Menu
domingo, 26 de setembro de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Geral

Onça queimada em incêndio segue em tratamento e deve voltar ao Pantanal

27 novembro 2020 - 12h00Top Midia News

Onça-pintada, que teve parte do corpo queimado durante os incêndios no Pantanal, no começo de novembro, segue em tratamento no Centro de Reabilitação de Animais Silvestres, em Campo Grande. Se tudo correr bem, ela deverá retornar ao habitat natural em 2021. 

A informação vem do médico veterinário do Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul, Lucas Cazati. 

O animal em questão é um macho de dois anos e recebe aplicações de ozônio, substância que tem propriedades cicatrizantes e anti-inflamatórias. Essas aplicações são feitas em parceria com a Universidade Federal de MS e a onça apresenta melhora significativa. 

Ainda segundo o Imasul, além das feridas nas patas, a onça estava muito debilitada e desde que chegou ao CRAS tem recebido alimentação balanceada e já ganhou cerca de 8 quilos.

Uma radiografia detectou a existência de um projetil no tórax do animal, consequência de um tiro que deve ter sofrido há alguns meses, tendo em vista que a pele já está cicatrizada. O metal será retirado em cirurgia simples de rápida recuperação, o que não deve atrasar o retorno da onça ao seu habitat, disse Cazati, que é o responsável técnico do Cras.

A outra onça, atendida nas mesmas condições que esta, morreu em consequência da fumaça inalada durante o incêndio. O animal também havia levado um tiro. 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Denúncia
Homem morre e família acusa médica da UPA de negligência
Palestras
3ª edição da Semana da Saúde do Sesc tem foco nos reflexos da pandemia
SCT 2021
IFMS abre inscrições para Semana de Ciência e Tecnologia
Javaporco
PMA flagra criação ilegal de javalis em propriedade de Dourados
Alerta
De agendamentos a esquemas de 'pirâmides', entenda os maiores golpes do Pix em MS
Retomada
Fundtur recebe inscrições no Programa "Incentiva+MS Turismo" até 5 de outubro
Bonito
Mulher é multada em R$ 5 mil por desmatamento ilegal em área protegida
Imunização
Veja quem pode se vacinar neste fim de semana em Corumbá
Balanço
Mais de 50% das drogas apreendidas na Operação Fronteiras e Divisas I são de MS
Economia
Comércio deve facilitar pagamento e ser cauteloso para o Dia das Crianças

Mais Lidas

Denúncia
Homem morre e família acusa médica da UPA de negligência
Imunização
Veja quem pode se vacinar neste fim de semana em Corumbá
Desenvolvimento
Comissão mista homologa consórcio que vai construir ponte da Rota Bioceânica em MS
Bonito
Mulher é multada em R$ 5 mil por desmatamento ilegal em área protegida