Menu
sexta, 01 de março de 2024
Andorinha - Novos ônibus - agosto 2023
Andorinha - Novos Ônibus - Agosto 2023
Geral

Odilon diz que a justiça está ‘amarrada’ e tem elementos para mudar as eleições em MS

07 setembro 2018 - 08h22Sylma Lima

Em Corumbá nesta quinta-feira, 06 de Setembro, o juiz federal, aposentado, Odilon de Oliveira, PDT, candidato ao Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, disse ao Capital do Pantanal que tem feito uma campanha difícil e tem usado o próprio salário para cobrir gastos. Odilon explicou que acredita no segundo turno, “ não por conta de Reinaldo Azambuja, mas conta do surgimento de outros candidatos. Mas, estamos preparados para isso, porque temos encontrado o apoio popular e vamos para o segundo turno” .

Ele repudiou as pesquisas falsas que o colocam com alto índice de rejeição, “ minha rejeição não passa de 4%” . Quanto as reviravoltas das eleições devido ações do judiciário ele lembrou que a margem de corrupção é grande em todo país, “ a justiça estava sendo muito omissa. E estava virando o caos em nosso estado. As pessoas perdendo a crença na justiça. Temos que ressuscitar a fé e a esperança nos cidadãos de bem, porque houve muito roubo na saúde, educação e outros setores. Agora a justiça esta agindo colocando na cadeia esses mal feitores”.

 Apesar de elogiar a atitude do judiciário, ele diz que foi vítima desse próprio sistema, “ minha segurança por exemplo foi tirada porque entrei na politica, o resto é balela. Há muita gente afastado, solteiro, sem filhos, sem risco de vida em que a segurança é mantida. Então, vejo dois pesos e duas medidas” .

Questionado se acredita que ainda vai ter interferência  judicial nesta eleição, ele disse tudo é possível, “ fatos existem e suficientes para ação da justiça, mas vai depender do posicionamento do judiciário, entretanto, há muito casos em que eles (desembargadores)  estão ‘pendurados’. Pode haver contra- tempo mas, temos que aguardar” .

Quanto a falta de recurso da sigla ele explicou que a vontade da mudança sobrepõe interesses financeiros, “ Nos temos feito uma campanha pobre, com minha aposentadoria, recursos da família e fundo partidário. Viagens por exemplo pagamos do próprio bolso. Por outro lado temos um concorrente, que é um dos homens mais ricos do Brasil. Que Deus proteja sua riqueza, mas é uma campanha bem desigual” . Quanto ao fato de ter sido juiz durante décadas, ele disse que só ajuda e que se preparou para isso.

O candidato ao governo de Mato Grosso do Sul pelo PDT, juiz Odilon de Oliveira, tem percorrido as regiões do Estado para apresentar propostas e ouvir os anseios da população. Esta semana foi a  região pantaneira, passando por Miranda, Corumbá e Ladário. A agenda de compromissos da campanha termina nesta sexta-feira, 07.

Entre os corumbaenses, Odilon ainda participou de uma carreata, em seguida se encontrou com empresários locais e acadêmicos de direito. O pedetista retorna para Campo Grande na tarde desta sexta-feira, onde cumpre agenda interna. “Os eleitores estão nos recebendo com muito carinho e nos incentivando a seguir firmes neste desafio”, comentou Odilon de Oliveira.

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Audiência Pública
Prefeitura e Câmara apresentam relatórios de 2023 com números positivos
Em Corumbá
Ponte do Passo do Lontra terá iluminação em LED solar
Tempo
Sol prevalece na maior parte de MS, mas 'sextou' pode vir acompanhado de pancadas de chuvas
Em Corumbá, a variação deve ir de 27°C à 38°C nesta sexta-feira
Bombeiros
Acidentes de trânsito fazem quatro vítimas nesta manhã em Corumbá
Plantão
Tucano é resgatado em casa do bairro Cervejaria
Valorização
Vem aí Super Chef Merendeira; Ladário participa da competição
Destaque
Mato Grosso do Sul dá primeiro passo para inserir inovação em compras públicas
Contra a Dengue
Sábado é Dia D de combate ao mosquito no Alta Floresta II em Ladário
Eventos
Programação do mês da mulher começa na segunda-feira, 04 de março
Medidas
TSE proíbe uso de inteligência artificial para criar e propagar conteúdos falsos nas eleições

Mais Lidas

Serviço Público
Santa Casa anuncia fechamento do setor psiquiátrico em Corumbá
10 vagas em MS
Inscrições estão abertas para concurso da Caixa com três vagas em Corumbá
Confirmado
Dupla sertaneja Henrique e Diego é a principal atração cultural do FIPEC 2024
Ensino
Curso "Me salve!" está com matrícula grátis e 1ª mensalidade para 10 de março