Menu
quinta, 23 de maio de 2024
Andorinha - Novos ônibus - agosto 2023
Andorinha - Novos Ônibus - Agosto 2023
Geral

Operação Piracema completa três meses e soma R$ 69,2 mil em multas

05 fevereiro 2016 - 11h56Redação
Nesta sexta-feira, 5, a operação piracema completa três meses, são 90 dias de período de defeso para proteção do período reprodutivo dos peixes. Até o momento foram apreendidos 452 kg de pescado, contra 529 kg dos três meses da operação passada. Apesar de menos pescado apreendido, foram autuadas 12 pessoas a mais aos três meses da operação anterior. Foram 30 autuados contra 18. Dos autuados, 22 foram presos em flagrante. Os demais conseguiram fugir, porém, foram identificados e responderão pelo crime de pesca predatória e foram multados administrativamente. Ou seja, só escaparam da prisão em flagrante, mas não das punibilidades. De qualquer forma, os resultados mostram um número grande de pessoas presas e autuadas, com pouco pescado apreendido. O Valor das multas foi mais do que o dobro. Foram aplicadas multas que chegaram a R$ 69.260,00 contra R$ 33.940,00, durante o mesmo período da piracema passada. Esse valor deve-se ao fato de que vários infratores que foram autuados durante essa piracema eram reincidentes, o que dobra o valor da multa. A quantidade de petrechos de pesca, barcos, motores de popa apreendidos está dentro do que se apreendeu nos três primeiros meses em piracemas anteriores. A PMA espera que, com a fiscalização intensiva, haja sempre um grande número de pessoas presas no momento que iniciam a pescaria, ou seja, sem que tenham conseguido capturar grande quantidade de pescado. Esta é a melhor estratégia e é o que vem acontecendo em cada piracema, em que a quantidade de pescado apreendida vem sendo reduzida, mantendo-se a mesma média de pessoas presas. Os resultados obtidos na fiscalização durante a “operação piracema” demonstram que a estratégia que a Polícia Militar Ambiental tem mantido nos últimos 15 anos, de monitorar os cardumes e destinar a fiscalização aos pontos críticos, que são as cachoeiras e corredeiras continua dando certo, pois os números de pescado apreendidos vêm diminuindo a cada período de piracema. Neste terceiro mês, são menores do que na operação passada, que já foi menor à anterior e assim continuamente. Durante essa piracema, as cheias dos rios facilitaram a subida dos peixes. Os cardumes tiveram poucos problemas para superar os obstáculos naturais, como cachoeiras e corredeiras.   Números - Terceiro mês da piracema 2012/2013 a 2015/2016.
APREENSÕES 12/13 13/14 14/15 15/16
Auto de Infração SEMA 36 24 18 30
Prisão em Flagrante Delegacia 28 22 16 22
Pescado Apreendido 521 473 529 454
Anzóis de galho 722 587 295 311
Barcos 5 6 6 7
Carretilhas/Molinetes 17 15 9 6
Caniços 14 2 4 3
Canoas 2 0 1 2
Espinhéis 11 13 9 7
Freezer/Caixas Isotérmicas 8 7 5 3
Iscas (UN) 190 0 0 0
Motor de popa 1 6 6 7
Redes 72 47 21 17
Veículos 6 3 4 5
Tarrafas 15 13 9 10
Multas R$ 61.150 23.120 33.940 69.260
   

Deixe seu Comentário

Leia Também

Boletim Epidemiológico
MS registra 9.155 casos confirmados de dengue
Reconhecimento
Investigadora da Civil de Corumbá é homenageada pelo combate à crueldade contra animais
Vigilância Sanitária
Governo cria "MS Vacina Pet" e destina R$ 1,9 milhão contra a raiva
Em Dourados
PF mira em quadrilha de MS que transportava drogas em tanques de combustível
Sob Alerta
Inmet divulga alerta de perigo para o sul do país
Nova Data
Concurso Unificado será em 18 de agosto, confirma Ministério da Gestão
Variedades
Tipos de apostas no futebol
Saúde
Corumbá abre duas unidades de saúde para multivacinação no sábado, 25 de maio
Agenda
Corumbá promove Conferência Municipal da Cidade nos dias 26 e 27 de junho
Edital
Termina hoje o prazo de inscrição para festeiro receber apoio financeiro da Prefeitura

Mais Lidas

Agenda Cultural
Evento de som automotivo arrecada doações para RS e Instituto Novo Olhar
Tráfico de Drogas
Mochila abandonada em ônibus é apreendida com 8,7 kg de Skunk
Oportunidade
IHP abre vagas para jovens aprendizes com idades entre 16 e 20 anos
Na madrugada
Homem é preso vendendo droga em beco do bairro Borrowski