Menu
sábado, 19 de junho de 2021
Andorinha - Maio
Andorinha - Maio
Geral

Fla vence Bahia por 4 a 3 e sobe para a vice-liderança do Brasileirão

Após a partida, Gerson acusa meia Ramirez de racismo

21 dezembro 2020 - 08h20Mariana Conte

Flamengo acreditou até o fim e venceu. Mesmo com um a menos desde os nove minutos do primeiro tempo e sofrendo a virada no início da segunda etapa. O time de Rogério Ceni buscou os três pontos até o fim do jogo e derrotou o Bahia por 4 a 3, no Maracanã, em um jogo alucinante.

Com a vitória, o Rubro-Negro chegou a 48 pontos e agora é o vice-líder do Brasileirão, cinco ponto atrás do São Paulo e com um jogo a menos. Já o Bahia chegou à quinta derrota consecutiva e permanece com 28 pontos, na 16ª colocação.https://agenciabrasil.ebc.com.br/ebc.png?id=1396968&o=nodehttps://agenciabrasil.ebc.com.br/ebc.gif?id=1396968&o=node

O Flamengo começou em ritmo acelerado. Logo aos quatro minutos, Bruno Henrique recebeu lançamento pela esquerda, cortou para o meio e, na entrada da área, colocou no ângulo esquerdo do goleiro Douglas Friedrich. Cinco minutos depois, o Rubro-Negro perdeu seu artilheiro.

Gabigol foi expulso pelo árbitro Flávio Rodrigues de Souza após reclamação de uma falta não marcada. O atacante saiu revoltado do gramado. Com um a mais, o Bahia passou a pressionar o Flamengo e obrigou o goleiro Diego Alves a fazer duas grandes defesas. A primeira, aos 22 minutos, com o pé, em um chute de Nino Paraíba. A segunda, aos 29 minutos, espalmando um chute forte de Gilberto.

Apesar das tentativas dos visitantes, foi o Flamengo que marcou. Gérson deu belo lançamento para Bruno Henrique, que ganhou da zaga e tocou para Isla, de primeira, chutar de canhota e ampliar o placar. O Bahia sentiu o segundo gol e o Rubro-Negro, mesmo com um a menos, passou a controlar a partida.

Bruno Henrique teve mais duas chances ainda na primeira etapa. Aos 41 minutos, driblou Juninho e chutou para a defesa de Douglas. Nos acréscimos, o camisa 27 recebeu cruzamento de Arrascaeta e finalizou tirando tinta da trave do Bahia.

O Bahia começou o segundo tempo partindo para cima do Flamengo. Com um minuto de jogo, Gabriel Novaes entrou na área pela direita com chance de finalizar, mas preferiu o toque para Gilberto. O atacante não chegou na bola e acabou fazendo falta.  Quatro minutos depois, o Esquadrão de Aço diminuiu. Rossi recebeu pelo meio e deu lindo passe para Ramírez. O atacante dominou, limpou Natan e tocou na saída de Diego Alves.

O Flamengo sentiu o gol e o Bahia aproveitou o momento. Aos 10 minutos, Gilberto dominou pela esquerda e soltou uma bomba no ângulo esquerdo de Diego Alves. Golaço e tudo igual no Maracanã.  Nervoso, o Rubro-Negro se perdeu completamente em campo e o Bahia virou aos 13 minutos. Escanteio pela direita cobrado por Rossi e Gilberto, de cabeça, virou o jogo.

A resposta veio aos 18 minutos, quando Arrascaeta tocou para João Gomes finalizar na trave. No rebote, Bruno Henrique não conseguiu completar para o gol. O Bahia diminuiu o ritmo e, aos poucos, o Flamengo passou a chegar com mais perigo. O empate veio aos 36 minutos. Filipe Luís avançou pela esquerda e cruzou para Pedro, de peito, deixar tudo igual.

O Bahia só não ficou na frente do placar novamente porque Diego Alves operou um milagre no Maracanã. Aos 38 minutos, Rossi ganhou de Filipe Luís na corrida e cruzou. O goleiro rebateu. Na sobra, Rodriguinho chutou forte e Diego Alves salvou o Flamengo com uma bela defesa.

