Menu
segunda, 22 de abril de 2024
Governo - Fazer Bem Feito - Abril 24
Andorinha - Novos Ônibus - Agosto 2023
Geral

As universidades argentinas de medicina mais procuradas por brasileiros

23 julho 2020 - 15h45Redação

Segundo maior país da América do Sul e o oitavo do mundo em território, a Argentina é um centro diversificado e multicultural, apesar de suas raízes latinas dominantes. Esse país de contrastes e renascimentos, cuja influência cultural europeia é indubitável, a argentina possui um dos sistemas educacionais mais reconhecidos do mundo e é um dos destinos mais procurados pelos estudantes estrangeiros.

A Argentina oferece aos seus estudantes um alto nível de educação superior, com uma excepcional quantidade de universidades renomadas, tanto públicas quanto privadas. Para os brasileiros, principalmente aqueles que desejam fazer faculdade de medicina, a Argentina é vista como um oásis. Além da qualidade do ensino, as chances reais de conseguir uma vaga para a graduação, o preço mais baixo das mensalidades nas instituições privadas ou a gratuidade nas públicas, são fatores fundamentais para a escolha do país vizinho. 

Se você é aspirante à essa carreira tão louvável, deve considerar estudar medicina na Argentina, pois garantirá uma experiência educacional que está entre as mais prestigiadas na validação de estudos profissionais no mundo. Com mais de 100 universidades distribuídas por todo o País, dentre as quais praticamente a metade são nacionais (públicas), diversas oferecem o curso de medicina.

Conheça cinco universidades argentinas que estão entre as mais procuradas por brasileiros para a graduação na área médica:

Universidade de Buenos Aires (UBA)

A Universidade de Buenos Aires (UBA), com quase 200 anos de história, é a mais prestigiada da América Latina segundo o QS University Rankings 2020, no qual também figura entre as 100 melhores do mundo. O curso de medicina é um dos mais procurados pela forte tradição acadêmica – da universidade sairam dois prêmios Nobel de Medicina, Cesar Milstein (1984) e Alberto Houssay (1947). Além disso, a UBA é responsável por cerca de 30% da pesquisa científica feita no País. A universidade conta com quatro institutos e três hospitais que formam um complexo hospitalar de referência em Buenos Aires.

O curso superior de medicina dessa instituição pública segue a metodologia tradicional, com duração de sete anos. As inscrições para a UBA acontecem entre outubro e novembro. O primeiro ano – Ciclo Básico Comum (CBC) – é dedicado ao nivelamento dos alunos. Vale destacar, principalmente para os estudantes brasileiros, que é possível cursar essa primeira etapa à distância, através do UBA XXI, com aulas on-line e provas presenciais. 

Universidade Nacional de La Plata (UNLP)

A Universidade Nacional de La Plata  (UNLP), fundada em 1905, está situada na região de La Plata, a aproximadamente 60 quilômetros de Buenos Aires. Também figura entre as melhores universidades da América Latina, segundo o QS World University Rankings de 2020, e está entre as três melhores do País. A UNLP possui um campus de cinco conjuntos de prédios, com 17 faculdades.

O curso de medicina da UNLP é um dos mais tradicionais da Argentina e, nos últimos anos, se tornou muito procurado pelos brasileiros. O ingresso na UNLP exige proficiência no idioma espanhol. Além disso, os alunos passam por um curso de nivelamento de dois meses, antes do início das aulas. É preciso ficar atento às datas da inscrição, pois a UNLP limita as vagas para estrangeiros. Essa primeira etapa da inscrição pode ser feita online, pelo site da universidade.

Universidade Nacional de Rosário (UNR)

A Universidade Nacional de Rosário, fundada em 1968, está localizada na cidade homônima, na província de Santa Fé, a 300 quilômetros de Buenos aires. A UNR também é uma instituição estadual, portanto gratuita. Essa universidade é bastante reconhecida por atender as demandas da sua região, de forma sustentável. A UNR também se destaca pelo seu método de ensino “Problem Based Learning” (PBL), que propõe a solução de problemas que os alunos encontrarão futuramente, durante o exercício da profissão.

O curso de medicina da UNR é um dos mais procurados por estudantes brasileiros, pois o método de ingresso na universidade – denominado Módulo de Inclusão Universitária (MIU) – é mais curto e flexível do que o Ciclo Básico Comum (CBC) da Universidade de Buenos Aires. A UNR exige também o certificado de Espanhol Nível B2.

Fundação H. A. Barcelo – Faculdade de Medicina

A Fundação Barcelo é uma das instituições privadas mais prestigiadas da Argentina. Sua sede principal fica em Buenos Aires, porém a universidade conta com o curso de medicina em Santo Tomé, e La Rioja, ambas cidades do noroeste do País. A Barcelo dedica-se exclusivamente à área de Ciências Médicas e conta com um corpo docente de alto nível, inclusive com professores da UBA. 

A Fundação Barcelo recebe muitos estudantes brasileiros, pois possui preços justos e alta qualidade de ensino, inclusive com opções de mestrado e doutorado na área de saúde. O ingresso na universidade requer o curso de espanhol e um curso introdutório de caráter presencial e eliminatório, que conta como primeiro ano da grade curricular. O período letivo tem início três vezes por ano, em janeiro, maio e agosto.

Instituto Universitário Hospital Italiano de Buenos Aires (IUHIBA)

O Instituto Universitario Hospital Italiano de Buenos Aires, fundado em 1999 pela Sociedade Italiana de Caridade, é uma instituição de ensino superior privada sem fins lucrativos,muito bem conceituada. Seus cursos de graduação e pós-graduação são referência na área da saúde, pois contam com um renomado corpo docente do universo acadêmico e profissional, que atua dentro do Hospital Italiano. Além de formar profissionais de medicina, a missão do IUHI é desenvolver o conhecimento científico com o objetivo de melhorar a realidade social da população.

O curso de medicina do Instituto Italiano, embora não seja considerado um dos mais baratos da Argentina, tem atraído muitos brasileiros, pois está muito bem adequado às exigência do Ministério da Educação (MEC) para a revalidação do diploma no Brasil. As inscrições para a graduação na universidade do Hospital Italiano acontece quatro vezes ao ano, sendo duas etapas em caráter presencial e duas em caráter virtual. Esta instituição possui uma política de admissão seletiva baseada em exames de admissão.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Em táxi
Brasileiro é preso com 16 kg de maconha na fronteira
Expedição
"Juizados em Ação" suspende em navio da Marinha para atender comunidades indígenas
Obrigatório
Aposentados e pensionistas por invalidez têm até julho para perícia médica bianual
Segurança Pública
4ª Fase da Operação Mute avança com telamento de presídios em MS
Trânsito
Motorista atropela casal em moto e foge sem prestar socorro
Ministério Público
Empresa alega que "poeira de minério" tem causado morte de animais na zona rural de Corumbá
MPMS instaurou inquérito para apurar a denúncia apresentada por empresa proprietária de Fazenda na região de Maria Coelho
Campeonato
Torneio Centro-Oeste de Natação atrai 470 atletas para Campo Grande
Calendário
Caixa paga Bolsa Família a beneficiários com NIS de final 4
Em Jardim
Ação conjunta apreende 12 toneladas de maconha; a maior do ano
Plantão
Acidentes de trânsito fazem quatro vítimas nas últimas 24 horas

Mais Lidas

Em táxi
Brasileiro é preso com 16 kg de maconha na fronteira
Expedição
"Juizados em Ação" suspende em navio da Marinha para atender comunidades indígenas
Obrigatório
Aposentados e pensionistas por invalidez têm até julho para perícia médica bianual