Menu
sexta, 01 de março de 2024
Andorinha - Novos ônibus - agosto 2023
Andorinha - Novos Ônibus - Agosto 2023
Geral

PF prende policiais e desarticula quadrilha que contrabandeava cigarros

22 setembro 2018 - 08h35Midiamax

Com o objetivo de desarticular organização criminosa de grande porte especializada no contrabando de cigarros e combater a corrupção policial que facilita o contrabando, a Polícia Federal deflagrou neste sábado (22), a “Operação Nepsis” em cinco Estados, sendo eles: Mato Grosso do Sul, São Paulo, Paraná, Rio de Janeiro e Alagoas. Entre os presos, além dos líderes e dos “gerentes” da Organização Criminosa, encontram-se policiais da PRF, da Polícia Militar e da Polícia Civil do Estado do Mato Grosso do Sul.

De acordo com informações da Polícia Federal, a organização Criminosa investigada formou um verdadeiro consórcio de grandes contrabandistas, com a criação de uma sofisticada rede de escoamento de cigarros contrabandeados do Paraguai pela fronteira do Mato Grosso do Sul, a qual se estruturava em dois pilares: um sistema logístico de características empresariais, com a participação de centenas de pessoas exercendo funções de “gerentes”, batedores, olheiros e motoristas e, ainda, a corrupção de policiais cooptados para participar do esquema criminoso.

Só em 2017, acredita-se que os envolvidos tenham sido responsáveis pelo encaminhamento de ao menos 1.200 (mil e duzentas) carretas carregadas com cigarros contrabandeados às regiões Sudeste, Centro-Oeste e Nordeste. Os valores em mercadorias contrabandeadas atingem cifras superiores a R$ 1,5 bilhão (um bilhão e meio de reais).

A PRF (Polícia Rodoviária Federal) participa da operação, que contou, ainda, com a colaboração da Receita Federal do Brasil, apoio logístico do Exército Brasileiro e da FAB (Força Aérea Brasileira) e acompanhamento das Corregedorias das Polícias Civil e Militar.

A Corregedoria Regional da PRF em Mato Grosso do Sul iniciou uma troca de informações com a Polícia Federal, onde havia um inquérito que investigava uma quadrilha de contrabandistas que atuava entre Ponta Porã e São Paulo, com ramificações em Minas Gerais e Goiás. Após alguns meses de investigação, foi possível identificar o modus operandi dos envolvidos, o volume de mercadorias transportadas e apontar os principais integrantes que agiam na rota do contrabando

Cerca de 280 policiais federais de diversos estados fazem parte da operação para o cumprimento de 35 mandados de prisão preventiva, 8 mandados de prisão temporária, 12 suspensões de exercício de atividade policial e 43 mandados de busca e apreensão nos Estados de Mato Grosso do Sul, São Paulo, Paraná, Rio de Janeiro e Alagoas.

Em Mato Grosso do Sul, foram cumpridos mandados contra sete policiais rodoviários federais, quatro policiais militares – dois deles já estão presos –, dois policiais civis e outros membros do grupo. A Corregedoria Regional da PRF, com apoio da Corregedoria-Geral, em conjunto com o MPF e a Polícia Federal, cumpre os mandados em Dourados e Bataguassu.

Foram apreendidas grande quantidade em dinheiro em resort, casas, e apreendidos carros e embarcações de luxo. A quantidade de dinheiro aprendido ainda não foi divulgada.

O nome da Operação Nepsis

Reporta a um termo grego que significa vigilância interior, estado mental de atenção plena, em uma alusão à vigilância necessária para combater as sofisticadas atividades contrabandistas e no que concerne à própria atividade de fiscalização estatal no combate à cooptação integrantes de Órgãos de repressão e fiscalização.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Benefício
Prefeito assina decreto que regulamenta aumento no plantão de profissionais da saúde
Imunização
Corumbá terá três postos de multivacinação neste sábado, 02 de março
Ranking
MS é destaque nacional na gestão de recursos federais e execução de projetos e convênios
Necessário
Recadastramento em programa do Governo que paga a conta de luz segue até 10 de maio
Campanha
Ladário expande vacinação contra dengue nas escolas da rede municipal
Evento
Corumbá sedia 3ª edição da Copa dos Campeões da Assomasul neste final de semana
Mudanças
Supremo derruba a regra sobre distribuição de sobras eleitorais em eleições proporcionais
Em processo
Reunião com novos diretores aborda habilitação de unidade de saúde exclusiva para presídios
Turismo ecológico
Encontro aborda aspectos da educação ambiental no turismo do Pantanal
Direito à saúde
DPU assegura que imigrantes sejam incluídos na fila de transplantes

Mais Lidas

10 vagas em MS
Inscrições estão abertas para concurso da Caixa com três vagas em Corumbá
Confirmado
Dupla sertaneja Henrique e Diego é a principal atração cultural do FIPEC 2024
Bombeiros
Acidentes de trânsito fazem quatro vítimas nesta manhã em Corumbá
27 vagas
Inscrições para concurso de professores da UFMS seguem abertas até 7 de março