Quando parecia que o empate era inevitável, o Flamengo virou. E com um golaço. Pedro recebeu lançamento e tocou de letra, de primeira, para Vitinho. O atacante teve calma e tocou por cima de Douglas para garantir a vitória rubro-negra. Logo após o quarto gol do Flamengo, Daniel recebeu cartão vermelho por reclamação.

Na próxima rodada, o Flamengo enfrenta o Fortaleza, sábado (26), às 19h, no Castelão. Já o Bahia recebe o Internacional, domingo (27), às 16h, na Fonte Nova, em Salvador. 

 

Racismo

Logo após o Bahia marcar o primeiro gol no Maracanã, o meio-campista Gerson se revoltou com Ramírez. O camisa 8 do Flamengo estava visivelmente irritado com o jogador colombiano. Durante entrevista após o jogo Gerson acusou  Ramírez de racismo e criticou o técnico Mano Menezes.

“Eu tenho vários jogos pelo profissional e eu nunca vim na imprensa falar nada até porque eu nunca sofri esse preconceito e nunca fui vítima nenhuma vez, mesmo sendo eliminado de Libertadores, Copa do Brasil, eu nunca sofri esse preconceito. Depois ali o Mano até falou: 'agora você é vítima, né. O Daniel Alves te atropelou e você não falou nada’. Claro, porque teve respeito. Eu e ele.  O Ramirez - acho que foi quando a gente tomou o segundo gol,  não lembro -  o Bruno Henrique fingiu que ia chutar e ele reclamou com o Bruno. Fui falar com ele e ele falou bem assim para mim: ‘cala a boca, negro’. Eu nunca falei nada disso, porque eu nunca sofri, mas isso eu não aceito. Nunca falei de treinador, mas o Mano precisa saber respeitar. Estou vindo falar aqui em meio de todos os negros que existem no Brasil", disse Gerson.

Após a partida, o vice-presidente de futebol do Flamengo, Marcos Braz, fez um pronunciamento oficial sobre a ofensa racista a Gerson. "A gente está feliz com o resultado esportivo, mas muito infeliz por um fato que ocorreu dentro do campo relatado pelo Gerson em que sofreu uma... eu acho que a gente tem até dificuldade de falar. Ele sofreu uma ação de racismo dentro de campo, relatou isso para a imprensa, e o Flamengo, como instituição, como instituição centenária, vem se colocar à disposição do atleta, ao lado do atleta, e mais do que isso, peço a profunda apuração desse episódio que é infeliz, ele sempre foi infeliz, só que, infelizmente, é contundente no mundo de hoje. O Flamengo está ao lado do atleta, com o atleta, e pede uma profunda investigação sobre o relatado e as acusações [feitas] pelo atleta do Flamengo"., afirmou o dirigente. 

O Vasco da Gama também manifestou solidariedade ao jogador rubro-negro nas redes sociais. 

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

COVID-19
Comissão rejeita proposta de inclusão de jornalistas, bancários e vigilantes em grupos prioritários
SAÚDE
SES autoriza municípios a vacinarem com a Pfizer adolescentes acima de 12 anos com comorbidades
POLICIAL
PRF apreende 450 mil maços de cigarro contrabandeados na Capital
GERAL
MPF aponta risco de desaparecimento de espécies no Rio Paraná
Rio Paraná Energia, empresa da holding China Three Gorges Corporation (CTG), é acusada de descumprir regras ambientais e levar à beira do desaparecimento peixes como Pintado e Dourado
SAÚDE
SES prepara distribuição das 70.160 doses de vacina contra a covid-19 em MS
GERAL
Fórum apresenta avanços do Plano Estratégico em MS
POLICIAL
PMA e Bombeiros resgatam ave em extinção ferida
GERAL
Contribuintes têm até o dia 3 de agosto aderir ao REFIS 2021
EDUCAÇÃO
Terminam hoje as inscrições do Encceja 2020 para privados de liberdade
GERAL
Homem fica ferido após queda de cavalo no Pantanal

Mais Lidas

GERAL
Homem fica ferido após queda de cavalo no Pantanal
GERAL
Bombeiros combatem incêndio em concessionária no Centro
POLICIAL
PM de Corumbá prende homem com mandado de prisão em aberto na área central
GERAL
Atenção ao prazo: licenciamento de veículos com placas 3 e 4 vence neste mês