Menu
sexta, 21 de junho de 2024
Câmara - Queimadas 2024
Andorinha - 76 anos - Junho 2024
Geral

Presidente da Federação é preso após quase 28 anos no comando do futebol em MS

21 maio 2024 - 11h13Dayene Paz e Antonio Bispo, CG News

O presidente da FFMS (Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul), Francisco Cezário de Oliveira, de 77 anos, saiu preso durante as buscas da Operação Cartão Vermelho, contra esquema que desviou R$ 6 milhões da Federação. Além dele, outras seis pessoas são alvos de prisão, em ação na manhã desta terça-feira (21).

A casa de Cezário - imóvel de alto padrão, localizado na Vila Taveirópolis, na Capital - foi alvo de busca e apreensão, onde agentes do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizada) ficaram cerca de quatro horas e apreenderam mais de R$ 800 mil em espécie. Os agentes deixaram o local com malote e uma maleta.

Contra Cézário também havia mandado de prisão preventiva. Como é advogado com registro ativo, o presidente foi acompanhado por representantes da Comissão de Defesa e Assistência das Prerrogativas dos Advogados de Seccionais da Ordem dos Advogados do Brasil. "Devemos aguardar os esclarecimentos, que serão prestados oportunamente”, disse o advogado de Cezário, André Borges. 

Francisco Cezário é conhecido pela longevidade no comando da federação, sendo há quase 28 anos o “dono da bola” no futebol de MS. Ele está no sétimo mandato e fica no cargo até 2027. A última eleição aconteceu em 2022. Marcada por briga na Justiça, o desfecho foi vitória da chapa única, liderada por Cezário. O presidente só se afastou do cargo por oito anos, quando foi prefeito de Rio Negro. 

Operação Cartão Vermelho

Diante dos indícios de desvio milionário dentro da Federação, agentes do Gaeco saíram às ruas hoje para cumprir 7 mandados de prisão e 14 de busca e apreensão, em Campo Grande, Dourados e Três Lagoas. A lista de investigados inclui dirigentes da FFMS, hotéis e barbearias do interior do Estado.

Além da sede da FFMS e da casa do presidente Francisco Cezario de Oliveira, no bairro Taveirópolis, constam os nomes de Jamiro Rodrigues de Oliveira, vice-presidente da FFMS; Marco Antônio Tavares, vice-presidente e coordenador de competições da federação, que também consta como presidente da Federação de Tênis de Mesa; Aparecido Alves pereira, delegado de jogos da FFMS; Rudson Bogarim Barbosa que, em publicação do site da entidade, em 2022, constava como gerente da TI da FFMS.

Receba as notícias no seu Whatsapp. Clique aqui para seguir o Canal do Capital do Pantanal.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Orientação
Fumaça provocada pelas queimadas no Pantanal exige cuidados extras com a saúde
Flagrante
Dupla é presa com quase 4 kg de maconha em ônibus que seguia para Capital
IBGE
Empresas formadas apenas por sócios e proprietários eram maioria e pagavam menores salários em 2022
Reunião
Brigada Voluntária define plano de ação em caso de incêndio na Apa Baía Negra
Tradição
Banho de São João começa hoje com Concurso de Andores e show de Thaeme e Thiago
Frota
Saúde de Corumbá ganha reforço com nova ambulância UTI Móvel
Oportunidade
Senai e Governo de MS lançam edital de R$ 10 milhões para iniciativas de bioeconomia na indústria
Utilidade Pública
Paço Municipal terá atendimento ao público em horário diferenciado na segunda-feira, dia 24
Cidadania
Programa Povo das Águas atende ribeirinhos do Taquari a partir deste domingo
Operação
Grupo Técnico inicia trabalho de resgate à animais atingidos pelo fogo no Pantanal

Mais Lidas

Cultura Pantaneira
Concurso de Andores e show de Thaeme e Thiago abre Banho de São João nesta sexta (21)
Paredão de fogo
Equipes atuam em cinco frentes de combate ao fogo no Pantanal
Em Dourados
Justiça do Trabalho de MS determina redução de jornada para trabalhador acompanhar filho com TEA
O caso é de Dourados e a redução da jornada de trabalho é de 50%, sem compensação de horas ou perda salarial para o trabalhador
Assistência
Abertas as inscrições para Casamento Civil Comunitário 2024 em Corumbá