Menu
quarta, 27 de janeiro de 2021
Andorinha Fevereiro
Andorinha Fevereiro
Geral

Ponte inaugurada há 4 anos desaba após chuvas e prejudica produção de soja e transporte de boi em MS

01 março 2018 - 09h07G1

O desabamento parcial da ponte de concreto sobre o Rio dos Velhos, em Jardim, município a 217 quilômetros da capital de Mato Grosso do Sul, após fortes chuvas no mês de fevereiro, prejudica o escoamento de grãos e transporte de boi gordo. A estrutura foi inaugurada em 2014 e custou R$ 897.440,70.

A prefeitura de Jardim interditou o tráfego de veículos há uma semana. A ponte liga a estrada vicinal que dá acesso à área serrana, distante 25 quilômetros da cidade. Segundo a Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos (Agesul), a correnteza do rio deslocou um dos blocos da ponte de concreto.

As análises preliminares, de acordo com o órgão da Secretaria Estadual de Infraestrutura, apontam que houve afundamento de um dos jogos de esteio de sustentação da ponte e rompimento da cabeceira.

Conforme o Sindicato Rural, na região ficam 20 propriedades e dois assentamentos rurais, onde vivem cerca de 600 pessoas. Após o incidente, para passar pela ponte é necessário transitar dentro do rio, prejudicando o escoamento da produção de soja, que está sendo colhida, e a saída do gado em pé para os frigoríficos.

Como medida paliativa, a prefeitura vai iniciar a recuperação e cascalhamento da estrada que corta o banhado da região conhecida como Água Amarela, para garantir a passagem de caminhões com soja e boi.

A família de agricultores que arrenda a Fazenda Ribalta há três anos esperava lucrar bem ao estimar colher mais de 20 mil sacas de soja. A propriedade próxima do rio. “Se a gente não conseguir sair com essa soja, vamos à falência. Investimos tudo que tínhamos numa lavoura de 400 hectares e não colhemos 10% por falta de local para armazenar. Estamos desesperados”, conta o lavrador Felipe Decarli, de 25 anos.

Apuração

A Agesul abriu processo para contratar técnicos que vão periciar a ponte sobre o Rio dos Velhos, para definir as causas e convocar a empreiteira responsável pela obra para refazer a parte que desabou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRANSPORTE ILEGAL
ANTT emite nota a pedido do MPF e diz que operação da Buser é ilegal e passível de penalização
PROMOÇÃO DE PASSAGENS
Andorinha disponibiliza passagens promocionais a R$59,90
ASSISTÊNCIA SOCIAL
Povo das Águas atende ribeirinhos da região do Taquari a partir do dia 30
CONSUMIDOR
Anatel divulga balanço de reclamações em 2020
EDUCAÇÃO
IFMS divulga lista de inscritos para cursos de idiomas em andamento
Candidatos com a inscrição homologada deverão fazer testes de nivelamento de Espanhol, Inglês e Libras. Provas online serão aplicadas entre 1º e 9 de fevereiro
COVID-19
Mato Grosso do Sul registra 582 novos casos de Covid e 9 óbitos
COVID-19
Mais de 1200 pessoas já foram vacinadas contra a Covid-19 em Corumbá
CULTURA
Prefeitura disponibiliza, na quinta-feira, espetáculo "Conectados" na internet
GERAL
MS participa da 3ª edição de maratona mundial de criação de games
ECONOMIA
Nascidos em dezembro podem sacar auxílio emergencial a partir de hoje

Mais Lidas

DENÚNCIA
Funcionários demitidos do hospital não recebem rescisão trabalhista
ECONOMIA
Governo federal aprova auxílio emergencial para 196 mil pessoas
CHUVA FORTE
Temporal em Corumbá causa queda de árvores e alagamentos
MORTE POR COVID-19
Cinco dias após morte do marido, ex-primeira-dama de Dourados não resiste à Covid-19