Menu
sexta, 01 de março de 2024
Andorinha - Novos ônibus - agosto 2023
Andorinha - Novos Ônibus - Agosto 2023
Geral

Vereador busca apoio da bancada federal para agilizar religação de energia

01 junho 2018 - 09h55Câmara de Corumbá

Alteração na Resolução Normativa da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANELL) para retomar os serviços de religação de energia elétrica num prazo de até quatro horas, é a luta do vereador Cristóvão Contador, para atender o consumidor, evitando inclusive que o mesmo acabe sofrendo consequências mais graves, inclusive em caso de saúde, por falta de energia em sua residência.

Dias atrás, Cristóvão havia solicitado à direção da Energisa, o retorno das religações de luz em regime de urgência. Segundo ele, a demora desse serviço acaba causando transtornos principalmente às pessoas idosas acamadas, portadores de diabetes dependente de insulina, crianças de colo que, muitas vezes dependem de nebulização, além de outras necessidades fundamentais que, sem energia, ficam desprovidas de um melhor atendimento.

A Energisa informou que segue uma Resolução Normativa da ANEL, 414/2010, que diz que a distribuidora deve restabelecer o fornecimento nos seguintes prazos, contados ininterruptamente: 24 horas, para religação normal de unidade consumidora localizada em área urbana; 48 horas, para religação normal de unidade consumidora localizada em área rural; 4 horas, para religação de urgência de unidade consumidora localizada em área urbana; e 8 horas, para religação de urgência de unidade consumidora localizada em área rural.

Ocorre que a Resolução, em seu artigo 102, inciso 5º, cita que é facultado à distribuidora a implantação do serviço de religação de urgência, e isso não está disponível para o Mato Grosso do Sul, assim como para os estados da Paraíba, Sergipe, Tocantins e Mato Grosso.

Para fazer com que o serviço volte a ser realizado na cidade, Cristóvão está solicitado intervenção dos representantes sul-mato-grossenses na Bancada Federal, para alterar a Resolução, por meio de uma emenda no artigo 102, inciso 5º, fazendo com que o serviço de religação de urgência se torne obrigatório, e que ele ocorra em um prazo de 4 horas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Bombeiros
Acidentes de trânsito fazem quatro vítimas nesta manhã em Corumbá
Plantão
Tucano é resgatado em casa do bairro Cervejaria
Valorização
Vem aí Super Chef Merendeira; Ladário participa da competição
Destaque
Mato Grosso do Sul dá primeiro passo para inserir inovação em compras públicas
Contra a Dengue
Sábado é Dia D de combate ao mosquito no Alta Floresta II em Ladário
Eventos
Programação do mês da mulher começa na segunda-feira, 04 de março
Medidas
TSE proíbe uso de inteligência artificial para criar e propagar conteúdos falsos nas eleições
27 vagas
Inscrições para concurso de professores da UFMS seguem abertas até 7 de março
Em discussão
Trabalhadores de aplicativo devem ter ganho mínimo e cobertura da previdência
Sorte Grande
Nota Premiada sorteia R$ 300 mil nesta quinta-feira em Mato Grosso do Sul

Mais Lidas

Serviço Público
Santa Casa anuncia fechamento do setor psiquiátrico em Corumbá
10 vagas em MS
Inscrições estão abertas para concurso da Caixa com três vagas em Corumbá
Confirmado
Dupla sertaneja Henrique e Diego é a principal atração cultural do FIPEC 2024
Ensino
Curso "Me salve!" está com matrícula grátis e 1ª mensalidade para 10 de março