Menu
domingo, 17 de outubro de 2021
Andorinha - Setembro e Outubro
Andorinha - Outubro e Novembro - MOBILE
Geral

Estado anuncia ainda esta semana regiões que terão medidas mais rígidas

14 julho 2020 - 10h21Daiany Albuquerque do Correio do Estado

O governo de Mato Grosso do Sul pretende apresentar, ainda esta semana, as microrregiões que deverão adotar medidas mais rígidas para conter o avanço da Covid-19, com abertura apenas de comércio essencial. Segundo o secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, reuniões estão sendo feitas para construir a proposta. 

“Estamos terminando a definição das microrregiões para as quais devemos indicar medidas mais rígidas, para que persigamos o porcentual de isolamento social compatível e não haja disseminação da doença”, declarou Resende ao Correio do Estado.

Conforme o secretário, os dados analisados terão como base o programa Prosseguir, lançado pelo governo do Estado no início deste mês, uma parceria com a Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS), que usa parâmetros como a ocupação de leitos e o monitoramento de casos e pacientes para estabelecer a situação das cidades. 

Resende afirmou que o anúncio será feito em parceria com as prefeituras e evitou usar o termo lockdown: “Estamos conversando com os gestores e diremos qual a data que cada local vai começar a fazer as medidas. Nada será feito sem consentimento das prefeituras”.

Ainda segundo o secretário, essas medidas preveem o fechamento das atividades comerciais que não fazem parte da categoria essencial, como supermercados, farmácias e postos de combustíveis.  “Serão medidas mais duras que levem ao isolamento social nas microrregiões mais problemáticas”.

 

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Tragédia
Médico do interior de SP é um dos sobreviventes de barco que naufragou; quatro parentes morreram
Atualizações
Dois dos corpos encontrados no rio Paraguai são identificados
Inédito
Tempestade de areia: Energisa recebeu 4 mil chamados em Campo Grande
Dia Mundial da Alimentação
Em MS, 69% da população está com excesso de peso e 36% com obesidade
Ensino Superior
UEMS investe mais de R$ 13 milhões em bolsas e auxílios para estudantes
Transporte
Expresso Queiroz tem autorização suspensa por incapacidade de atender passageiro
Defesa Civil
Tempestade de poeira e vendaval causaram estragos em pelo menos sete nos municípios
Cidade em alerta
Ventos de 64 km/h destelharam 20 casas em Corumbá
Previsão Meteorológica
Tempo continua fechado com chance de mais chuva para grande parte do Estado
Tragédia
Naufrágio no rio Paraguai deixou sete pessoas desaparecidas

Mais Lidas

Tragédia
Médico do interior de SP é um dos sobreviventes de barco que naufragou; quatro parentes morreram
Tragédia
Naufrágio no rio Paraguai deixou sete pessoas desaparecidas
Atualizações
Dois dos corpos encontrados no rio Paraguai são identificados
Cidade em alerta
Ventos de 64 km/h destelharam 20 casas em Corumbá