Menu
terça, 02 de março de 2021
Governo do Estado - Campanha de Março
Geral

Presidente da Câmara reúne deputados em prol da segurança pública de Corumbá

31 março 2016 - 09h30Assessoria
O presidente da Câmara, vereador Tadeu Vieira, visitou os deputados estaduais Cabo Almi, Amarildo Cruz e Felipe Orro nesta segunda-feira, 28, para convidá-los a visitarem os pontos mais críticos da segurança pública em Corumbá, em uma reunião que acontecerá no dia 29 de abril na cidade. "Queremos levar os deputados nos pontos mais críticos da cidade, onde acontecem os assaltos e também nas rotas por onde são encaminhados os produtos dos roubos para a Bolívia, para que eles nós ajudem a pleitear com o governador mais postos da PM", revelou o presidente. Também serão convidadas as principais autoridades policiais da cidade e do Estado para a visita. A articulação começou a ganhar forma após a morte do taxista Claudinei Guerreiro, assassinado em um assalto no começo do mês. O que chocou a cidade foi a facilidade com que os ladrões entraram com o carro roubado no país vizinho. O caso só terminou com a prisão dos dois envolvidos depois que a polícia boliviana concordou em ajudar nas buscas. Os 102 taxistas membros da associação da classe participarão das visitas, de acordo com o presidente do sindicato, Cláudio Reis Rodrigues, mais conhecido como Amaral. "Depois das 18h o trânsito é livre na principal via que dá acesso à Bolivia, pois tanto o posto da Receita Federal quanto o da Policia Rodoviaria Federal só funcionam em expediente administrativo. A nossa reivindicação é colocar nos dois locais também uma fiscalização no período noturno", afirmou Tadeu Vieira.   Monopólio da Andorinha Outro assunto polêmico a ser discutido com os deputados no dia 29 de abril é o monopólio da empresa Andorinha no transporte intermunicipal, principalmente no trecho Corumbá - Campo Grande. O vereador Evander Vendramini fará uma audiência pública às 17h do dia 29 de abril para discutir maneiras de facilitar o trânsito dos corumbaenses, sobretudo os mais humildes. "É inadmissível que uma passagem em um trecho de 420km custe R$136, ainda mais quando a empresa reajusta o valor quando bem entende. Um trecho semelhante em outros pontos do estado custa até metade desse preço", lembrou Evander na justificativa do seu pedido de audiência pública. Uma das sugestões dos parlamentares para a questão é trazer outra empresa para a cidade, o que geraria concorrência e diminuiria o valor da passagem, mas para isso é necessário o apoio dos deputados estaduais. "Fiz o convite a todos os deputados que receberam o título de cidadão corumbaense em 2015, para que participem da audiência e levem o pedido ao governador", disse o presidente da Câmara.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SERVIDOR PÚBLICO
PL sobre contribuição previdenciária é tratada em encontro na Câmara
FISCALIZAÇÃO
Operação Preavenire cancela eventos e aborda mais de mil pessoas em Corumbá
BOLETIM COVID
MS atinge a marca de 3.330 mortes por coronavírus
ESPORTE
Estadual de Futebol 2021: Campeão da Série B, Dourados bate Aquidauanense na estreia
POLICIAL
PRF recupera três veículos em caminhão cegonha no MS
POLICIAL
Motociclista sem habilitação desacata policiais e é algemado no Guaicurus
GERAL
Acessos ao Porto Geral fica fechado para evitar aglomerações e brigas
SAÚDE
Corumbá abre hoje vacinação para idosos a partir de 78 anos
POLICIAL
Motorista embriagado bate carro e desacata policiais no Centro
POLICIAL
PM prende homem foragido da justiça por falsa identidade no Centro

Mais Lidas

POLICIAL
Mulher é espancada em Ladário e marido é preso
APÓS DISCUSSÃO
Mulher é empurrada pelo companheiro no viaduto da Treze e fica ferida
POLICIAL
Motorista embriagado bate carro e desacata policiais no Centro
POLICIAL
Jovem com mandado de prisão é preso após violência doméstica