Menu
terça, 09 de março de 2021
Andorinha Fevereiro
Andorinha Fevereiro
Geral

Depois de impasse, empreiteira receberá R$ 8,6 milhões para duplicar MS-080

29 dezembro 2015 - 10h36Correio do Estado
Depois de impasse envolvendo análise de propostas de empreiteiras, o Governo do Estado divulgou nesta terça-feira (29) que a Anfer Construções e Comércio venceu licitação para duplicação da MS-080. A empreiteira receberá R$ 8,6 milhões pelo trabalho. O valor é referente somente ao lote 1 da licitação, que compreende a duplicação da Avenida Euler de Azevedo no trecho entre a Avenida Presidente Vargas e o anel rodoviário de Campo Grande, na saída para Rochedo. Ao todo, o Governo espera gastar mais de R$ 15,3 milhões com toda a obra. Ainda não há prazo definido para o início dos trabalhos. IMPASSE A licitação foi lançada pelo Governo do Estado em julho deste ano e houve atrasos em razão de análise que precisou ser feita pela Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos (Agesul) na proposta que primeiramente foi declarada como vencedora, da Weiller Construção Civil, do Paraná. Depois dessa desclassificação, as empreiteiras Anfer e Construtora Industrial São Luiz S/A voltaram novamente à concorrência depois de terem recorrido. A análise das duas propostas demorou e, por isso, o resultado de um dos lotes só saiu hoje. OBRAS A duplicação da avenida, que dá início à MS-080, é em trecho de 4,5 Km entre o cruzamento da avenida Presidente Vargas até a obra de continuidade do anel viário de Campo Grande. Conforme edital da licitação, o orçamento para a intervençÃo é de R$ 15,3 milhões. Isso porque segundo a Agesul, trecho de dois quilômetros entre a entrada da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) até o anel rodoviário, foi orçado em R$ 6,1 milhões pela São Luiz e os outros 2,5 quilômetros, entre a Presidente Vargas até o macroanel, deve sair por R$ 8,6 milhões. Segundo o governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), a obra de duplicação é necessária tanto devido o aumento do fluxo de veículos pela avenida com a instalação da UEMS ali - desde agosto deste ano -, quanto com a finalização do anel viário (apesar de não haver nenhuma data para entrega da intervenção). Nenhum imóvel deve ser desapropriado para as obras, conforme a Agesul.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

BOLETIM COVID
SES registra mais 25 mortes por covid e MS chega a 3.469 óbitos
ESPORTE
Estadual de Futebol 2021: Jogos do grupo B terminam empatados em 1 a 1 neste domingo
MULHERES
Reinaldo Azambuja assina decretos que fortalecem políticas públicas para as mulheres
EDUCAÇÃO
Inep publica resultado das análises de recursos do Revalida
PROCESSO SELETIVO
Funsau abre processo seletivo para contratação de agente de farmácia, farmacêutico e médico
CRIME DE RECEPTAÇÃO
Homem vai para a delegacia por conduzir na BR 262 veículo roubado
POLICIAL
Homem é preso por receptação e apreende moto furtada no bairro Vila Mamona
DIA INTERNACIONAL DA MULHER
Na linha de frente, mulheres fazem gestão de excelência no combate da pandemia da Covid-19
POLICIAL
PM prende homem com mandado de prisão durante rondas no bairro Vila Guarani
POLICIAL
PM de Corumbá recupera motocicleta roubada minutos após o crime no bairro Popular Nova

Mais Lidas

POLICIAL
PM de Corumbá recupera motocicleta roubada minutos após o crime no bairro Popular Nova
DIA INTERNACIONAL DA MULHER
Mulheres da Saúde: Do lar para a rotina desafiadora dos hospitais e consultórios
GOLPE DE LOCADORA
Na BR 262 policiais apreendem quatro veículos de "golpe de locadora"
POLICIAL
Homem é preso por dirigir sob efeito de álcool, desobediência, desacato e ameaça