Menu
segunda, 20 de setembro de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Geral

Idoso morre soterrado a três metros de profundidade durante escavação de fossa

30 junho 2020 - 15h00Midia Max

Valdomiro Cirilo da Conceição, de 80 anos, morreu soterrado na manhã desta terça-feira (30), enquanto trabalhava na escavação de uma fossa na região do bairro cidade Jardim, em Naviraí, a 359 quilômetros de Campo Grande. O Corpo de Bombeiros tentou resgatá-lo, mas ele não resistiu.

Conforme o site Tá Na Mídia Naviraí, a vítima era bastante conhecida na cidade por realizar este tipo de trabalho. No entanto, por volta das 08h50 acabou sendo atingida por desmoronamento de terra. 

Os socorristas foram acionados, mas por conta das dificuldades do local do acidente, só conseguiram retirá-lo três horas depois. O homem estava a cerca de três metros de profundidade. Todo o trabalho foi acompanhado por testemunhas que tinha a esperança de que Valdomiro fosse socorrido com vida.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Queimadas
Bombeiros abrem aceiro na vegetação seca para deter incêndios do Pantanal
Balanço
Em três dias, operação Fronteiras e Divisas apreendeu R$ 12 milhões em drogas
Alerta
Com umidade do ar registrando 10%, cidades de MS voltam a ficar em alerta
Preconceito não!
Jogo da Diversidade acontece hoje com cobertura ao vivo do Capital do Pantanal
Flagrante na fronteira
PMA desmonta acampamento mas caçadores escapam para o Paraguai
Programação
Criançada aprende a usar cores primárias na oficina do Sesc deste sábado
Retomada
UEMS lança Guia de Retorno de Atividades Presenciais
Salve Vidas
Para repor estoques de O-, O+ e A+ Hemosul da capital abre o dia todo neste sábado
Tempo
Sábado de sol, calor e tempo seco em todo Estado
Tentativa de Homicídio
Adolescente é socorrido com perfuração de bala na coxa

Mais Lidas

Balanço
Em três dias, operação Fronteiras e Divisas apreendeu R$ 12 milhões em drogas
Preconceito não!
Jogo da Diversidade acontece hoje com cobertura ao vivo do Capital do Pantanal
Flagrante na fronteira
PMA desmonta acampamento mas caçadores escapam para o Paraguai
Alerta
Com umidade do ar registrando 10%, cidades de MS voltam a ficar em alerta