Menu
domingo, 26 de setembro de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Geral

Diretor garante que Butantan terá 46 milhões de doses da Coronavac prontas em janeiro

19 novembro 2020 - 08h45Top Midia News

Dimas Covas, diretor do Butantan, em São Paulo, confirmou que o instituto receberá doses prontas da vacina Coronavac, vindas da China. 

A confirmação foi em entrevista à CNN, nesta quinta-feira (19). Ele disse esperar que até janeiro do próximo de 2021 a vacinação com o imunizante possa ser iniciada. 
"Em janeiro teremos 46 milhões de doses prontas para iniciar a vacinação, se ocorrer o registro da Anvisa", afirmou.

Dimas lembrou também que, para o imunizante ser registrado, é preciso que os resultados de eficácia sejam comprovados à Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

"Esperamos que isso [o registro] ocorra no máximo até janeiro, início de fevereiro. Mais de 10 mil voluntários foram vacinados e estão em acompanhamento. A qualquer momento, poderemos ter esses resultados e finalizar os documentos para o registro"

Deixe seu Comentário

Leia Também

Denúncia
Homem morre e família acusa médica da UPA de negligência
Palestras
3ª edição da Semana da Saúde do Sesc tem foco nos reflexos da pandemia
SCT 2021
IFMS abre inscrições para Semana de Ciência e Tecnologia
Javaporco
PMA flagra criação ilegal de javalis em propriedade de Dourados
Alerta
De agendamentos a esquemas de 'pirâmides', entenda os maiores golpes do Pix em MS
Retomada
Fundtur recebe inscrições no Programa "Incentiva+MS Turismo" até 5 de outubro
Bonito
Mulher é multada em R$ 5 mil por desmatamento ilegal em área protegida
Imunização
Veja quem pode se vacinar neste fim de semana em Corumbá
Balanço
Mais de 50% das drogas apreendidas na Operação Fronteiras e Divisas I são de MS
Economia
Comércio deve facilitar pagamento e ser cauteloso para o Dia das Crianças

Mais Lidas

Denúncia
Homem morre e família acusa médica da UPA de negligência
Imunização
Veja quem pode se vacinar neste fim de semana em Corumbá
Desenvolvimento
Comissão mista homologa consórcio que vai construir ponte da Rota Bioceânica em MS
Bonito
Mulher é multada em R$ 5 mil por desmatamento ilegal em área protegida