Menu
terça, 26 de janeiro de 2021
Senar MS
Andorinha Janeiro/Fevereiro Mobile
Geral

Vereador recorre ao MPE para atender Porto da Manga com transporte coletivo

23 outubro 2018 - 09h44Câmara de Corumbá

A luta do vereador Baianinho para atender a comunidade do Porto da Manga com transporte coletivo, foi reforçada na Câmara e, dessa vez, o edil recorreu ao Ministério Público Estadual, no sentido de que sejam tomadas as providências necessárias para ativação de uma linha de ônibus Corumbá – Porto da Manga – Corumbá.

Na sessão ordinária de ontem, segunda-feira, 22 de outubro, Baianinho entrou com um requerimento em regime de urgência, reforçando sua solicitação junto à Prefeitura, por meio da Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos, bem como à direção da Viação Cidade Corumbá, para que sejam tomadas as providências visando implantação dessa linha que vai atender grande número de famílias residentes no Porto da Manga.

Só que dessa vez, Baianinho solicitou o envio de uma cópia do documento ao Promotor de Justiça Luciano Bordignon Conte, da 5ª Promotoria de Justiça de Corumbá. “Já buscamos de todas as formas uma solução para o problema e até o momento, Porto da Manga continua sem transporte. Por isso resolvemos recorrer ao Ministério Público”, revelou.

O requerimento foi em regime de urgência e direcionado também ao secretário Ricardo Ametlla, e ao diretor da Viação Cidade Corumbá, Youssef Ali Younes. “Estamos pedindo ativação de uma linha pelo menos duas vezes por semana. Isto é de extrema importância e vai tirar a comunidade do isolamento. Além do mais, para chegar à área urbana de Corumbá, o taxi custa R$ 200,00 e as famílias de lá, não têm condições de arcar com estas despesas”, lembrou.

Baianinho citou ainda que aquelas pessoas que não possuem veículos e não reúnem condições de pagar um taxi, ficam na dependência de caronas na rodovia, o que é um transtorno, principalmente para quem se dirige à cidade devido a problemas de saúde.

Além da linha entre Corumbá e Porto da Manga, o vereador lembrou também que a empresa responsável pelo transporte coletivo, precisa ampliar suas viagens na região de São Gabriel, e passar pelo interior do assentamento para melhor atender os pequenos produtores rurais. “Muitos são obrigados a caminhar longa distância até a rodovia para pegar um ônibus, um transtorno para quem depende do transporte coletivo”, concluiu.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CHUVA
Corumbá já tem maior acumulado de chuva da história
SAÚDE
Corumbá recebe novo lote com 970 doses da vacina contra Covid-19
CIDADANIA
Prefeitura de Corumbá inicia ações da Semana da Visibilidade Trans; confira programação
COVID-19
MS apresenta 156,7 mil confirmações de coronavírus
DEFESA CIVIL
Volume de chuvas faz rio em Miranda atingir cota de emergência
EDUCAÇÃO
MEC anuncia regras para o Fies do segundo semestre de 2021
ACIDENTE DE TRÂNSITO
Bombeiros atendem colisão de carro e moto no Popular Velha
ALERTA
Período de calor e chuva contribui com aumento de acidentes com escorpiões
POLICIAL
PM de Corumbá recupera motocicleta furtada antes de proprietário perceber o crime no bairro Popular
POLICIAL
Em Corumbá homem é preso por violência doméstica contra sua mãe

Mais Lidas

CAPOTAMENTO
Carro capota no bairro Aeroporto e deixa casal ferido
CHUVA
Corumbá já tem maior acumulado de chuva da história
POLICIAL
Em Corumbá homem é preso por violência doméstica contra sua mãe
POLICIAL
PM de Corumbá recupera motocicleta furtada antes de proprietário perceber o crime no bairro Popular