Menu
quarta, 27 de janeiro de 2021
Andorinha Janeiro/Fevereiro
Andorinha Janeiro/Fevereiro Mobile
Geral

PMA prende e autua quatro por exploração de madeira em área protegida

14 junho 2018 - 09h24Kamilla Marques

Em uma operação no município de Nova Andradina, Policiais Militares Ambientais de Batayporã prenderam nesta quarta-feira (13) à tarde, quatro proprietários rurais por exploração ilegal de madeira em área protegida. A PMA flagrou na reserva legal coletiva (área protegida) do Assentamento São João, os quatro infratores derrubando árvores nativas para a exploração da madeira, sem autorização ambiental.

Os quatro homens de 35, 36, 44 e 50 anos, domiciliados no assentamento, realizaram o corte das árvores da espécie faveiro, com uso de uma motosserra e retiravam as toras com uso de um trator. As atividades foram paralisadas e oito toras de madeira, um trator e uma motosserra foram apreendidos.

Os infratores foram conduzidos à delegacia de Polícia Civil de Nova Andradina e responderão por crime ambiental, que prevê pena de seis meses a um ano de detenção. Os proprietários rurais também foram autuados administrativamente e multados em valor total R$ 21.000,00.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DENÚNCIA
Funcionários demitidos do hospital não recebem rescisão trabalhista
ENCHENTE
PMA de Miranda e Defesa Civil municipal trabalham no resgate de famílias atingidas por enchentes
Geral
Curiosidade: quando foi fabricada a tecnologia Smartwatch
POLÍTICA
Presidente da Alems, Paulo Corrêa assume como governador em exercício de MS
COVID-19
Janeiro registra mais de 460 óbitos por coronavírus e já é o 3º pior mês da pandemia
MORTE POR COVID-19
Cinco dias após morte do marido, ex-primeira-dama de Dourados não resiste à Covid-19
EDUCAÇÃO
IFMS reabre prazo de matrículas da 1ª chamada para cursos técnicos integrados
Aprovados têm até esta quarta-feira, 27, para fazer a matrícula em cursos técnicos integrados ao ensino médio. Retificação altera datas previstas para novas chamadas
EDUCAÇÃO
Gabaritos do Enem serão divulgados nesta quarta-feira
CHUVA FORTE
Temporal em Corumbá causa queda de árvores e alagamentos
ECONOMIA
Governo federal aprova auxílio emergencial para 196 mil pessoas

Mais Lidas

DENÚNCIA
Funcionários demitidos do hospital não recebem rescisão trabalhista
ECONOMIA
Governo federal aprova auxílio emergencial para 196 mil pessoas
CHUVA FORTE
Temporal em Corumbá causa queda de árvores e alagamentos
MORTE POR COVID-19
Cinco dias após morte do marido, ex-primeira-dama de Dourados não resiste à Covid-19