Menu
quarta, 22 de maio de 2024
Câmara de Corumbá - Maio Laranja 2024
Andorinha - Novos Ônibus - Agosto 2023
Geral

Simulado Hora do Enem estará disponível sábado (25)

25 junho 2016 - 10h31Portal Brasil

O segundo simulado oficial da plataforma de estudos Hora do Enem estará disponível a partir do próximo sábado (25), às 8h. Nesta edição, diferentemente do primeiro exame, os estudantes poderão realizar a prova até as 20h do dia 3 de julho.

Para participar da avaliação, os interessados devem se cadastrar na plataforma de estudos oficial Hora do Enem e aguardar a liberação do simulado on-line no período determinado. Os participantes terão até quatro horas seguidas para a conclusão da prova.

O simulado é realizado pelo Ministério da Educação (MEC) em parceria com o Serviço Social da Indústria (Sesi) e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep). O ministro da Educação, Mendonça Filho, destacou a importância de uma boa preparação para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que será realizado em 5 e 6 de novembro.

“Convoco todos os jovens do Brasil que estão se preparando para o Enem a participar do segundo simulado, agora, em junho”, disse. “É uma ótima oportunidade para se preparar", destacou.

A prova contará com 80 questões, elaboradas no mesmo formato do Enem, de forma a permitir ao estudante que esteja concluindo o ensino médio, na rede pública ou particular, praticar e ganhar ritmo para as provas oficiais, em novembro.

A pontuação de desempenho do aluno é divulgada pela plataforma Hora do Enem, imediatamente, após a realização do simulado. O mecanismo ainda possibilitará que o usuário verifique se atingiu ou não a nota de corte do curso que pretende fazer e da universidade na qual espera ingressar.

Redes  

Outra novidade do segundo simulado nacional é o engajamento das redes estaduais de educação. Alunos do ensino médio das redes públicas que não tiverem acesso particular à internet vão poder fazer a prova na própria escola, ao longo da próxima semana, entre segunda-feira (27) e 1º de julho. 

A Secretaria de Educação Básica (SEB) do MEC tem atuado para que as redes estaduais garantam o acesso de seus alunos à plataforma. O MEC também colocará relatórios gerenciais à disposição das secretarias estaduais e gestores de todas as escolas públicas do País. 

Precursor

No primeiro simulado nacional, realizado entre 30 de abril e 1º de maio e repetido em 7 e 8 de maio deste ano, mais de 710 mil estudantes de 99,91% dos municípios brasileiros fizeram as provas on-line. Desse universo, 85% estudam em escolas públicas, 64% são mulheres e 46% fizeram a prova por telefone celular. 

Mais informações sobre os resultados, bem como os principais números do primeiro simulado constam da página do exame na internet. As escolas também encontrarão nessa página informações sobre o recebimento dos relatórios. 

 

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Segurança
Táxis de Corumbá tem até 21 de junho para implantar QR Code de identificação
Transporte
Corumbá abre credenciamento para 30 autorizações de mototáxi
Marinha e Bombeiros
Idosa vítima de AVC é resgatada por aeronave em fazenda do Taquari
Incentivo
Agricultores familiares de Corumbá entregam 3 toneladas de alimentos no lançamento do PPA
Infraestrutura
Interditada: ponte sobre o rio Paraguai recebe 3ª concretagem neste no fim de semana
Na madrugada
Homem é preso vendendo droga em beco do bairro Borrowski
Aeroporto
Vereador pede apoio do governador para volta de voos comerciais entre Corumbá e Campo Grande
Tráfico de Drogas
Mochila abandonada em ônibus é apreendida com 8,7 kg de Skunk
Plantão
Bombeiros registram quatro incêndios em terrenos baldios de Corumbá
Publicado
Concurso 2024: Prefeitura divulga resultado do TAF para cargo de Guarda Civil Municipal

Mais Lidas

Manifestação
Setor de transporte protesta por falta de combustível e ameaça fechar a fronteira
Agenda Cultural
Evento de som automotivo arrecada doações para RS e Instituto Novo Olhar
Na Câmara
Projeto de Lei Municipal torna laudos de TEA permanentes
Investigação
Padre de MS é denunciado por relacionar bruxaria e satanismo à tragédia no RS