Menu
quarta, 22 de maio de 2024
Câmara de Corumbá - Maio Amarelo 2024
Andorinha - Novos Ônibus - Agosto 2023
Geral

PRE apreende na MS-164 carga de cocaína avaliada em R$ 500 mil

11 fevereiro 2016 - 20h05Gilmar Lisboa
Uma carga de cocaína avaliada em cerca de R$ 500 mil foi apreendida no final da manhã desta quinta-feira (11) pela PRE (Polícia Rodoviária Estadual) na rodovia MS-164. A apreensão ocorreu por volta das 11h no Distrito de Vista Alegre, em Maracaju, cidade distante 170 km da Capital. Os patrulheiros encontraram a droga - ao todo 26 quilos - distribuída nos forros das portas traseiras e dentro do tanque de combustível de um veículo modelo Honda Civic. O motorista, um homem de 27 anos e que não teve a identidade revelada, foi preso. O traficante confessou aos policiais que apanhou a droga em Ponta Porã, na divisa com o Paraguai, e iria entregá-la na Capital.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Economia
Começa amanhã consulta a maior lote de restituição do IR da história
Economia
Quase 50 mil pessoas buscam negociar dívidas em MS
Saúde
Projeto que institui vacinação nas escolas vai à sanção presidencial
Na Zona Rural
Vereador quer equipes da Assistência Social, atendendo assentamentos de Corumbá
Segurança
Táxis de Corumbá tem até 21 de junho para implantar QR Code de identificação
Transporte
Corumbá abre credenciamento para 30 autorizações de mototáxi
Marinha e Bombeiros
Idosa vítima de AVC é resgatada por aeronave em fazenda do Taquari
Incentivo
Agricultores familiares de Corumbá entregam 3 toneladas de alimentos no lançamento do PPA
Infraestrutura
Interditada: ponte sobre o rio Paraguai recebe 3ª concretagem neste no fim de semana
Na madrugada
Homem é preso vendendo droga em beco do bairro Borrowski

Mais Lidas

Manifestação
Setor de transporte protesta por falta de combustível e ameaça fechar a fronteira
Agenda Cultural
Evento de som automotivo arrecada doações para RS e Instituto Novo Olhar
Na Câmara
Projeto de Lei Municipal torna laudos de TEA permanentes
Investigação
Padre de MS é denunciado por relacionar bruxaria e satanismo à tragédia no RS