Menu
quinta, 17 de junho de 2021
Andorinha - Maio
Andorinha - Maio
Geral

Sandra de Sá é atração da Seresta Especial das Mães nesta sexta (12)

10 maio 2017 - 09h39Assessoria PMC

A homenagem para as mães corumbaenses deste ano vai contar com show popular e atração nacional. A festa acontece nesta sexta-feira, 12 de maio, a partir das 20 horas na praça Generoso Ponce, na avenida General Rondon, onde também será montada uma praça de alimentação. O evento vai reunir artistas locais e terá como atração principal a cantora e compositora Sandra de Sá. 

Vão representar as mulheres pantaneiras as artistas Norma Atagiba, Elisete, Lucinha Philbois, Kris Simões e Fátinha Ricco. No repertório, músicas regionais e grandes sucessos nacionais. As cantoras serão acompanhadas pela Banda RT, composta por Juares dos Teclados; Valdir no contrabaixo; Narciso na guitarra; Aniceto na bateria e Yan na percussão.

“A Seresta é um presente da Prefeitura para todas as mães corumbaenses, as nascidas aqui e as que carinhosamente adotaram nossa cidade para viver”, afirmou o prefeito Ruiter Cunha de Oliveira, que destacou ainda a importância do evento para o comércio local e a cultura regional.

A atração principal da noite, Sandra de Sá já foi chamada por alguns de "Tim Maia de saias". Cazuza dizia que ela era na verdade a Billie Holliday brasileira. Sua africanidade e musicalidade estão no sangue: neta de um caboverdiano e filha de músico, sua adolescência foi em meio aos bailes de gafieira, samba e soul.

Aprendeu sozinha a tocar violão e começou a compor suas letras. Ganhou prêmios como cantora e compositora em diversos festivais de Música. Mas o sucesso para valer, como cantora, veio no festival MPB 80, colocando "Demônio Colorido" entre as finalistas e obtendo repercussão nacional.

Após o Festival, Sandra foi contratada pela gravadora RGE e, a partir daí, a trajetória de Sandra foi fulminante: novos discos de sucessos, composições próprias e de grandes autores, apresentações por todo o país. Nessa década, e na seguinte, surgiram os maiores hits de sua carreira.

A partir de 2000, entre shows e eventos, no Brasil, Estados Unidos, Africa e Europa, a artista fez teatro e programas de TV, gravou albuns e DVDs com os maiores nomes da nossa música e ainda encontra tempo para ações sociais, participando ativamente da CUFA (Central Única das Favelas), e fundando a Academia Afro-Brasileira de Arte.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

GERAL
Autor de atropelamento na Rio Branco é comissionado da Prefeitura de Corumbá
SAÚDE
Corumbá leva vacina contra a Covid-19 para a região do Taquari
POLICIAL
PMA apreende 1.289 kg de droga com adolescente paraguaio
TURISMO
Turismo de MS participa de webinar nesta quarta-feira e se aproxima do mercado irlandês
PROTESTO
Ciclistas fazem protesto após morte de empresária na Rio Branco
ECONOMIA
Trabalhadores nascidos em novembro podem sacar auxílio emergencial
SAÚDE
Anvisa autoriza importação excepcional da vacina Sputnik V
CIDADE
Prefeitura de Corumbá determina abertura de comércio
CORONAVÍRUS
Com 25 mil casos em 15 dias, junho pode bater recorde de infectados por covid em MS
GERAL
Homem sofre queda de telhado e fica ferido

Mais Lidas

GERAL
Autor de atropelamento na Rio Branco é comissionado da Prefeitura de Corumbá
POLICIAL
Mulher é presa por descumprimento de medida protetiva
POLICIAL
Homem é preso por violência doméstica no Parque do Mangueiral em Ladário
GERAL
Homem é esfaqueado pelo filho no Sassida