Menu
domingo, 03 de março de 2024
Andorinha - Novos ônibus - agosto 2023
Andorinha - Novos Ônibus - Agosto 2023
Geral

UFMS cria 4 novos cursos com ingresso no primeiro semestre de 2019

24 agosto 2018 - 08h05Campo Grande News

O Conselho Universitário da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) aprovou a criação de quatro novos cursos que devem oferecer vagas para ingresso de alunos já no primeiro semestre de 2019.

As graduações são em Audiovisual, Engenharia de Alimentos, Engenharia Física e Engenharia Química, todos na modalidade bacharelado e de tempo integral. Ainda hoje o Conselho também aprovou a institucionalização nas modalidades de licenciaturas dos cursos de Educação do Campo e Intercultural Indígena.

A partir de agora serão dados os encaminhamentos junto ao Ministério da Educação que verifica toda a documentação apresentada, a justificativa de relevância da graduação para a região, os estudos de viabilidade e de demanda por recursos materiais e humanos, entre outras questões.

“Concomitante a isso, na UFMS, a comissão responsável pela proposição da graduação, submete à Prograd o projeto pedagógico, para que sejam feitas a verificação e os ajustes necessários. Após sua aprovação pela Prograd o curso estará apto para ser iniciado”, explica a professora Heloisa Laura da Costa, chefe da Coordenadoria de Desenvolvimento e Avaliação de Ensino da Pró-reitoria de Graduação (Prograd).

A seleção, assim como as demais graduações regulares da UFMS, deve ser feita por meio do SiSU, Passe e Vestibular.

Vagas

Audiovisual - são previstas 30 vagas. O turno será integral com aulas presenciais e finalização em, no mínimo, oito semestres letivos. A nova graduação foi proposta pela Faculdade de Artes, Letras e Comunicação (Faalc).

Engenharia - proposta pela Faculdade de Ciências Farmacêuticas, Alimentos e Nutrição (Facfan) tem previsão de que sejam ofertadas 40 vagas para o primeiro semestre de 2019. O turno deve ser integral, com aulas presenciais, e finalização em, no mínimo, dez semestres letivos.

Engenharia Física - foi proposta pelo Instituto de Física (Infi) com previsão de oferta de 30 vagas para o primeiro semestre de 2019. O turno deve ser integral com aulas presenciais e finalização em, no mínimo, dez semestres letivos.

Engenharia Química - foi proposta pelo Instituto de Química (Inqui) com previsão de oferta de 35 vagas para o primeiro semestre de 2019. O turno deve ser integral com aulas presenciais e finalização em, no mínimo, dez semestres letivos.

Institucionalização

Os cursos de Educação do Campo e Licenciatura Intercultural Indígena foram anteriormente ofertados pela UFMS por meio de programas governamentais específicos: o Programa de Apoio à Formação Superior em Licenciatura em Educação do Campo (Procampo), em consonância com o Programa Nacional de Educação do Campo (Pronacampo), e o Programa de Apoio à Formação Superior e Licenciaturas Interculturais Indígenas (Prolind), respectivamente.

Educação do Campo Licenciatura - são previstas 30 vagas. O turno deve ser integral, com aulas nos períodos matutino e vespertino. O curso continuará a ser desenvolvido na Faculdade de Educação (Faed) e deve manter sua característica presencial na pedagogia de alternância entre Tempo Universidade e Tempo Comunidade.

Deve manter ainda, como característica, o atendimento às populações do campo, com a perspectiva de continuar a exigência de comprovante de pertencimento ao campo e da disponibilidade para participação em visitas de estudo.

Licenciatura Intercultural Indígena - são previstas 25 vagas. O turno também deve ser integral, com aulas presenciais nos períodos matutino e vespertino, em pedagogia de alternância entre Tempo Universidade e Tempo Comunidade. O curso continuará a ser desenvolvido no Câmpus de Aquidauana. Deve manter também, como característica, o atendimento às populações indígenas, com previsão da exigência de comprovante de pertencimento a comunidade indígena.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Dia D
Municípios de MS participam de mobilização nacional em combate à Dengue
Ecoa Pantanal
Relatório alerta sobre o efeito cumulativo das barragens no Pantanal
Plantão
Passageira sofre fratura exposta e é abandonada por motociclista
Em obras
Seilog garante que travesseia na ponte do rio Paraguai é segura
10 horas no trajeto
Criança é resgatada no Pantanal com miçanga no nariz
Em 5 cidades
Classificados para 3ª fase do Voucher Desenvolvedor participam de vivência no Senac
Campanha Nacional
Dia D contra a dengue convoca população a eliminar focos do mosquito
Atrasado
MEC divulga resultado da segunda chamada do Prouni
Aposta
Mega-Sena pode pagar R$ 185 milhões neste sábado
Destaque
Sistema E-Crie de MS é avaliado pelo Ministério da Saúde para implementação em nível nacional

Mais Lidas

Benefício
Prefeito assina decreto que regulamenta aumento no plantão de profissionais da saúde
Necessário
Recadastramento em programa do Governo que paga a conta de luz segue até 10 de maio
Em ônibus fretado
Três bolivianos são flagrados com 3,1 kg de cocaína nos calçados
Devido a obra
Travessia de caminhões cegonha na ponte do rio Paraguai ocorre com horários programados