Menu
quarta, 22 de maio de 2024
Câmara de Corumbá - Maio Laranja 2024
Andorinha - Novos Ônibus - Agosto 2023
Geral

Policias Civis repudiam R$ 200 de aumento concedido pelo Governo do Estado

01 abril 2016 - 11h17Sylma Lima
Policiais Civis de todo de Mato Groso do Sul paralisam serviços por 12 h nesta sexta-feira, em protesto aos R$ 200,00 de aumento concedido aos servidores públicos nesta quinta-feira,31 de Março, pelo governador Reinaldo Azambuja. Assim que foi feito o anuncio as redes sociais e grupos de Wats App começaram a bombardear vídeos com depoimentos sarcásticos de policiais revoltados com o “ aumento” e postagens debochando da quantia, “ estamos há dois anos sem aumento e agora o governador anuncia R$ 200 tão” , disse um policial que pediu para não ter seu nome revelado temendo represálias, “ sem contar com os impostos e outros abatimentos. Isso foi a piada do ano” , disse outro servidor. Um vídeo irônico postado pelo investigador Jeam de Campo Grande teve milhares de acessos logo após ser compartilhado em redes sociais. O policial imita o sobrinho do ex governador petista Zeca do PT quando foi hostilizado durante um evento e deu entrevistas ácidas sobre episódio, dizendo que quem não era petista, “ ia começar com o chororô, o mi, mi, mi" ,  entre outros adjetivos inapropriados para situação em que o seu partido se encontrava no pais. O vídeo de Jeam , como ele mesmo justifica no Blog do Nélio, “ foi uma forma de protesto. Uma brincadeira com a situação” , mas o fato é que o " reajuste"  gerou mais revolta nos colegas que decidiram paralisar as atividades a uma hora da madrugada de hoje.12143252_10206991861301101_8930810555948156733_n Em Corumbá não foi diferente, agentes, peritos, escrivães e delegados também aderiram ao movimento e hoje, 1º de Abril protestaram em frente ao 1º Distrito Policial. Segundo Israel Leite Bugarim, diretor adjunto do Simpol (Sindicato dos Policiais Civis) para assuntos trabalhistas, aposentados e pensionistas disse ao Capital do Pantanal que ficou decidido pela categoria, em assembleia do Simpol em Campo Grande, no dia 12 de março, que nesta sexta-feira (1° de abril) fariam o protesto por meio de paralisação de 12 horas de trabalho, em reivindicação ao  cumprimento da promessa do governo do Estado de que teríamos o quinto melhor salário do país. “A Policial civil não recebe para cuidar de presos, essa responsabilidade é da Agepen, queremos receber de acordo com as particularidades e responsabilidades que desempenhamos. Uma das obrigatoriedades para concorrer a vaga de policial civil é a formação superior, e temos que receber de acordo com esse diferencial, outra reivindicação é a disponibilidade de material especifico para trabalho nas ruas, como coletes e munições. Ano passado o sindicado conversou com o governador, ele recusou o reajuste na época prometendo ceder neste ano, e ontem a proposta do governo foi de R$ 200 reais para a categoria de servidores públicos, incluindo a civil, por isso o ato que serve de alerta para o governo” . O contingente de 30% de pessoal obrigatório está mantido, para atendimentos ao público e flagrantes, como homicídios e lei Maria da Penha. Ao todo são aproximadamente 90 policiais que participam da paralisação em Corumbá e Ladário, entre a 1° Delegacia de Polícia Civil, DAM (Delegacia da Mulher), DAIJI (Delegacia de Atendimento a Infância, Juventude e Idoso) e Delegacia de Ladário além dos Postos de Identificação e Perícia. Assista ao vídeo de Policial Civil, que satirizou o reajuste concedido e imediatamente rivalizou na rede. [video width="222" height="400" mp4="https://www.capitaldopantanal.com.br/upload/dn_noticia/2016/04/12950643_810493345721388_2021466215_n.mp4"][/video]   --

Deixe seu Comentário

Leia Também

Saúde
Projeto que institui vacinação nas escolas vai à sanção presidencial
Na Zona Rural
Vereador quer equipes da Assistência Social, atendendo assentamentos de Corumbá
Segurança
Táxis de Corumbá tem até 21 de junho para implantar QR Code de identificação
Transporte
Corumbá abre credenciamento para 30 autorizações de mototáxi
Marinha e Bombeiros
Idosa vítima de AVC é resgatada por aeronave em fazenda do Taquari
Incentivo
Agricultores familiares de Corumbá entregam 3 toneladas de alimentos no lançamento do PPA
Infraestrutura
Interditada: ponte sobre o rio Paraguai recebe 3ª concretagem neste no fim de semana
Na madrugada
Homem é preso vendendo droga em beco do bairro Borrowski
Aeroporto
Vereador pede apoio do governador para volta de voos comerciais entre Corumbá e Campo Grande
Tráfico de Drogas
Mochila abandonada em ônibus é apreendida com 8,7 kg de Skunk

Mais Lidas

Manifestação
Setor de transporte protesta por falta de combustível e ameaça fechar a fronteira
Agenda Cultural
Evento de som automotivo arrecada doações para RS e Instituto Novo Olhar
Na Câmara
Projeto de Lei Municipal torna laudos de TEA permanentes
Investigação
Padre de MS é denunciado por relacionar bruxaria e satanismo à tragédia no RS