Menu
sexta, 26 de fevereiro de 2021
Andorinha Fevereiro
Andorinha Fevereiro
Geral

Governo reforça investimento em diferentes áreas e incentiva pequeno e micro empresário da região

17 março 2016 - 13h19Gesiane Medeiros
A abertura oficial da Rota do Desenvolvimento, nesta quarta-feira (16), trouxe não só o governador Reinaldo Azambuja e dezenas de secretários, subsecretários, deputados e demais políticos, como uma onda de boas notícias para Corumbá e região. Na ocasião, o governo do Estado assinou com a prefeitura de Corumbá, convênios importantes de investimentos na área da saúde, infraestrutura, meio ambiente e economia, através do Propeg (Programa de Apoio ao Pequeno Negócio).Na ocasião foi assinado um dos mais aguardados decretos relacionados a economia da cidade, o de implantação do Programa de Estímulo à Exportação e Importação pelo Rio Paraguai, entre os portos de Porto Murtinho, Corumbá e Ladário. A medida traz benefícios para o setor produtivo, pois aquele que optar por realizar o transporte hidrográfico terá isenção no ICMS das operação realizadas na região. “É a grande saída em termos de logística e redução de custo, e esse debate que está sendo feito aqui hoje. Esse incentivo fiscal fortalece o destino da hidrovia que é uma saída importante não só para a economia da nossa região, mas para o Estado”, afirmou Paulo Duarte. Outros acordos também foram firmados, como a implantação do núcleo Bodoquena-Pantanal do Geopark, nas regiões de Corumbá e Ladário, a doação de medicamentos e a edificação para mais de 30 novos leitos na Santa Casa. Empresas promissoras para o avanço da cidade também receberam boas notícias, como o caso do criadouro de jacarés, Caimasul, que assim como outras 11 empresas receberam suas licenças ambientais para funcionamento. Paulo Duarte também anunciou que já foi liberado pelo governo do estado, verba de R$ 5 milhões para recapeamentos de vias da cidade. Sobre a Rota do Desenvolvimento O principal objetivo do programa da Rota é trazer solução rápida para os empresários da região, que necessitam regulamentar seus negócios para entrarem em funcionamento, durante o evento, o pequeno e micro empresário tem toda a estrutura pública a sua disposição para agilizar os procedimentos. Além da presença de instituições financeiras, palestras e contato direto com os secretários e gestores do governo para propor discussões e soluções para o setor. “Esta não é a primeira nem a última crise que o país vai passar, temos que tirar o ‘r’ da palavra crise e trabalhar com criatividade. Enquanto grandes cidades estão se afundando Mato Grosso do Sul está conseguindo crescer”, afirmou Reinaldo Azambuja ao Capital do Pantanal.O governador ainda ressaltou a importância do poder público saber abrir mão de impostos quando necessário para incentivar o empresário, a exemplo da usina ferro-ligas, “a empresa estava fechada há anos e o governo cedeu isenção nos impostos para que ela retornasse ao trabalho para gerar empregos diretos e indiretos, assim como renda e recursos para cidade”, disse Azambuja. O Sebrae afirma que somente no primeiro dia de atendimento da Rota, mais de 700 pessoas passarem pelas palestras e discussões propostas, afirmou ainda que a expectativa foi superada, pois a estimativa era de receber em torno de 500 pessoas nos três dias de evento. Segundo o Prefeito Paulo Duarte Corumbá possui um grande potencial empreendedor, lembrou que dentro de um ano, mais de 1700 empresas foram abertas na cidade, “muito se deve por Corumbá ter sido uma das primeiras a aderir ao programa SIM, que derruba a burocracia que antes era exigida para abrir um negócio”, disse Duarte. Plano Estadual de Mineração O secretário Jaime Verruck, da Semade (Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico), afirmou que até dezembro deste ano, o governador terá em mãos um plano estadual para a mineração. Para Verruck o Estado deve aproveitar seus recursos naturais e próprios para manter o crescimento que conseguiu obter em 2015. “Vamos avaliar o potencial de minério de ferro e planejar o melhor crescimento para o setor”, afirmou o secretário que também anunciou que já está sendo estudado uma nova política de pesca para o Estado, onde inclusive iniciou discussão durante a própria Rota do Desenvolvimento. Ambos os assuntos beneficiam Corumbá e região.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Arrecadação de impostos em janeiro somou R$ 180,221 bilhões
SAÚDE
Processo seletivo que seleciona médicos plantonistas tem inscrições abertas
BOLETIM COVID
MS passa a registrar 3.270 óbitos por coronavírus
GERAL
Thronicke considera uma vitória aprovação de projeto que facilita compra de vacinas anti-Covid
GERAL
Na final do Brasileirão, GFI interdita Avenida General Rondon
ESPORTE
Flamengo visita São Paulo em busca de título do Brasileiro
GERAL
Homem é alvejado por disparos de arma de fogo na Codrasa
CAPACITAÇÃO
Cassems realiza curso para implantação de UTI em Corumbá
POLICIAL
Policia Federal cumpre mandados de busca e apreensão na Capital
GERAL
Vereador pede a criação de novas sedes do Conselho Tutelar de Corumbá

Mais Lidas

GERAL
Na final do Brasileirão, GFI interdita Avenida General Rondon
GERAL
Homem é alvejado por disparos de arma de fogo na Codrasa
CAPACITAÇÃO
Cassems realiza curso para implantação de UTI em Corumbá
POLICIAL
Passageira de ônibus é presa com mais de 80 mil reais em Corumbá