Menu
domingo, 03 de março de 2024
Andorinha - Novos ônibus - agosto 2023
Andorinha - Novos Ônibus - Agosto 2023
Geral

Famílias podem acolher intercambistas do IFMS

23 agosto 2018 - 09h42Kamilla Marques

Receber pessoas de outros países por um tempo determinado, possibilitando a troca de experiências culturais e o aprimoramento da fluência em uma língua estrangeira. Esses são alguns dos objetivos do Programa Família Acolhedora do Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS).

O programa consiste em cadastrar famílias voluntárias para que recebam em suas residências os chamados intercambistas, estudantes, professores ou pesquisadores vinculados a instituições estrangeiras que vierem estudar ou trabalhar em qualquer um dos dez campi ou na reitoria do Instituto Federal.

Qualquer família residente no Estado pode se cadastrar, porém a prioridade são servidores, estudantes e/ou famílias de estudantes do IFMS que atendam aos requisitos.

Para participar, a família acolhedora deve ter disponibilidade afetiva e financeira, convivência familiar estável e estrutura propícia para hospedagem.

Cadastro - Deve ser feito por meio do preenchimento e envio de formulário online.

Além de informar os dados pessoais, o responsável pelo acolhimento deverá responder a perguntas sobre a residência como, por exemplo, número de moradores, se há crianças, a distância até a unidade do IFMS, quais as linhas de ônibus disponíveis, se há fumantes e/ou animais domésticos, e se o intercambista terá um quarto individual.

O responsável também deve informar se tem disponibilidade para receber um ou dos intercambistas e por quanto tempo. Ao final, é preciso anexar os arquivos do documento de identificação com foto e do comprovante de endereço.

Os cadastros serão avaliados pela Comissão para Recepção de Intercambistas, que será formada preferencialmente por servidores da Assessoria de Relações Internacionais (Asint), Pró-Reitoria de Ensino (Proen), Núcleos de Gestão Administrativa Educacional (Nuged) e auxiliares da Asint nos campi.

As famílias aprovadas deverão assinar um termo de compromisso com o IFMS.

Responsabilidades - O programa define que a família acolhedora deve custear a estadia e a alimentação do intercambista no período de acolhimento preestabelecido entre as partes.

O visitante estrangeiro tem as responsabilidades de arcar com as passagens aéreas de ida e volta, seguro-viagem, despesas com passaporte e vistos, além dos gastos não previstos pela família acolhedora durante o intercâmbio.

O intercambista também deve manter o ambiente doméstico organizado e limpo, e contribuir financeiramente com as despesas da casa ou de eventos, respeitando o que foi previamente acordado com a família.

Os processos de inserção do estrangeiro na família acolhedora e no IFMS serão acompanhados pela Comissão para Recepção de Intercambistas, de acordo com as regras do programa.

Programa - Foi elaborado conjuntamente pela Pró-Reitoria de Extensão (Proex) e Assessoria de Relações Institucionais (Asint), e aprovado pelo Conselho Superior do IFMS por meio da Resolução nº 031, de 3 de agosto de 2018.

Programa Família Acolhedora e o acesso ao formulário online de cadastro estão disponíveis na página do programa.

Para mais informações, o contato deve ser feito pelos e-mails [email protected] ou [email protected].

Texto originalmente publicado em http://www.ifms.edu.br/noticias/familias-podem-acolher-intercambistas-do-ifms.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Dia D
Municípios de MS participam de mobilização nacional em combate à Dengue
Ecoa Pantanal
Relatório alerta sobre o efeito cumulativo das barragens no Pantanal
Plantão
Passageira sofre fratura exposta e é abandonada por motociclista
Em obras
Seilog garante que travesseia na ponte do rio Paraguai é segura
10 horas no trajeto
Criança é resgatada no Pantanal com miçanga no nariz
Em 5 cidades
Classificados para 3ª fase do Voucher Desenvolvedor participam de vivência no Senac
Campanha Nacional
Dia D contra a dengue convoca população a eliminar focos do mosquito
Atrasado
MEC divulga resultado da segunda chamada do Prouni
Aposta
Mega-Sena pode pagar R$ 185 milhões neste sábado
Destaque
Sistema E-Crie de MS é avaliado pelo Ministério da Saúde para implementação em nível nacional

Mais Lidas

Benefício
Prefeito assina decreto que regulamenta aumento no plantão de profissionais da saúde
Necessário
Recadastramento em programa do Governo que paga a conta de luz segue até 10 de maio
Em ônibus fretado
Três bolivianos são flagrados com 3,1 kg de cocaína nos calçados
Devido a obra
Travessia de caminhões cegonha na ponte do rio Paraguai ocorre com horários programados