Menu
sexta, 14 de junho de 2024
Andorinha - 76 anos - Junho 2024
Andorinha - 76 anos - Junho 2024
Geral

Transferência de alunos do município para o estado gera preocupação nos professores

07 outubro 2022 - 10h04Gesiane Sousa

O Sindicato Municipal dos Trabalhados em Educação (Sinted) de Corumbá está cobrando atenção da Secretaria Municipal de Educação, quanto a forma que estão transferindo os alunos de sexto à nono ano, matriculados na Rede de Ensino Municipal, para a Educação do Estado. 

O regime de colaboração entre Município e Estado, que faz parte das diretrizes do Plano Nacional de Educação, já era prevista por Lei, porém segundo o Sinted falta planejamento e suporte na efetivação dessas transferências.  

Durante a pandemia, segundo a secretária adjunta de Educação, Maria do Carmo Provenzano, o Estado acabou com todas as salas de Fundamental I sem consultar o Município, e sem implementar nada. Então o Ministério Público (MP) entrou com uma ação bloqueando os recursos tanto do Estado como do Município. O MP pedia um consenso de atendimento de forma compartilhada e ordenada e, é exatamente nesse ponto, que o Sinted tem criticado a atuação do município, na falta de ordenação indicada pelo MP. 

Em entrevista com o presidente do Sinted - Corumbá, Gabriel Omar da Matta Postigliatti, ele afirma que falta de diálogo com as comunidades escolares e com os profissionais da educação. Segundo Gabriel, até a data da última reunião que obteve com a Semed, em julho deste ano, “nenhuma organização, levantamento ou estudo prévio foi realizado para medir o impacto dessa mudança, que pode prejudicar os alunos, as escolas, as famílias e os profissionais da educação”, disse Gabriel. 

Gabriel reforça que a pauta será incluída nas demandas que serão tratadas com o município, em reunião prevista para novembro, após as Eleições 2022. “Foi acordado com o executivo e legislativo, que iremos nos reunir após as Eleições para tratar do reajuste salarial e Plano de Cargos e Salários, vamos incluir essa pauta na mesma oportunidade”.  

Quanto aos professores, de acordo com Maria do Carmo Provenzano, da Semed, ninguém será dispensado, nem sofrerá perdas salariais. “Os professores continuarão vinculados financeiramente ao Município, haverá apenas uma cedência do profissional para o Estado e haverá mudança do local de trabalho”, esclareceu a secretária adjunta. 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Capacitação
Qualifica Ladário está com inscrições abertas até 20 de junho
Novidade
Sorveteria de Caio Castro inaugura loja nesta sexta em Corumbá
Evento
Sábado tem Festival de Pipa em Ladário
Em até 9X
Ladário: prazo para incluir taxa do lixo na fatura de água encerra dia 14
Economia
Reunião aprovou prioridades e novas áreas de financiamento do FCO para 2025
Cidadania LGBTQIA+
Certidão de nascimento garante cidadania, direitos e renascimento de novas histórias
Viva a São João
Estão abertas as inscrições para concursos de Andores, Miniandores e Quadrilhas Juninas
Praça da Independência
Cerimônia cívico-militar comemora os 157 da Retomada de Corumbá
Edital
Sindicato convoca trabalhadores da J&F Mineração para Assembleia Geral
Economia
Em novo recorde para o mês, Junta Comercial registrou abertura de 960 empresas em maio

Mais Lidas

Edital
Sindicato convoca trabalhadores da J&F Mineração para Assembleia Geral
Infraestrutura
Moradores falam de melhor qualidade de vida após lajotamento de vias no Cravo Vermelho
Novidade
Sorveteria de Caio Castro inaugura loja nesta sexta em Corumbá
24 horas
Colisão entre carro e bicicleta faz duas vítimas na manhã desta quinta