Menu
quinta, 06 de maio de 2021
Governo - O Estado que cresce - Maio
Geral

Município visita mais de 3,1 mil imóveis em ações contra o Aedes aegypti

16 maio 2018 - 10h36Prefeitura de Corumbá

Boletim epidemiológico da Vigilância em Saúde mostra que durante a Semana 18 de 2018 (referente ao período de 29 de abril a 11 de maio) foram visitados 3.168 imóveis nas atividades de rotina combate ao mosquito Aedes aegypti. Nestes locais, as equipes da Secretaria Municipal de Saúde realizaram a eliminação de focos, com o objetivo de impossibilitar o desenvolvimento do vetor e orientação junto aos moradores para que evitem o acúmulo de materiais que possam favorecer o depósito de ovos do mosquito transmissor da dengue, zika vírus e chikungunya.

A equipe de bloqueio químico realizou a borrifação com a bomba costal em 770 imóveis nas micro Rancho LG, Senai, Humberto Pereira, Popular Nova, Corcal, Paiva e UPA. Também houve bloqueio mecânico nas micro áreas Cerâmica, Rancho LG, Senai, Paiva, Corcal e Humberto Pereira.

Houve ainda visita educativa em casa notificada para Dengue e Zika vírus - Bairro Loteamento Pantanal e realização de orientações de combate aos vetores e oficinas para a produção de repelente caseiro (Citronela e Cravo da índia) no CRAS II, bairro Guatós.

O boletim epidemiológico traz informações referentes à dengue, zika vírus; chikungunya; leishmaniose; conjuntivite acidentes e violência e Vigilância Ambiental em Saúde.

Dengue

Até a semana 18 foram notificados 142 casos de Dengue, destes 07 foram confirmados. A dengue é uma doença febril aguda, de origem viral e de evolução benigna na forma clássica, e grave quando se apresenta na forma hemorrágica. Transmitida pelo mosquito Aedes aegypti, a dengue é uma doença viral que se espalha rapidamente no mundo.

Vírus Zika

Até a semana 18 foram notificados 17 casos de Zika. A Zika é uma doença viral aguda, transmitida principalmente, pelos mosquitos Aedes Aegypti e Aedes albopictus, caracterizada por exantema manchas avermelhadas na pele, febre, vermelhidão nos olhos, dor nas articulações, dor de cabeça e dores musculares. A maior parte dos casos apresentam evolução benigna e os sintomas geralmente desaparecem espontaneamente após 3-7 dias.

Chikungunya

Até a semana 18 foram notificados 29 casos de Chikungunya destes, 03 casos foram confirmados nos bairros Nossa Senhora de Fatima, Guatós e Loteamento Pantanal. A transmissão se dá através da picada de fêmeas dos mosquitos Aedes aegypti e Aedes albopictus infectadas pelo vírus. Casos de transmissão vertical (transmissão da mãe para o filho durante a gestação ou durante o parto) podem ocorrer e, muitas vezes, provocam infecção neonatal grave. Pode ocorrer também transmissão por via transfusional (transfusão de sangue), considerada rara de acordo com protocolos analisados.

Leishmaniose

Até a semana epidemiológica 18 de 2018, foram confirmados 02 casos de Leishmaniose Visceral nos bairros Cravo Vermelho III e Popular Nova. A leishmaniose visceral era, primariamente, uma zoonose caracterizada como doença de caráter eminentemente rural. Mais recentemente, vem se expandindo para áreas urbanas de médio e grande porte e se tornou crescente problema de saúde pública no país e em outras áreas do continente americano, sendo uma endemia em franca expansão geográfica. É uma doença, caracterizada por febre de longa duração, perda de peso, fraqueza e anemia, dentre outras manifestações. Quando não tratada, pode evoluir para óbito em mais de 90% dos casos. No Brasil, a forma de transmissão é através da picada dos vetores Lutzomyia longipalpis, ou Lutzomyia cruzi, conhecidos popularmente por “mosquito palha”.

Influenza

Até a semana epidemiológica 18 foram registrados 12 casos suspeitos de infecção pelo vírus influenza. Comumente conhecida como gripe, a Influenza é uma doença viral febril, aguda, geralmente benigna e autolimitada. Frequentemente é caracterizada por início abrupto dos sintomas, incluindo febre, calafrios, tremores, dor de cabeça, dor muscular e perda de apetite, assim como sintomas respiratórios com tosse seca, dor de garganta e coriza. A infecção geralmente dura uma semana. Algumas pessoas, como idosos, crianças novas, gestantes e pessoas que apresentam outras enfermidades possuem um risco maior de desenvolver complicações devido à influenza. A vacinação é a intervenção mais importante na redução do impacto da influenza.

Conjuntivite

Até semana 18 foram notificados 1.288 casos de conjuntivite. A Conjuntivite é a inflamação da conjuntiva, membrana transparente e fina que reveste a parte da frente do globo ocular (o branco dos olhos) e o interior das pálpebras. Em geral, ataca os dois olhos, pode durar de uma semana a 15 dias e não costuma deixar sequelas. Ela pode ser aguda ou crônica, afetar um dos olhos ou os dois.

Vigilância Ambiental em Saúde

A Vigilância Ambiental em Saúde é um conjunto de ações que proporciona o conhecimento e a detecção de qualquer mudança nos fatores determinantes e condicionantes do meio ambiente que interferem na saúde humana, com a finalidade de identificar as medidas de prevenção e controle dos fatores de risco ambientais relacionados às doenças ou outros agravos à saúde.

Entre as atividades realizadas estão o cadastro de imóveis e distribuição de hipoclorito de sódio, coleta e analise de água para consumo humano e visitas técnicas e capturas de animais peçonhentos. Até semana 18 foram 60 visitas técnicas a imóveis nos bairros Cristo Redentor, Universitário e Centro; com a captura de 02 animais peçonhentos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

GERAL
MS recebe 50,5 mil doses da Astrazeneca do Ministério da Saúde
GERAL
PMA de Corumbá recebe doação de viatura da Vale para uso na fiscalização no Pantanal
SAÚDE
Prefeitura leva atendimento médico de rotina para o Porto Esperança
POLICIAL
Jovem é preso com 483 unidades de maconha no Cristo Redentor
POLICIAL
PMA apreende mais três tigres d'água em chácara
COVID-19
Vereador reforça necessidade de imunizar trabalhadores do CAC contra a Covid
ECONOMIA
Trabalhadores nascidos em maio podem sacar auxílio emergencial
POLICIAL
PRF apreende mais de 1,5 tonelada de maconha em MS
CIDADE
Vereador solicita informações sobre estágio de projeto de reforma do antigo mercadão
SEMANA NACIONAL DAS COMUNICAÇÕES
Wi-Fi Brasil leva internet a mais de 13 mil pontos remotos do país

Mais Lidas

POLICIAL
Assaltante é preso em flagrante no bairro Popular Velha
CONTRABANDO
PRF apreende carga com prata na BR 262 avaliada em 2 milhões de reais
EDUCAÇÃO
Senac oferece desconto de 30% em cursos EAD em diversas áreas
APOIO A SAÚDE
Vale inicia nova parceria na região com o projeto Ciclo de Saúde Pantanal