Menu
quarta, 28 de julho de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Expresso Mato Grosso - Promoção de Junho
Geral

Moradores podem retornar para casa mesmo com rio em estado de emergência

26 fevereiro 2018 - 13h49Midiamax

Segundo o fiscal ambiental do Imasul (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul), Jun Nukariya, o rio Miranda ainda não está estável e merece atenção, principalmente em Miranda. Na quinta-feira (22), o rio teve alerta de transbordamento.

Na região de Bonito, o nível do rio começa a baixar e as famílias estão fazendo a limpeza das casas para retornar. O coordenador da Defesa Civil de Bonito, Alexandre Ferro, afirma que a água do rio já baixou cerca de 2 metros nas últimas 24 horas. A localidade afetada foi o distrito Águas do Miranda e 60 famílias foram retiradas de suas residências. Segundo o coordenador, as chuvas previstas para esta semana não devem ser motivo de preocupação. “A chuva da semana passada foi histórica, por isso todo o estrago. Se for uma chuva normal, a situação deve ser tranquila”, afirma.

Em Miranda, o cenário do rio é preocupante. De acordo com informações do Imasul, o rio Miranda ainda está em situação de emergência e o nível sobe devagar. “O monitoramento será feito na região, ainda há um risco porque a meteorologia é imprevisível, nós não prevíamos os estragos da semana passada”, afirma o fiscal do Imasul. No município de Miranda, mais uma família foi retirada de casa durante a noite deste domingo (25). Segundo o coordenador da Defesa Civil Amarildo Arguelho, algumas famílias se recusam a sair de casa apesar do risco. “Tem 50 casas em que as famílias não querem sair. Nós conversamos com eles, mas não teve jeito. Agora o jeito é esperar, se encher mais eles vão ter que sair”.

O rio atingiu os 7,49 m em Miranda nesta manhã, segundo o Imasul. As quatro famílias retiradas de suas casas continuam em abrigos e casas de familiares. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Agricultura
Colheita do milho deve sofrer queda de mais de 2 milhões de toneladas
Destaque
MS mantém liderança no ranking da OPAS como melhor Estado que vacina contra Covid-19 no país
Olímpiadas
Tóquio: seleção brasileira vence a Arábia Saudita e avança às quartas
Calendário
Comprovação para a primeira chamada do Prouni termina hoje
Na Capital
Júri absolve assassino confesso por ele ter agido em "ato de desespero"
28 de julho
Dia do Agricultor: data valoriza papel dos trabalhadores rurais na economia
Com restrições
Visitas presenciais são retomadas a partir de 1º de agosto nos presídios de MS
Monitoramento
Ladário sai da bandeira vermelha e volta para laranja
Posicionamento
Com vacinação de profissionais da educação, volta às aulas presenciais é urgente
340 vagas
Matrículas para cursos de línguas do IFMS começam nesta quarta (28)

Mais Lidas

Em Corumbá
Receita Federal publica Edital para leilão de 82 lotes
Agressão
Homem é preso após arremessar cadeira contra esposa
Distribuição
Corumbá e Ladário recebem novas doses da vacina contra Covid
Novo Parceiro
Santhiago forma nova dupla e retorna para música