Menu
quarta, 22 de setembro de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Geral

Fazendeiro é autuado por manter gado degradando matas ciliares de córrego

02 julho 2018 - 08h19Kamilla Marques

Policiais Militares Ambientais de Cassilândia realizavam fiscalização nas propriedades rurais do município, ontem à neste sábado (30) e autuaram um proprietário rural por degradação de matas ciliares de córrego. O infrator (64), residente em Cassilândia criava gado afetando áreas protegidas de matas ciliares de um corpo d’água denominado córrego Cedro que corta a propriedade.

A área utilizada para dessedentação e forrageamento do rebanho já estava degradada devido a retirada de parte da vegetação e o pisoteamento do gado iniciava processos erosivos de margens e assoreamento do córrego.

O infrator foi autuado administrativamente por danificar área considerada de preservação permanente (nascentes e matas ciliares) e foi multado em R$ 5.000,00. Ele também responderá por crime ambiental e poderá pegar uma pena de detenção de um a três anos.

As atividades foram interditadas e o proprietário rural foi notificado a retirar o gado das áreas de matas ciliares.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Brasil quer atrair mais investimentos privados, diz presidente na ONU
21 de setembro
Incêndios continuam e Corumbá não tem motivo para celebrar o dia da árvore
Mudança no prazo
Saúde mantém vacinação para adolescentes em MS
Dados Estatísticos
Índices de criminalidade apresentam queda em Mato Grosso do Sul
Limpeza
Nos dias 22 e 23 tem ação de combate à dengue no bairro Cravo Vermelho
Evento Virtual
Semana Temática do Empreendedorismo acontece nos dias 28, 29 e 30 de setembro
Crime
Concen pede ação da Polícia Civil no combate ao furto de fios de energia em MS
Maratona
Prorrogadas inscrições para o Hackathon IFMS
Naviraí
Casal preso por tráfico de aves silvestres recebe multa de R$ 2,5 milhões da PMA
243 anos
Corumbá celebra aniversário com retomada de desenvolvimento

Mais Lidas

Denúncia
Bar é fechado e proprietário é multado em R$ 5 mil por poluição sonora
Fronteira
Mulher presa com "cinturão de cocaína" receberia R$ 1.500 pela travessia
Oportunidade
Senac Corumbá abre inscrições para cursos na área da saúde
Tempo
Primavera terá La Niña de fraca intensidade, chuvas abaixo da média e muito calor