Menu
quarta, 20 de janeiro de 2021
Andorinha - campanha dezembro
Andorinha - Dezembro
Geral

Genética da Embrapa presente nos leilões da Feapan 2018

17 novembro 2018 - 08h05Assessoria de comunicação

Nos leilões da Feapan - Feira Agropecuária do Pantanal 2018, promovida pelo Sindicato Rural de Corumbá e que ocorrerá até o dia 18 de novembro no Parque de Exposições Belmiro Maciel de Barros - a Embrapa Pantanal, como já é tradição, participará com diversas ações durante o evento.

Na noite de hoje, dia 16, a partir das 20h durante o 2º Leilão de Touros de Corumbá, a Embrapa Pantanal ofertará 13 animais que, além de serem avaliados pelo Geneplus - programa de melhoramento genético animal da Embrapa, acompanhados e registrados na Associação Brasileira de Criadores de Zebu (ABCZ), possuem a estimativa de DEP (Diferença Esperada na Progênie) Genômica.

O leilão, realizado pela leiloeira Leiloboi, ocorre no parque de exposições Belmiro Maciel de Barros, em Corumbá/MS. Os animais, provenientes da Fazenda Nhumirim - Campo Experimental de Pesquisa da instituição, são fruto do projeto de pesquisa intitulado 'Transferência de tecnologia e prospecção de demandas em programas de melhoramento genético para a produção sustentável de carne bovina', realizado pela Embrapa Pantanal em parceria com a Embrapa Gado de Corte e o Geneplus. No período que antecede o evento, os touros vêm sendo alimentados com uma ração balanceada doada pela Servsal Nutrição Animal, parceira da Embrapa Pantanal.

A partir das 20h deste sábado, dia 17, será realizado o 1º Leilão Noite do Cavalo Pantaneiro, onde a Embrapa ofertará a égua Guanabara da Embrapa, proveniente do Núcleo de Conservação do Cavalo Pantaneiro, localizado no Campo Experimental Fazenda Nhumirim. Além dela, outros equídeos de alto padrão que possuem genética da Embrapa e pertencem a diversos criadores renomados da região serão leiloados.

Segundo o presidente do Sindicato Rural de Corumbá, Luciano Leite, a participação de animais frutos de pesquisas feitas pela Embrapa é o grande diferencial da Feapan e de seus leilões, já que o produtor rural pode, nestes eventos, adquirir animais de ótima qualidade e desempenho. “Além da participação dos animais da Embrapa, a parceria com a instituição de pesquisa proporciona aos produtores diversas palestras ministradas por pesquisadores de renome da área”, concluiu Luciano.

Serviço:

Feapan - Feira Agropecuária do Pantanal 2018

Evento: 2º Leilão de Touros de Corumbá

Data:  16 de novembro 2018

Horário: 20h

Local: Parque de Exposições Belmiro Maciel de Barros -  Avenida Nossa Senhora do Carmo S/N – Corumbá/MS.

Mais informações: (67) 3232-5256 / 99922-5256

Evento: 1º Leilão Noite do Cavalo Pantaneiro

Data: 17 de novembro de 2018

Horário: 20h

Local: Clube Corumbaense - Av. General Rondon, 1338, Centro. Corumbá - MS

Raquel Brunelli d'Avila (DRT/ MS 113)

Embrapa Pantanal

Deixe seu Comentário

Leia Também

GERAL
Justiça do Trabalho leva sinal de internet para guatós que vivem isolados no Pantanal
SAÚDE
Vacinação contra a covid-19 já teve início em quase todo o país
CLIMA
Chuva forte e volumosa e temporais em SC, no PR, em MS e em SP
CULTURA
Sesc Corumbá abre inscrições para cursos de música, dança e pintura à distância
POLICIAL
Empresário de MS é preso durante Operação da Polícia Civil contra crime organizado
SAÚDE
Servidora há 30 anos, Vitória aplicou primeiras doses da vacina contra COVID-19 em Corumbá
COVID-19
MS ultrapassa a marca de 2,7 mil mortes e 152 mil casos confirmados de coronavírus
PRIMEIROS IMUNIZADOS
Corumbá e Ladário já tem os primeiros imunizados contra a Covid-19
GERAL
Casa tem princípio de incêndio após vela de altar derreter
GERAL
Corpo de Bombeiro captura jacaré que estava andando na rua em Ladário

Mais Lidas

POLICIAL
Empresário de MS é preso durante Operação da Polícia Civil contra crime organizado
SAÚDE
Servidora há 30 anos, Vitória aplicou primeiras doses da vacina contra COVID-19 em Corumbá
PRIMEIROS IMUNIZADOS
Corumbá e Ladário já tem os primeiros imunizados contra a Covid-19
GERAL
Justiça do Trabalho leva sinal de internet para guatós que vivem isolados no Pantanal