Menu
sexta, 14 de maio de 2021
Andorinha - Maio
Andorinha - Maio
Geral

Na Expo Paraguai, CIN leva empresários de MS para conhecerem indústrias locais

12 julho 2018 - 10h12Kamilla Marques

O CIN (Centro Internacional de Negócios) do IEL levou, quarta-feira (11), os empresários de Mato Grosso do Sul que participam da Expo Paraguai, feira realizada em Assunção, capital do Paraguai, para conhecer as indústrias brasileiras e paraguaias instaladas no país vizinho.

O grupo integra a missão empresarial organizada pela Fiesc com apoio da Fiems e do Sebrae/MS à Feira, que começou na última segunda-feira (09/07) e segue até sexta-feira (13/07), para fomentar negócios voltados a participação de empresas brasileiras no comércio internacional, oportunizando que empresários possam identificar e prospectar parceiros comerciais e tecnológicos e analisar o mercado internacional.

Os empresários sul-mato-grossenses conheceram a empresa Schadek, que fabrica óleo lubrificante para o setor automotivo em Santa Catarina e, desde o início deste ano, está instalada no Paraguai, e, em seguida, a missão empresarial conheceu a linha de produção da Mazzei, indústria de alimentos paraguaia que exporta para mais de sete países como China e Turquia.

Na Schadek, o grupo teve a oportunidade de observar in loco a experiência de um brasileiro que expandiu os negócios para o país vizinho e, além de observar a infraestrutura necessária para o funcionamento da empresa, puderam tirar dúvidas sobre os processos de logística, contratação de mão de obra, capacitação, entre outros.

“O principal objetivo desta visita era que os empresários que participam da nossa missão tivessem acesso e contato com um brasileiro que se instalou no Paraguai, para que ele pudesse compartilhar como foi o processo, as leis trabalhistas, ambientais, prefeitura, bombeiro, o passo a passo mesmo de como prosseguir”, afirma a gerente do CIN do IEL, Nathália Alves.

Empresário que integra a missão, Luis Renato Pedroso, diretor da Ecopneu, de Campo Grande (MS), destacou da visita a oportunidade de compartilhar experiências com um empresário bem-sucedido que atua no país vizinho. “A reunião foi muito importante porque eles foram muito claros e específicos na orientação de como abrir uma empresa no Paraguai, como é o mercado local, como funcionam os processos, desde a abertura até a venda dos produtos, então ficamos muito satisfeitos com estes esclarecimentos”, disse.

Sobre a Mazzei, a gerente do CIN ressaltou os aspectos da regulamentação sanitária praticada no Paraguai.  "Foi muito interessante porque conseguimos verificar na prática como funciona a regulamentação da fabricação de alimentos no Paraguai, e passamos a enxergar o país como plataforma para exportação global”, avaliou.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

GERAL
Marinha do Brasil resgata jovem que caiu do cavalo na Fazenda São Francisco
CULTURA
Prefeitura abre edital para festeiros de São João registrarem suas trajetórias
MEIO AMBIENTE
IHP realiza plantio e manutenção de mudas na nascente do Rio Miranda
GERAL
Para prevenção aos focos de incêndio no Pantanal, IHP e Sindicato Rural alinham atuação
EDUCAÇÃO
Uniderp abre seleção para mestrado e doutorado em Odontologia
Candidatos podem escolher entre duas áreas de concentração
SEGURANÇA PÚBLICA
Vereadora reivindica aumento do efetivo de policiais civis e militares na região
ASSISTÊNCIA SOCIAL E CIDADANIA
Município reforça enfrentamentos às violações de direitos de crianças e adolescentes
GERAL
Consórcio Brasil Central autoriza assinatura de contrato para importação da vacina Sputnik V
VACINAÇÃO
Poliesportivo está aberto para repescagem e aplicação de segunda dose da vacina da Covid-19
ECONOMIA
Trabalhadores nascidos em novembro podem sacar o auxílio emergencial

Mais Lidas

POLICIAL
PF prende quatro pessoas e apreende 180 kg de cocaína em MS
POLICIAL
PM apreende droga, plantas de maconha e prende autor de tráfico
POLICIAL
PM evita suicídio de homem, e o prende após violência doméstica
POLÍTICA
Iunes aceita convite do Podemos