Menu
sábado, 27 de fevereiro de 2021
Andorinha Fevereiro
Andorinha Fevereiro
Geral

Indústria registra saldo positivo na geração de empregos pelo 2º mês consecutivo

02 abril 2016 - 10h39Correio do Estado
O setor industrial registrou saldo positivo na geração de empregos pelo 2º mês consecutivo em Mato Grosso do Sul, de acordo com levantamento do Radar Industrial da Fiems, divulgado nessa quinta-feira (31). Conforme a pesquisa, o setor fechou o mês de fevereiro com saldo positivo de 265 vagas. Segundo a Fiems, o setor industrial é composto pelas indústrias de transformação, de extrativismo mineral, de construção civil e de serviços de utilidade pública. No acumulado do ano de 2016, o total de vagas abertas pelas atividades industriais no Estado é 491. No entanto, em relação aos últimos 12 meses o resultado é negativo, com 9.068 vagas fechadas pelo setor. O coordenador de economia, estudos e pesquisas da Fiems, Ezequiel Rezende, informou que o conjunto das atividades industriais no estado encerrou fevereiro com 125.989 trabalhadores formalmente empregados, o que representa aumento de 0,27% em comparação com janeiro. Ainda segundo Rezende, a indústria registra o quarto maior contingente de trabalhadores formais em Mato Grosso do Sul e a atividade é responsável por 19,6% de todo emprego formal existente no estado atualmente, atrás apenas de serviços (29,5%), administração pública (20,3%) e comércio (19,6%). Em relação aos municípios do estado, 41 registraram saldo positivo de contratação na indústria no período de janeiro e fevereiro, com destaque para Campo Grande, com 353 novas vagas, Três Lagoas, com 334 e Água Clara, com saldo de 141 vagas. Entre as cidades que tiveram resultado negativo, Maracaju apresentou o pior resultado, com fechamento de 155 empregos formais, seguido por Maracaju (-138) e Ponta Porã (-128). Já com relação as atividades, as que mais registraram aumento de contratações foram construção de edifícios, abate de reses, exceto suínos, construção de rodovias e ferrovias e obras de terraplenagem. Já as principais atividades industriais que apresentaram saldo negativo foram fabricação de açúcar em bruto, fabricação de álcool, fabricação de produtos de pastas celulósicas, papel, cartolina, papel-cartão e papelão ondulado e construção de redes de transportes por dutos, exceto para água e esgoto.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

GERAL
UEMS abre inscrições para a seleção de professor temporário para curso de Medicina
BOLETIM COVID
Após um ano da pandemia no Brasil, MS ultrapassa 180 mil casos
GERAL
Vale anuncia doação de 50 milhões de seringas para combate à Covid-19
Ação faz parte de novo pacote de ajuda humanitária ao país, que prevê ainda doação de oxigênio e EPIs
ESPORTE
Governo assina convênio de apoio aos clubes para a disputa do Estadual
SAÚDE
Após suspensão, voo comercial traz brasileiros que vivem em Portugal
POLICIAL
Homem é preso no Centro de Corumbá por ameaçar mulher com uma foice
SAÚDE
Sábado e Domingo haverá drive para vacinar idosos acima de 80 anos contra a Covid-19
CIDADE
Projeto sobre identificação de ruas e sinalização de trânsito pode se tornar lei na cidade
Geral
Primeiro caso de covid-19 no Brasil completa um ano
POLICIAL
PRF recupera dois veículos em Mato Grosso do Sul

Mais Lidas

POLICIAL
Homem é preso no Centro de Corumbá por ameaçar mulher com uma foice
EDUCAÇÃO
Governo de MS decide pela retomada das atividades da REE de forma remota
POLICIAL
PM de Corumbá prende dupla por furto em praça pública no Nova Corumbá
GERAL
Governo prorroga toque de recolher e restrições seguem até 12 de março