Menu
quarta, 29 de maio de 2024
Andorinha - Novos ônibus - agosto 2023
Andorinha - Novos Ônibus - Agosto 2023
Geral

Produção industrial de Mato Grosso do Sul inicia 2016 em baixa

03 março 2016 - 13h08Redação
A produção industrial de Mato Grosso do Sul iniciou 2016 como terminou 2015, isto é, sem apresentar crescimento em janeiro, mesmo diante do fraco desempenho apresentado no mês anterior, conforme a Sondagem Industrial realizada pelo Radar Industrial da Fiems junto às empresas sul-mato-grossenses. “O índice referente à produção fechou o mês marcando 38,4 pontos, enquanto para 59,7% dos respondentes a produção em janeiro foi menor, quando comparada com mês de dezembro”, analisou o coordenador da Unidade de Economia, Estudos e Pesquisas da Fiems, Ezequiel Resende. Ainda de acordo com a Sondagem Industrial, para 63,4% dos respondentes, a utilização da capacidade instalada ficou abaixo do usual para o mês, no levantamento anterior o resultado foi de 61,3%. “O índice marcou 32,7 pontos em janeiro, queda de 1,3 pontos no comparativo com igual mês de 2015, mantendo o resultado muito abaixo do patamar considerado adequado para o período, que é alcançado quando o indicador se situa em torno dos 50 pontos. Por fim, a ociosidade média no mês de janeiro foi de 37%”, pontuou. Ele acrescenta que os empresários da indústria estadual não acreditam em melhoras significativas em relação à demanda por seus produtos, quantidade exportada, número de empregados e compras de matérias-primas nos próximos seis meses. “Os índices que medem a expectativa em relação à demanda por seus produtos, número de empregados, compras de matérias-primas e quantidade exportada ficaram, mais uma vez, abaixo dos 50 pontos”, afirmou. ICEI Já o Índice de Confiança do Empresário Industrial em Mato Grosso do Sul (ICEI/MS) segue nos mais baixos patamares da série histórica. “O mês de fevereiro de 2016 marcou o 10º consecutivo com o índice inferior aos 50 pontos, marcando 35,4 pontos. O resultado permanece abaixo da linha divisória dos 50 pontos, principalmente, pelo pessimismo apresentado em relação às atuais condições da economia brasileira, sendo a variável de pior desempenho, marcando somente 20,5 pontos”, detalhou o coordenador da Unidade de Economia, Estudos e Pesquisas da Fiems. Em fevereiro, para 87,9% dos respondentes as condições atuais da economia brasileira pioraram, enquanto no caso da economia estadual, na mesma comparação, a piora foi apontada por 82,9% dos participantes. Com relação à própria empresa, as condições atuais estão piores para 65,9% dos respondentes, enquanto para 26,8% elas não se alteraram. Para os próximos seis meses, 62,7% dos respondentes mostraram-se pessimistas em relação à economia brasileira, enquanto no caso da economia estadual o pessimismo foi apontado por 54,9% dos participantes da pesquisa. Com relação ao desempenho da própria empresa, considerando os próximos seis meses, 39% dos respondentes mostraram-se pessimistas, patamar ainda próximo aos dos que acham que a situação permanecerá igual, que chegou a 36,6%. Além disso, 68% dos empresários industriais do Estado não pretendem investir nos próximos seis meses. “O industrial sul-mato-grossense mostra-se pouco confiante em relação aos investimentos, 68,2% dos respondentes disseram que não pretendem realizar investimentos nos próximos seis meses a partir de fevereiro. Já o indicador de intenção de investimento marcou 38,7 pontos, recuo de 22% sobre igual mês do ano passado”, afirmou Ezequiel Resende.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Embrapa
Campanha Anual de Promoção do Alimento Orgânico chega a sua 20ª edição no Pantanal
Atrativo Turístico
Vereador pede revitalização do Eco Parque Cacimba da Saúde
Bolsistas
IFMS prorroga inscrições para bolsas do Mulheres Mil
Serviço Necessário
Vereador pede atenção especial para recuperar sistema de energia no Taquaral
Solidariedade
Sistema Fiems envia carretas de eletrotécnica e marcenaria para atender desabrigados no RS
Vagas para MS
Divulgado gabarito preliminar do concurso da Caixa
Operação Cartão Vermelho
Cezário pede licença do cargo de presidente da federação
Pavimentação
Obras de infraestrutura avançam em ruas do bairro Jardim dos Estados
Recurso Federal
Luciano Costa busca emenda para atender programas sociais do Moinho Cultural
Obrigatório
Prazo para implantação de QR Code para identificação de táxis termina dia 21 de junho

Mais Lidas

Educação
Inscrições no IFMS para qualificação profissional a distância vão até domingo, 2 de junho
Esporte
Primeira etapa do Circuito Funec de Corrida Rua reúne mais de 400 participantes
+ de 7 quilos
Bolivianas são presas transportando pasta base para São Paulo
Na Câmara
Aprovado Projeto que institui 30 horas de jornada a profissionais de enfermagem em Corumbá