Menu
domingo, 26 de maio de 2024
Andorinha - Novos ônibus - agosto 2023
Andorinha - Novos Ônibus - Agosto 2023
Geral

Pesquisa do IFMS estuda o potencial larvicida de planta contra o Aedes

08 abril 2016 - 12h19Assessoria
Durante esta semana, o Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) participa da Semana Nacional de Mobilização contra o Aedes aegypti, promovida pelo Ministério da Educação (MEC).  A ação faz parte do Pacto da Educação Brasileira contra o Zika. Entre as atividades promovidas nessa quinta-feira, 7, destaque para a palestra ministrada na sede da reitoria, na Capital, pela docente de Química do Campus Campo Grande, Ana Claudia Navarrete Menezes, e o egresso do curso técnico em Informática, André Nunes da Silva, 19. O tema foi o potencial de utilização de folhas e frutos da planta Sapindus saponaria – popularmente conhecida como saboneteira – para o combate ao mosquito. “A planta é encontrada facilmente em Campo Grande porque a prefeitura a usa para arborização da cidade. Ao triturar as folhas dela e misturar com água, temos um extrato aquoso, que pode ser usado em vasos com água parada, por exemplo, para matar os ovos do Aedes”, explicou a professora. Cerca de 25 servidores assistiram à palestra. Além de aprenderem a produzir o extrato, eles também receberam uma amostra do produto. Pesquisa: A palestra teve como base o projeto de pesquisa desenvolvido pela professora Ana Claudia desde 2014. A pesquisa é premiada internacionalmente, com a primeira colocação na categoria estrangeira na XVI Exporecerca Jove, feira científica promovida na Espanha em março de 2015, que reuniu trabalhos da Europa e da América. “Estamos estudando agora o tempo de atividade do larvicida, quanto tempo seu efeito dura. A pesquisa também está na fase social, de levar à comunidade como o extrato é feito, para que todos possam usá-lo no combate ao mosquito”, ressaltou a docente. Atualmente cursando Ciências Biológicas na Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), André dividiu com os servidores a experiência na iniciação científica e a intenção de atuar como colaborador da pesquisa. “Participar da iniciação científica no ensino médio me ajudou a conhecer a metodologia e a prática de como é realizar uma pesquisa, então eu entrei na universidade já sabendo disso. A partir de agora, pretendo pesquisar na UFMS os efeitos da planta em micro-organismos como bactérias”, afirmou André.   Campanha: As comunidades acadêmicas dos campi também promoveram atividades durante a Semana de Mobilização. Em Corumbá, Coxim e Jardim foi realizada panfletagem de material informativo. O Campus Nova Andradina realizou na terça-feira, 5, oficinas para os estudantes, como a de confecção de armadilha com garrafa pet e de repelente para mosquitos. Nesta sexta-feira, 8, servidores da reitoria encerram as atividades com a entrega de material informativo no entorno do prédio, localizado no Bairro Santa Fé. O IFMS já promoveu diversas atividades da campanha, nos dias 29 de janeiro , 19 e 26 de fevereiro, e 4 de março. Mais informações sobre a mobilização da educação contra o Zika estão disponíveis na página oficial da campanha. O endereço é http://zikazero.mec.gov.br/.   Ascom/IFMS Originalmente publicado em: http://www.ifms.edu.br/2016/04/08/palestra-apresenta-pesquisa-sobre-potencial-larvicida-de-planta/    

Deixe seu Comentário

Leia Também

Meio Ambiente
Relatório da ONU sobre o clima responsabiliza a humanidade por aumento de fenômenos extremos
Facilidade
Mais de R$ 1,8 milhão em taxas judiciárias já foram pagos via Pix
Variedades
Cassinos Online: Sorte e estratégia na era digital
Reitoria
Colégio Eleitoral da UFMS mantém Camila Ítavo em primeiro lugar na lista tríplice
Meio Ambiente
Juiz mantém proibido o desmate no Parque dos Poderes
Crime
Na delegacia, assassino "confesso" diz que conheceu corretora em aplicativo
Educação
UEMS e Fundect investem R$ 4 mi para fortalecer ensino superior em Mato Grosso do Sul
Em Maracaju
Estudantes do IFMS levam tecnologia a maior evento agro do Estado
Destaque
Dia da Indústria: Longen destaca força do setor industrial de Mato Grosso do Sul
Extrema magreza
Polícia resgata cães em situação de maus-tratos no Popular Nova

Mais Lidas

Tráfico de Drogas
Boliviana é presa com 12,7 kg de cocaína em botijão de gás transportado dentro de mala
Soldado Cidadão
Projeto da Marinha vai oferecer formação de condutores para recrutas em Ladário
Interdição
Ponte sobre o rio Paraguai fecha às 17 horas deste sábado; interdição deve durar 19 horas
Investigação
Polícia Civil prende homem acusado por furto de joias e celulares na cidade