Menu
terça, 22 de junho de 2021
Assembleia de MS - Campanha Mãos - Junho
Andorinha - Maio
Geral

Primeiro boletim epidemiológico do ano aponta 105 casos suspeitos de dengue em Corumbá

13 março 2017 - 08h22Gesiane Medeiros com informações da PMC

A secretaria de saúde de Corumbá divulgou na última sexta-feira (10), o primeiro boletim epidemiológico da vigilância em saúde do ano. Os casos contabilizados compreendem ao período de 1° de janeiro a 4 de março. Como já era de se esperar, a dengue ocupa a primeira posição no ranking de endemias na cidade, foram 105 casos suspeitos notificados pela equipe, destes apenas dois foram confirmados no bairro Aeroporto, um no Dom Bosco e um no Centro.

O mapeamento realizado pela saúde municipal auxilia na elaboração de estratégias e ações a serem desencadeadas nos bairros mais atingidos.

O zika vírus obteve 15 casos notificados, seis no Aeroporto, três no Centro, dois no Guanã, um no Cristo Redentor, um no Maria Leite, um na Cervejaria e  um caso foi confirmado no bairro Nova Corumbá. Dentro do período mapeado, nove casos de chikungunya foram contabilizados, dois no centro, um no Aeroporto, um no Dom Bosco, um no Jardim dos Estados e um no Conjunto Primavera. Apenas o caso do bairro Jardim dos Estados foi confirmado.

A dengue, o zíka vírus e a chikungunya são transmitidos pelo mosquito Aedes Aegypdi e causam sintomas como dores no corpo, febre e mal estar.  A forma de prevenir é mesma, moradores devem descartar todos os objetos que possam acumular água e manter o quintal da casa limpo.

Quintais e terrenos abandonados em Corumbá ainda possuem grande quantidade de lixo acumulado. Foto: Clóvis Neto

Outras endemias

Foram confirmados quatro casos de leishmaniose visceral nos bairros Jardim dos Estados, Jardinzinho, Maria Leite e Previsul. Essa é uma doença sistêmica, caracterizada por febre de longa duração, perda de peso, astenia, adinamia e anemia, dentre outras manifestações. Quando não tratada, pode evoluir para óbito em mais de 90% dos casos.

Já a Influenza, ou gripe teve 20 casos notificados. É uma doença viral febril, aguda, geralmente benigna e autolimitada. Frequentemente é caracterizada por início abrupto dos sintomas, que são predominantemente sistêmicos, incluindo febre, calafrios, tremores, dor de cabeça, dor muscular e perda de apetite, assim como sintomas respiratórios com tosse seca, dor de garganta e coriza.

A infecção geralmente dura uma semana e com os sintomas sistêmicos persistindo por alguns dias, sendo a febre o mais importante. Até o momento no município foram confirmados por laboratório três casos de H3 sazonal e um caso de H3 sazonal por vínculo epidemiológico. Os casos ocorreram nos bairros Generoso, Maria Leite, Guatós e Dom Bosco.

Ação

Com base no estudo dos casos notificados e confirmados, e no Levantamento de Índice Rápido do Aedes aegypti equipes (Liraa) de 3%, as equipes da Secretaria de Saúde realizaram ação educativa e eliminação de focos do vetor no conjunto Padre Ernesto Sassida; bloqueio mecânico no Centro e Ação pós LIRAa nos Bairros Aeroporto e Jardim dos Estados; ação de Prevenção a Febre Amarela bairro Cervejaria; e planejamento das atividades que serão realizadas pelo setor da Educação em Saúde nas Unidades de Saúde, CRAS e Escolas.

Também foram executadas vistoria e trabalho educativo em duas denúncias de imóveis Fechados e Desocupados; palestras com família cadastradas no CRAS IV; trabalho Educativo na ação nos bairros Guanã e Primavera; e bloqueio mecânico em todos os casos notificados até o momento assim com o manejo ambiental com a remoção de possíveis criadouros do vetor. Visando o controle de casos de leishmaniose foi realizada a instalação de armadilhas tipo CDC para avaliação das ocorrências de flebotomíneos nos imóveis com casos notificados e posteriormente a borrifação para a eliminação destes vetores.

 

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

GERAL
Sanesul informa interrupção no fornecimento de água em Ladário
PROJETO DE LEI
Vereadora prega conscientização sobre a menstruação e distribuição de absorventes higiênicos
ECONOMIA
Auxílio emergencial: nascidos em abril podem sacar 3ª parcela
NA PANDEMIA
Feiras livres como atividades essenciais é o que pede vereador na Câmara
ECONOMIA
Copom: Inflação persiste, mas economia evolui mais que o esperado
SAÚDE
Brasil antecipou mais de 16 milhões de doses de vacinas, diz Queiroga
EDUCAÇÃO
Para melhorar aprendizado, governo cria a Fundação de Apoio à Educação Básica
FISCALIZAÇÃO
A partir de julho de 2022, bomba de combustível terá assinatura digital para evitar fraudes
TEMPO
Em Corumbá a variação da temperatura fica entre 16°C a 27°C nesta terça
CULTURA
Com regras de biossegurança, Prefeitura autoriza Banho de São João no Porto Geral

Mais Lidas

ATROPELAMENTO
Mulher é vítima de atropelamento e fica gravemente ferida
POLICIAL
Polícia Militar de Corumbá prende homem por disparo de arma de fogo
POLICIAL
Homem é preso por assédio contra criança no Conjunto Guatós
GERAL
Processo Seletivo para contratação de Analista de Medidas Socioeducativas está com inscrições aberta