Menu
sábado, 24 de fevereiro de 2024
Andorinha - Novos ônibus - agosto 2023
Geral

Servidores são presos por furtar combustível da Agesul para revender

05 abril 2018 - 10h18Campo Grande News

Quatro servidores públicos da Agesul (Agência Estadual de Gestão e Empreendimentos) foram presos por volta das 19h de ontem (4). Eles são acusados de furtar óleo diesel de máquinas utilizadas em canteiros de obras da empresa pública para revender. O caso aconteceu em Dourados, 233 quilômetros de Campo Grande.

Antônio Ferreira da Silva, 47 anos, Celso Ovelar, 46 anos, Juarez Augusto da Silva, 49 anos, e José da Cruz Gomes Pereira, 52 anos, foram autuados por peculato, associação criminosa, venda ilegal de combustível e crime ambiental.

De acordo com o delegado do SIG (Setor de Investigações Gerais), Rodolfo Daltro, a investigação começou há 30 dias após denúncia de diretores do órgão. Cada servidor furtava 200 litros de combustível, totalizando 800 por semana.

O litro era vendido no varejo na cidade e região por R$ 2,50, preço muito abaixo do valor praticado no mercado. A polícia encontrou com o grupo 95 galões de diversas medidas, seis deles estavam cheios. Os servidores foram encaminhados para o 1º Distrito Policial. Os quatro são servidores efetivos.

Durante investigação, um comprador, identificado como Joel Bispo, foi flagrado comprando 80 litros de óleo diesel. Ele foi autuado e vai responder por receptação. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Até 9h de amanhã
Corumbá e mais 23 cidades de MS estão sob alerta de chuvas intensas
Na entrada
Perícia estima que morte de homem encontrado em mata na cidade tenha ocorrido há 4 dias
Dados IBGE
Em 12 anos, quase 60 mil pessoas trocaram casa por apartamentos em MS
Nota Oficial
APAE de Campo Grande divulga nota de esclarecimento sobre bolsas coletoras
Pesquisa
UFMS apresenta Plano de Desenvolvimento e Integração da Faixa de Fronteira à Sudeco
Cursos
Academia de Música Manoel Florêncio abre inscrições para 127 vagas
Um menor
Operação resgata 20 trabalhadores sob condições de escravidão em fazenda de limão
Vindo do RJ
Boliviano de 21 anos é detido com 35 celulares sem nota fiscal
Convênio
Pacientes bolivianos em tratamento oncológico em Corumbá terão 75% de desconto na Andorinha
Protesto
Religiosos pedem retratação à site da capital por desrespeito à Iemanjá

Mais Lidas

Protesto
Religiosos pedem retratação à site da capital por desrespeito à Iemanjá
Na entrada
Perícia estima que morte de homem encontrado em mata na cidade tenha ocorrido há 4 dias
Oportunidade
Concurso da Caixa tem 3 vagas para Corumbá com salário de R$ 3,7 mil
Vindo do RJ
Boliviano de 21 anos é detido com 35 celulares sem nota fiscal