Menu
sexta, 21 de junho de 2024
Pantanal Tec - UEMS
Andorinha - 76 anos - Junho 2024
Geral

Festival da Carne do MS em vai até domingo (7) em Campo Grande

06 agosto 2022 - 09h27Redação

Iniciado na sexta-feira (5), o Festival da Carne do MS acontece no Armazém Cultural em Campo Grande, até domingo (7). O evento conta com o apoio da Associação Pantaneira de Pecuária Orgânica e Sustentável (ABPO) e tem como objetivo fortalecer a cultura e valorizar a pecuária local através da preparação de pratos típicos da região. A entrada é gratuita e as inscrições podem ser feitas através do site neste Link.   

“Durante os três dias do evento a população poderá provar a carne produzida pelos associados da ABPO. Nos sentimos honrados em apoiar este evento que promove a carne pantaneira, uma das melhores do mundo em relação a qualidade e respeito ao meio ambiente”, destaca Eduardo Cruzetta, presidente da ABPO.   

A carne com "terroir" pantaneiro, será destaque em estações comandadas por chefs renomados que apresentarão pratos pantaneiros para o público. O cardápio com a carne pantaneira conta com: Macarrão de comitiva orgânico que estará na estação dos chefs Paulo Machado e Moacir Sobral; Fettucini com ragu de ossobuco orgânico na estação da chef Bruna Lopes e o Locro Paraguaio que é o caldo de ossobuco com cupim oreado orgânico na estação do chef Silvio Trujillo.   

Esta é mais uma iniciativa da ABPO para trazer maior visibilidade para a carne certificada do Pantanal. A associação dá suporte ao produtor pantaneiro e sua atividade na pecuária, além de trazer valor para o pecuarista pantaneiro através da indicação geográfica - IG, que está sendo desenvolvida para fomentar o mercado de carne sustentável do Pantanal, aumentando assim a rentabilidade para o homem do campo e maximizando o compromisso com o bioma e sua biodiversidade.  
  

Serviço
Festival da Carne de MS 
Data: 05 a 07 de agosto de 2022 
Horário: 18h às 22h (dias 05 e 06) e 11h às 17h (dia 07) 
Local: Armazém Cultural 
Entrada Gratuita 

 
Sobre a ABPO 

Criada em 2001 por pecuaristas da região do Pantanal, a Associação Pantaneira de Pecuária Orgânica e Sustentável (ABPO) busca sistematizar a produção para atender aos requisitos da Pecuária Orgânica Certificada brasileira e da linha Carne Sustentável do Pantanal, atuando com conceitos modernos de qualidade e desenvolvimento sustentável e busca melhorar a rentabilidade da atividade econômica na região pantaneira, através da valorização dos produtos locais certificados e do reconhecimento pela sociedade dos serviços ambientais prestados pela conservação da biodiversidade e dos recursos naturais pelos produtores. 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Orientação
Fumaça provocada pelas queimadas no Pantanal exige cuidados extras com a saúde
Flagrante
Dupla é presa com quase 4 kg de maconha em ônibus que seguia para Capital
IBGE
Empresas formadas apenas por sócios e proprietários eram maioria e pagavam menores salários em 2022
Reunião
Brigada Voluntária define plano de ação em caso de incêndio na Apa Baía Negra
Tradição
Banho de São João começa hoje com Concurso de Andores e show de Thaeme e Thiago
Frota
Saúde de Corumbá ganha reforço com nova ambulância UTI Móvel
Oportunidade
Senai e Governo de MS lançam edital de R$ 10 milhões para iniciativas de bioeconomia na indústria
Utilidade Pública
Paço Municipal terá atendimento ao público em horário diferenciado na segunda-feira, dia 24
Cidadania
Programa Povo das Águas atende ribeirinhos do Taquari a partir deste domingo
Operação
Grupo Técnico inicia trabalho de resgate à animais atingidos pelo fogo no Pantanal

Mais Lidas

Cultura Pantaneira
Concurso de Andores e show de Thaeme e Thiago abre Banho de São João nesta sexta (21)
Paredão de fogo
Equipes atuam em cinco frentes de combate ao fogo no Pantanal
Em Dourados
Justiça do Trabalho de MS determina redução de jornada para trabalhador acompanhar filho com TEA
O caso é de Dourados e a redução da jornada de trabalho é de 50%, sem compensação de horas ou perda salarial para o trabalhador
Assistência
Abertas as inscrições para Casamento Civil Comunitário 2024 em Corumbá