Menu
terça, 21 de setembro de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Geral

MS tem recorde na criação de empresas em outubro; comércio e serviços lideram

18 novembro 2020 - 09h43Redação

Mato Grosso do Sul abriu 766 novas empresas no mês de outubro, melhor resultado para o mês da série histórica iniciada em 2008, puxado pelos setores de comércio e serviços. Os dados são da Junta Comercial de Mato Grosso do Sul (Jucems) e confirmam uma leve tendência de recuperação da economia do Estado, mesmo atravessando uma pandemia.

O setor de serviços foi responsável por 62,7% dos novos negócios no mês de de outubro, com 481 empresas, em números absolutos. O comércio abriu 261 empresas, representando 34%, e a indústria totalizou 24 negócios, ou 3,13% do total de outubro.

"São números animadores para a nossa economia, que mostra que estamos seguindo uma tendência nacional nesta pandemia, do crescimento do empreendedorismo. Todo mundo teve que se adaptar a essa nova realidade e muitas pessoas optaram por abrir um negócio próprio, para melhorar a renda. Percebemos um número grande de lojas de vestuário, de transporte rodoviário de cargas e restaurantes, tudo isso impulsionado pela demanda do isolamento social, em que passamos a comprar mais de forma online, inclusive comida", afirma a economista do Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento da Fecomércio-MS (IPF-MS), Daniela Dias.

Em Campo Grande estão localizadas 45,9% das empresas abertas em outubro, seguida por Dourados com 9,14% e Três Lagoas com 4,31%. O quarto município que mais abriu empresas foi Ponta Porã, com 24, e Naviraí aparece em quinto com 23 novos negócios abertos em outubro.

De janeiro a outubro deste ano, foram criadas 6.681 empresas no Estado, número 9,5% maior que o mesmo período de 2019, quando foram constituídos 6.098 novos negócios. Os números de outubro já superam também o resultado de 12 meses de 2018, quando foram constituídas 6.360 novas empresas.

Fechamento 

Em outubro de 2020 o Estado fechou 323 empresas, o resultado é 5% inferior ao mesmo período de 2019. O setor de serviços fechou 51,3% ou 166 negócios no mês, seguido pelo comércio com 44% ou 143 e a indústria com 4,3% ou 14 empresas.Com informações da Semagro.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Brasil quer atrair mais investimentos privados, diz presidente na ONU
21 de setembro
Incêndios continuam e Corumbá não tem motivo para celebrar o dia da árvore
Mudança no prazo
Saúde mantém vacinação para adolescentes em MS
Dados Estatísticos
Índices de criminalidade apresentam queda em Mato Grosso do Sul
Limpeza
Nos dias 22 e 23 tem ação de combate à dengue no bairro Cravo Vermelho
Evento Virtual
Semana Temática do Empreendedorismo acontece nos dias 28, 29 e 30 de setembro
Crime
Concen pede ação da Polícia Civil no combate ao furto de fios de energia em MS
Maratona
Prorrogadas inscrições para o Hackathon IFMS
Naviraí
Casal preso por tráfico de aves silvestres recebe multa de R$ 2,5 milhões da PMA
243 anos
Corumbá celebra aniversário com retomada de desenvolvimento

Mais Lidas

Denúncia
Bar é fechado e proprietário é multado em R$ 5 mil por poluição sonora
Fronteira
Mulher presa com "cinturão de cocaína" receberia R$ 1.500 pela travessia
Oportunidade
Senac Corumbá abre inscrições para cursos na área da saúde
Tempo
Primavera terá La Niña de fraca intensidade, chuvas abaixo da média e muito calor