinho e brigada da Apa Baía Negra fica sob alerta
Fronteira
Operação conjunta apreende 2 toneladas de mercadorias irregulares, Ilhamas empalhadas e cocaína