Menu
terça, 30 de novembro de 2021
Cassems - Rede Amo
Andorinha - Outubro e Novembro - MOBILE
Geral

Dois meses de Piracema resulta em 304 quilos de pescado apreendido e R$ 54,1 mil em multas

05 janeiro 2016 - 10h16
Nesta terça-feira (5) completa dois meses do período de defeso para reprodução dos peixes, a Piracema. Neste segundo mês, a quantidade de autuação foi quase o dobro da aplicada no mesmo período da última piracema, porém, a quantidade de pescado apreendida foi menor. Ao todo foram 304 quilos de pescado, contra 339 quilos da operação passada; 22 pessoas foram autuadas contra 12 na anterior; 17 pessoas foram presas em flagrante do delito e foram aplicadas multas que chegaram a R$ 54.140 mil contra R$ 26.720 mil durante o mesmo período da piracema passada. As maiores infrações ocorreram no rio Aquidauana nos municípios de Anastácio e Aquidauana.A PMA trabalha com a fiscalização intensiva para que haja o impedimento do ato da pescaria ilegal. Os relatórios de cada operação mostra que está é a melhor estratégia, já que a quantidade de pescado apreendido, está sendo reduzida com o passar dos anos, apesar da média de pessoas autuadas ser mantida. A expectativa é que a mesma quantidade de pescado apreendida durante esta piracema seja a mesma ou próxima a das campanhas anteriores, desde que a PMA tem adotado a estratégia de monitorar os cardumes no ano de 1999, a média tem sido de uma tonelada. A ordem do Comando da Militar Ambiental continua sendo a de encaminhar os autuados às delegacias para serem presos em flagrante, embora estes saiam após pagarem fiança. No entanto, isso serve para demonstrar ao autuado de que ele está cometendo um crime passível de cadeia. Além do mais, em caso de reincidência não há fiança. As pessoas autuadas responderão a processo criminal e poderão, se condenadas, pegar pena de um a três anos de detenção (Lei Federal 9.605/1998). Além disso, a multa administrativa é de R$ 700,00 a R$ 100.000,00, mais R$ 20,00 por quilo do pescado irregular (Decreto Federal 6.514/2008). A quantidade de petrechos de pesca, barcos, motores de popa apreendidos está dentro do que se apreendeu em piracemas anteriores. Segundo mês da piracema de 2012 à 2016
APREENSÕES 12/13 13/14 14/15 15/16
Auto de Infração SEMA 13 21 12 22
Prisão em Flagrante Delegacia 6 19 12 17
Pescado Apreendido 251 291 339 304
Anzóis de galho 289 387 243 193
Barcos 3 5 4 5
Carretilhas/Molinetes 8 12 4 5
Caniços 6 6 3 1
Canoas 1 0 1 2
Espinhéis 4 11 5 2
Freezer/Caixas Isotérmicas 3 7 2 2
Iscas (UN) 0 0 0 0
Motor de popa 3 5 4 5
Redes 19 16 11 12
Veículos 2 3 1 4
Tarrafas 4 10 6 7
Multas R$ 25.200 19.400 26.720 54.140
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Doe Vida
Nesta terça e quarta Corumbá realiza campanha de doação de sangue
Economia Local
Servidores municipais recebem salário de novembro hoje e 13º no dia 15 de dezembro
Alerta
Estudantes de medicina denunciam faculdade boliviana por aulas presenciais com casos de Covid
Transporte Aéreo
Voo ligando Corumbá a Campo Grande é solicitado durante sessão da Câmara
Vigilância
Nota técnica alerta população para doença mão-pé-boca
Direito Trabalhista
Primeira parcela do décimo terceiro deve ser paga até hoje
R$ 450 bilhões
Receita paga hoje restituições de lote residual do IRPF de novembro
Saúde Pública
Segunda etapa de vacinação contra febre aftosa termina hoje para Região do Planalto
Drenagem
Vereadora cobra por obras do Fonplata no bairro Cravo Vermelho
Meio Ambiente
MS e mais 4 Estados assinam Manifestação Conjunta pela recuperação da Bacia do Paraná

Mais Lidas

Oportunidade
IFMS abre 482 vagas em cursos de graduação gratuitos
No Pantanal
Estrada que liga ponte do Naitaca a rodovia tem previsão de entrega antecipada para janeiro de 2022
Corumbá
Bombeiros evitam explosão de gás de cozinha em casa do centro
Corumbá
Motorista abandona condutor de moto ferido após colisão