Menu
sexta, 21 de junho de 2024
Pantanal Tec - UEMS
Andorinha - 76 anos - Junho 2024
Geral

Encontro de trabalhadores e gestores do campo discute liderança e produtividade na pecuária em MS

Diante da importância desse profissional no cenário econômico do agronegócio do estado, acontece neste sábado

09 setembro 2022 - 10h53Midia Max

A função do capataz é ser o braço direito do proprietário rural, aquele que entende muito bem o negócio, lidera o time de peões e assegura o bom funcionamento da fazenda. Diante da importância desse profissional no cenário econômico do agronegócio do estado, acontece neste sábado (10) a sexta edição do Dia do Capataz, com credenciamento dos participantes às 7 horas, no espaço Terra Nova Eventos, saída para Rochedo.

Ao longo do dia, os profissionais da  terão acesso a palestras e treinamentos com especialistas renomados do segmento. Os workshops contemplam nutrição e manejo de equinos e bovinos, além de outros assuntos de relevância no mercado. Também serão debatidos os desafios que o capataz enfrenta no dia a dia do campo, sobretudo os aspectos comportamentais e de inteligência emocional no âmbito da liderança do negócio na agropecuária.

Conforme explica Rafael Souza, zootecnista e analista de marketing da Macal Nutrição, promotora do evento, a valorização do capataz é fundamental para o sucesso de uma propriedade rural. "Ele é o profissional essencial para o sucesso produtivo da fazenda de corte e, como líder, ele conduz uma equipe de peões que, juntos, lidam todos os dias com os desafios e particularidades do campo", reiterou.

 

Programação - Às 8h30, Marcos Zaqueta, considerado o melhor mágico da  pela International Magicians Society, com treinamentos ministrados a executivos de empresas como Petrobrás, GM, McDonald's e Latam, conduz a palestra "Você é o protagonista".

Em seguida, às 9h30, os zootecnistas Gabriel Dias e Poliana Reis oferecem o treinamento "Suplementação na prática: mitos e verdades". Às 10h30, o zootecnista especializado em profissionalizar a gestão de fazendas no Brasil, Paraguai e Bolívia, realiza a palestra "Como transformar trabalho em resultado".

Após o almoço, oferecido pelo evento, acontece, às 13 horas, o rodízio de oficinas com Tibiriçá Simões, casqueador e ferrador de equinos e bovinos, instrutor do Senar-MS, para quebrar paradigmas e desmistificar lendas em relação a esse tipo de trabalho nos equinos, para assegurar mais conforto e longevidade para esse companheiro do campo.

 

Por fim, o zootecnista e mestre pela Unesp de Jaboticabal (MG), Arquimedes Riobueno, termina o dia de treinamentos com a oficina "Bem-estar animal na prática". O encerramento do 6° Dia do Capataz está marcado para às 17 horas deste sábado.

Os ingressos podem ser adquiridos pela plataforma Sympla, em que consta a programação na íntegra do evento. Confira aqui.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Orientação
Fumaça provocada pelas queimadas no Pantanal exige cuidados extras com a saúde
Flagrante
Dupla é presa com quase 4 kg de maconha em ônibus que seguia para Capital
IBGE
Empresas formadas apenas por sócios e proprietários eram maioria e pagavam menores salários em 2022
Reunião
Brigada Voluntária define plano de ação em caso de incêndio na Apa Baía Negra
Tradição
Banho de São João começa hoje com Concurso de Andores e show de Thaeme e Thiago
Frota
Saúde de Corumbá ganha reforço com nova ambulância UTI Móvel
Oportunidade
Senai e Governo de MS lançam edital de R$ 10 milhões para iniciativas de bioeconomia na indústria
Utilidade Pública
Paço Municipal terá atendimento ao público em horário diferenciado na segunda-feira, dia 24
Cidadania
Programa Povo das Águas atende ribeirinhos do Taquari a partir deste domingo
Operação
Grupo Técnico inicia trabalho de resgate à animais atingidos pelo fogo no Pantanal

Mais Lidas

Cultura Pantaneira
Concurso de Andores e show de Thaeme e Thiago abre Banho de São João nesta sexta (21)
Paredão de fogo
Equipes atuam em cinco frentes de combate ao fogo no Pantanal
Em Dourados
Justiça do Trabalho de MS determina redução de jornada para trabalhador acompanhar filho com TEA
O caso é de Dourados e a redução da jornada de trabalho é de 50%, sem compensação de horas ou perda salarial para o trabalhador
Assistência
Abertas as inscrições para Casamento Civil Comunitário 2024 em Corumbá