Menu
quarta, 24 de julho de 2024
Andorinha - 76 anos - Junho 2024
Andorinha - 76 anos - Junho 2024
Geral

Prefeito sanciona Lei que institui o Conselho Municipal Antidrogas

22 outubro 2018 - 11h38Câmara de Corumbá

A Lei que dispõe sobre o Conselho Municipal Antidrogas de Corumbá (COMAD) foi sancionada no último dia 16 pelo prefeito Marcelo Iunes, e se torna importante ferramenta para o desenvolvimento das ações voltadas à prevenção e repressão ao uso de drogas, assim como dos movimentos comunitários organizados e representações das instituições federais e estaduais existentes no município, dispostas a cooperar com esforço municipal.

A Lei é de autoria do vereador André da Farmácia e assegura ao COMAD, total integração às ações conjuntas e articuladas de todos os órgãos de nível federal, estadual e municipal que compõe o Sistema Nacional Antidrogas (SISNAD), previsto na Lei Federal nº 11.343, de 23 de agosto de 2006, e na fixação de políticas de prevenção e combate às drogas, por meio da instituição e desenvolvimento do Programa Municipal sobre Drogas (PROMAD).

O PROMAD tem por objetivo diagnosticar a conjuntura do perfil epidemiológico das drogas em Corumbá para equacionar as estratégias de enfrentamento do problema, definindo a logística necessária para o desenvolvimento das ações no campo da difusão socioeducativa, da saúde, da segurança comunitária e psicossocial da família, visando o controle do uso indevido de substâncias psicoativas, o tratamento, a recuperação e reinserção social dos dependentes e usuários.

O vereador André da Farmácia destacou que a cidade deixou de realizar uma série de ações voltadas ao combate e prevenção às drogas, inclusive no que se refere a aplicações de recursos financeiros e até mesmo de captação de verbas junto ao Governo Federal, para desenvolvimento de programas e projetos, como também de apoio as instituições que trabalham com este setor na região.

“A decisão do prefeito foi de extrema importância para a cidade”, destacou. “Tivemos prejuízos durante o período em que estava desativado, principalmente em relação ao desenvolvimento de uma política na cidade, como ações de repressão ao uso indevido, ao tráfico ilícito e à produção não autorizada de substâncias entorpecentes e drogas que causam dependência física ou psíquica, bem como de prevenção ao uso indevido desses mesmos produtos, e programas e projetos relacionados ao tratamento, recuperação, reinserção social de dependentes e acompanhamento de familiares”, completou o vereador.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Reconhecimento
Ex-aluno da UFMS é finalista do Prêmio Jabuti Acadêmico
Na Apa Baía Negra
Brigada voluntária interrompe churrasco em fogo de chão e alerta para risco de incêndio
Em Campo Grande
TJMS amplia prazo de inscrições para o Concurso do Monumento Artístico
Pagou 70 reais
Civil recupera celular furtado e prende rapaz de 19 anos por receptação
Operação Nicolau
PF cumpre mandado em combate à crimes de abuso sexual infantojuvenil em Corumbá
Data confirmada
Convenção que vai anunciar candidatos do PSDB em Ladário será dia 31 de julho
Olimpíadas 2024
Maioria pela 1ª vez, mulheres encabeçam sonhos de medalhas em Paris
Hoje
Inscrições para o Prouni começam nesta terça-feira
De 25 a 31 de julho
Prefeitura convoca guardas aprovados em concurso para entrevista individual de investigação social
Saiu no Diário
Lei de Diretriz Orçamentária de MS para 2025 é sancionada com receita estimada de R$ 26,4 bilhões

Mais Lidas

Neste domingo
Ritmista da Nova Corumbá morre em colisão com carro
Até 26 de julho
Escola Sesi abre processo seletivo com 104 vagas de gratuidade na educação básica
No centro
Perícia encontra seringa e medicamentos no apartamento de mulher encontrada morta
Time de Miranda
20ª edição do Amistoso da Diversidade reúne grande público no Poliesportivo