Menu
segunda, 21 de junho de 2021
Assembleia de MS - Campanha Mãos - Junho
Andorinha - Maio
Geral

Irmãs mudam de cidade após serem acusadas de espalhar Covid-19

23 junho 2020 - 15h15Midia Max

As irmãs Dalylla Lopes, de 27 anos, Talytta, 22, e Samylla, de 21, resolveram se mudar da cidade mato-grossense de Alto Araguaia, após perderem seus familiares por covid-19, e receberem acusações e comentários maldosos de que estariam infectando as pessoas da cidade com a doença.

 

Elas se mudaram no dia 11 de junho, seis dias depois da mãe, Lígia Suely Lopes, de 42 anos, morrer em decorrência do novo coronavírus. No fim de maio, as irmãs haviam perdido o avô materno, de 74 anos, para a mesma doença.

 

Conforme relataram à BBC, esse tem sido o período mais difícil que já enfrentaram. A mais velha, Dalylla, contou ter contraído a covid-19 e se recuperou, como outros quatro familiares.

Os casos na família foram os primeiros diagnosticados no Alto Araguaia. Atualmente, mais de cinco meses depois, o município tem 23 regitros confirmados e três mortos, incluindo a mãe das meninas e o avô.

 

Os comentários e as acusações começaram a ofender e incomodar as irmãs, de tal forma, que tomaram a decisão de mudar de cidade. “Disseram que fomos as responsáveis por levar o vírus para a nossa cidade. Recebemos muitas críticas. Isso tudo é muito triste”, comentou Dalylla.

 

As irmãs relatam que as diversas críticas que recebem têm tornado o atual período ainda mais difícil. “Estamos vivendo à base de remédios para dormir. A nossa vida nunca vai ser a mesma. Além das perdas, precisamos lidar com a falta de empatia das pessoas. Toda hora recebemos algum comentário maldoso nas redes sociais”, lamenta Talytta.

 

Por ter contraído a doença, Dalylla comento ainda, que se sente culpada pelas mortes da mãe e do avô. “Me sinto culpada porque isso custou a vida do meu avô e da minha mãe. Me sinto culpada por estar viva. É uma sensação muito ruim”, disse.

Deixe seu Comentário

Leia Também

RESGATE
Comando do 6º Distrito Naval resgata senhora na região do Paiaguás
O resgate foi efetuado com o auxílio de uma aeronave do 1º Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral do Oeste
GERAL
Processo Seletivo para contratação de Analista de Medidas Socioeducativas está com inscrições aberta
CULTURA
Votação para concursos de Andores de São João e Mini Andores termina amanhã
POLICIAL
PMA surpreende caçador, apreende arma e munições e frustra caçada ilegal
SAÚDE
Secretaria de Estado de Saúde distribui aos municípios 97.500 doses da vacina da Astrazeneca
CORONAVÍRUS
Corumbá registra em maio o segundo pior número nos óbitos por Covid-19 do ano
ECONOMIA
Empresários têm 9 dias para renegociar débitos do Fadefe
SAÚDE
Dia Mundial da Yoga: atividade terapêutica melhora qualidade de vida
ECONOMIA
Auxílio emergencial: beneficiários do Bolsa Família recebem hoje
ESPORTE
MS vai ao pódio seis vezes no Brasileiro de Canoagem Descida e assegura duas vagas ao Mundial

Mais Lidas

PROCURADOS
Mato Grosso do Sul tem 8 dos criminosos mais importantes na lista da Interpol
GERAL
Com lotes a partir de R$ 200, SAD fará leilão de 38 lotes de veículos e sucatas de veículos em julho
RESGATE DE ANIMAL
PMA de Corumbá resgata filhote de veado em condomínio no Aeroporto
POLICIAL
PMA prende infrator por porte ilegal de arma de caça