Menu
sexta, 18 de junho de 2021
Andorinha - Maio
Andorinha - Maio
Geral

PMA autua fazendeiro por desmatamento ilegal para plantio de pastagem

10 fevereiro 2018 - 10h02Sylma Lima

durante a operação Carnaval, por racionalização de recursos, a PMA está realizando vistorias relativas à operação contra o Desmatamento em parceria com Ministério Público Estado (MPE), nas propriedades que coincidem com os trabalhos preventivos que estão sendo desenvolvidos no feriado prolongado do Carnaval.

Ontem (9), em fiscalização ambiental realizada em uma fazenda no município de Caracol, a 25 km da cidade, a PMA de Bela Vista constatou que um pecuarista de 47 anos suprimiu 5 hectares de vegetação sem autorização ambiental, em sua fazenda.

O desmatamento levantado por imagem de satélites e as medidas tomadas com uso de GPS ocorrera há algum tempo e já havia pastagem no local. Parte da madeira produto da supressão ainda encontrava-se em leiras no local. As atividades foram interditadas.

O Infrator, residente em Bela Vista, foi autuado administrativamente e recebeu multa de R$ 1.500,00. Ele também responderá por crime ambiental, que prevê pena de três a seis meses de detenção. O fazendeiro foi notificado a apresentar um Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada (PRADA) junto ao órgão ambiental estadual.

OPERAÇÃO CERVO-DO-PANTANAL

A vistoria faz parte da operação Cervo-do-Pantanal. Nesta operação, a PMA recebeu 594 vistorias de possíveis desmatamentos ilegais levantados por imagem de satélites na bacia do rio Paraguai pelo Núcleo de Geoprocessamento (NUGEO) do Ministério Público Estadual (MPE). Vários desmatamentos ilegais já foram autuados.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

COVID-19
Comissão rejeita proposta de inclusão de jornalistas, bancários e vigilantes em grupos prioritários
SAÚDE
SES autoriza municípios a vacinarem com a Pfizer adolescentes acima de 12 anos com comorbidades
POLICIAL
PRF apreende 450 mil maços de cigarro contrabandeados na Capital
GERAL
MPF aponta risco de desaparecimento de espécies no Rio Paraná
Rio Paraná Energia, empresa da holding China Three Gorges Corporation (CTG), é acusada de descumprir regras ambientais e levar à beira do desaparecimento peixes como Pintado e Dourado
SAÚDE
SES prepara distribuição das 70.160 doses de vacina contra a covid-19 em MS
GERAL
Fórum apresenta avanços do Plano Estratégico em MS
POLICIAL
PMA e Bombeiros resgatam ave em extinção ferida
GERAL
Contribuintes têm até o dia 3 de agosto aderir ao REFIS 2021
EDUCAÇÃO
Terminam hoje as inscrições do Encceja 2020 para privados de liberdade
GERAL
Homem fica ferido após queda de cavalo no Pantanal

Mais Lidas

POLICIAL
PM de Corumbá prende autores de roubo logo após o crime no Popular Nova
GERAL
Empresa irregular junto a ANTT monta guichê na rodoviária de Corumbá
POLICIAL
PM de Corumbá durante rondas recupera veículo furtado na área central
POLICIAL
Homem é preso por perturbação da tranquilidade no Cristo