Menu
domingo, 17 de outubro de 2021
Andorinha - Setembro e Outubro
Andorinha - Outubro e Novembro - MOBILE
Geral

PF deflagra operação contra lavagem de dinheiro em MS e mais cinco estados

11 setembro 2020 - 11h01Gabrielle Tavares, Correio do Estado

Foi deflagrado na manhã desta sexta-feira (11) a “Operação Status”. A Polícia Federal cumpre mandados de busca e apreensão em seis estados brasileiros. Em Mato Grosso do Sul, policiais agem em Campo Grande, Dourados e Ponta Porã.

A operação também conta com colaboração da Secretaria Nacional Antidrogas (Senad) do Paraguai.

O esquema criminoso investigado tinha como ponto principal a lavagem de dinheiro do tráfico de cocaína, por meio de empresas “laranjas” e de fachada. Haviam construtoras, administradoras de imóveis, lojas de veículos de luxo, entre outras.

A equipe, que era especializada na lavagem de grandes volumes de valores ilícitos, também contava com uma rede de doleiros sediados no Paraguai, com operadores em cidades brasileiras como Curitiba, Londrina, São Paulo e Rio de Janeiro.

Na Capital sul-mato-grossense são cumpridos, nesta manhã, três mandados de prisão preventiva e 14 de busca e apreensão. Em Ponta Porã, são nove mandados de busca e apreensão, e em Dourados, dois.

Foram sequestrados mais de R$ 230 milhões em patrimônio, advindos do crime organizado nos dois países. Em território brasileiro foram apreendidos 42 imóveis, duas fazendas, 75 veículos, embarcações e aeronaves. Os valores somados dos bens chegam a R$ 80 milhões.

Além de Mato Grosso do Sul, policiais federais cumprem ordens judicais são cumpridas nos estados de Mato Grosso, Paraná, São Paulo e Rio de Janeiro.

No Paraguai foram expedidos quatro mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão, em doze locais nas cidades de Assunção e Pedro Juan Caballero.

A operação foi batizada de “Status” em alusão à ostentação de alto padrão de vida mantida pelos líderes da organização criminosa, com participações em eventos de arrancadas com veículos esportivos de alto valor, contratação de artistas famosos para eventos pessoais e residências de luxo.

Distribuição dos mandados:

- Campo Grande/MS — 14 mandados de busca e apreensão e três mandados de prisão preventiva;
- Ponta Porã/MS — nove mandados de busca e apreensão;
- Dourados/MS — dois mandados de busca e apreensão;
- Cuiabá/MT — três mandados de busca e apreensão, e um mandado de prisão preventiva;
- Barra do Garças/MT — duas fazendas com mandado de busca e apreensão;
- Primavera do Leste/MT — dois mandados de busca e apreensão;
- Curitiba/PR — quatro mandados de busca e apreensão;
- Londrina/PR – um mandado de busca e apreensão;
- São Paulo/SP – cinco mandados de busca e apreensão;
- Rio de Janeiro/RJ – um mandado de busca e apreensão.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Tragédia
Médico do interior de SP é um dos sobreviventes de barco que naufragou; quatro parentes morreram
Atualizações
Dois dos corpos encontrados no rio Paraguai são identificados
Inédito
Tempestade de areia: Energisa recebeu 4 mil chamados em Campo Grande
Dia Mundial da Alimentação
Em MS, 69% da população está com excesso de peso e 36% com obesidade
Ensino Superior
UEMS investe mais de R$ 13 milhões em bolsas e auxílios para estudantes
Transporte
Expresso Queiroz tem autorização suspensa por incapacidade de atender passageiro
Defesa Civil
Tempestade de poeira e vendaval causaram estragos em pelo menos sete nos municípios
Cidade em alerta
Ventos de 64 km/h destelharam 20 casas em Corumbá
Previsão Meteorológica
Tempo continua fechado com chance de mais chuva para grande parte do Estado
Tragédia
Naufrágio no rio Paraguai deixou sete pessoas desaparecidas

Mais Lidas

Tragédia
Médico do interior de SP é um dos sobreviventes de barco que naufragou; quatro parentes morreram
Tragédia
Naufrágio no rio Paraguai deixou sete pessoas desaparecidas
Atualizações
Dois dos corpos encontrados no rio Paraguai são identificados
Cidade em alerta
Ventos de 64 km/h destelharam 20 casas em Corumbá