Menu
sexta, 14 de maio de 2021
Andorinha - Maio
Andorinha - Maio
Geral

Em Corumbá juiz Odilon faz carreata e quer ganhar voto de indecisos

23 outubro 2018 - 11h03Sylma Lima
Do Aeroporto Odilon seguiu para uma carreata. Foto: Victor Viegas

Reta final de campanha e o voto do interior do estado pode fazer a diferença. Nesta corrida desenfreada pelo governo de Mato Grosso do Sul, onde os números recentes apontam diferença mínima entre os dois candidatos, o considerado empate  técnico , tudo pode acontecer. O que falta para o eleitor se decidir, é exatamente, o que pouco se mostrou nos debates transmitidos pelos grandes sites do estado, onde a discussão gerou polemicas sobre acusações de ambas as partes. Neste momento o povo quer propostas e projetos como saúde de qualidade, educação e segurança, todos previstos na Constituição Federal, mas pouco falado durante este segundo turno.

Em Corumbá nesta manhã de terça-feira,23, o juiz Odilon de Oliveira, PDT, foi surpreendido por um multidão esperando no aeroporto, ao contrário do que aconteceu nas outras vindas à estas terras pantaneiras. O que fez a mudança no comportamento do eleitorado, talvez seja a aproximação do pleito e, os que ainda estavam indecisos, aos poucos, mostram a cara, afinal, não da para ficar em ‘cima do muro’.

O juiz se surpreendeu com a quantidade de pessoas querendo tirar selfies ,ou pedindo pelo menos um abraço, durante a coletiva no aeroporto internacional da cidade. A tônica da entrevista foi o combate à corrupção em todas as esferas e, mais investimento em segurança pública, além da valorização do servidor publico. Questionado sobre um problema que ‘assombra’ o corumbaense, que é a ‘lenda’ do novo hospital, ou aparelhamento do que ai esta, ele foi categórico, “ dinheiro tem, se não roubar. Da para fazer” . Quanto a questão da fidelidade partidária, com relação a chapa majoritária, que apoia Haddad, ele disse que havia um entendimento da sigla, “que em outros estados quem fosse para o segundo turno estaria livre decidir quem apoiar”. Com relação às pesquisas de intenções de votos ele , novamente, disse que só acredita após a apuração, mas garantiu que, ‘vem surpresa’ por ai. O exemplo citado foi o primeiro turno, onde a maioria dos institutos de renome erraram feio, principalmente em Mato Grosso do Sul.

Debate

Quanto ao debate do jornal Midiamax exibido na noite desta terça-feira, entre Odilon (PDT) e Azambuja (PSDB) ele disse eu foi duramente atacado, “ por isso tive que me defender”

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

GERAL
Marinha do Brasil resgata jovem que caiu do cavalo na Fazenda São Francisco
CULTURA
Prefeitura abre edital para festeiros de São João registrarem suas trajetórias
MEIO AMBIENTE
IHP realiza plantio e manutenção de mudas na nascente do Rio Miranda
GERAL
Para prevenção aos focos de incêndio no Pantanal, IHP e Sindicato Rural alinham atuação
EDUCAÇÃO
Uniderp abre seleção para mestrado e doutorado em Odontologia
Candidatos podem escolher entre duas áreas de concentração
SEGURANÇA PÚBLICA
Vereadora reivindica aumento do efetivo de policiais civis e militares na região
ASSISTÊNCIA SOCIAL E CIDADANIA
Município reforça enfrentamentos às violações de direitos de crianças e adolescentes
GERAL
Consórcio Brasil Central autoriza assinatura de contrato para importação da vacina Sputnik V
VACINAÇÃO
Poliesportivo está aberto para repescagem e aplicação de segunda dose da vacina da Covid-19
ECONOMIA
Trabalhadores nascidos em novembro podem sacar o auxílio emergencial

Mais Lidas

POLICIAL
PF prende quatro pessoas e apreende 180 kg de cocaína em MS
POLICIAL
PM apreende droga, plantas de maconha e prende autor de tráfico
POLICIAL
PM evita suicídio de homem, e o prende após violência doméstica
POLÍTICA
Iunes aceita convite do Podemos