Menu
terça, 26 de janeiro de 2021
Andorinha Janeiro/Fevereiro
Andorinha Janeiro/Fevereiro Mobile
Geral

Estudantes de 22 países encerram pesquisas em MS

02 agosto 2018 - 08h36Kamilla Marques

Nesta terça-feira, 31 de julho, estudantes do programa de Mestrado Internacional em Desenvolvimento Territorial Sustentável Erasmus Mundus apresentaram os resultados das visitas técnicas a cinco propriedades de Mato Grosso do Sul, em evento realizado às 16 horas, no auditório do Sebrae/MS na Capital.

A ação, parceria entre Sebrae e UCDB, integra a programação da Winter School, que levou alunos de 22 países para conhecerem casos de iniciativas sustentáveis em Campo Grande, Miranda, Maracaju, Bonito e Nioaque praticadas pelas próprias organizações locais, com foco em Agricultura e Turismo.

Durante as apresentações, os participantes compartilharam com o grupo os conhecimentos adquiridos durante as visitas. “Uma coisa é a gente ver dentro da sala de aula os atores que estão envolvidos em um projeto e ler sobre isso. Outra coisa é ir no lugar, ver quem são essas pessoas, falar com diferentes atores; isso nos dá uma base para entender como essas questões de desenvolvimento funcionam no mundo real, fora da academia”, declara Bibiane Tarasconi, uma das mestrandas do programa.

De acordo com a professora Dra. Cleonice Alexandre Le Bourlegat, docente da UCDB e coordenadora do mestrado no Brasil, a experiência foi uma oportunidade de disseminar práticas brasileiras e incentivar o desenvolvimento de outras iniciativas. “Foi muito enriquecedor, não só porque eles tiveram a oportunidade de conhecer o Brasil, como também de ajudar a pensar alguns casos, se internacionalizar e praticar a interculturalidade”, explica.

No próximo ano letivo, que se inicia em setembro, os estudantes terão mais um semestre de aulas e o segundo período será dedicado para escrever a dissertação e cumprir um estágio obrigatório. 

O Mestrado em Desenvolvimento Territorial Sustentável Erasmus Mundus existe desde 2011 e conta com a parceria do Sebrae há um ano. O programa está na sétima turma e o Brasil foi o primeiro país escolhido para sediar a escola de inverno.

“Nós temos uma atuação muito presente nesse sentido e acreditamos que ter a perspectiva do mestrando em localidades do nosso estado amplia o nosso olhar e a nossa atuação no sentido de conhecer o que podemos fazer a mais para que a prática do desenvolvimento, dentro de uma visão sistêmica, esteja cada vez mais presente nos pequenos negócios”, afirma Maristela França, diretora técnica do Sebrae/MS.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CHUVA
Corumbá já tem maior acumulado de chuva da história
SAÚDE
Corumbá recebe novo lote com 970 doses da vacina contra Covid-19
CIDADANIA
Prefeitura de Corumbá inicia ações da Semana da Visibilidade Trans; confira programação
COVID-19
MS apresenta 156,7 mil confirmações de coronavírus
DEFESA CIVIL
Volume de chuvas faz rio em Miranda atingir cota de emergência
EDUCAÇÃO
MEC anuncia regras para o Fies do segundo semestre de 2021
ACIDENTE DE TRÂNSITO
Bombeiros atendem colisão de carro e moto no Popular Velha
ALERTA
Período de calor e chuva contribui com aumento de acidentes com escorpiões
POLICIAL
PM de Corumbá recupera motocicleta furtada antes de proprietário perceber o crime no bairro Popular
POLICIAL
Em Corumbá homem é preso por violência doméstica contra sua mãe

Mais Lidas

CAPOTAMENTO
Carro capota no bairro Aeroporto e deixa casal ferido
CHUVA
Corumbá já tem maior acumulado de chuva da história
POLICIAL
Em Corumbá homem é preso por violência doméstica contra sua mãe
POLICIAL
PM de Corumbá recupera motocicleta furtada antes de proprietário perceber o crime no bairro Popular